RESUMO TEORIAS DA COMUNICAÇÃO AV2
2 pág.

RESUMO TEORIAS DA COMUNICAÇÃO AV2


DisciplinaTeoria da Comunicação I1.992 materiais92.508 seguidores
Pré-visualização1 página
ESTUDANDO PARA TEORIA DA COMUNICAÇÃO AV2Racionalidade técnica da sociedade capitalista:
-Autodeterminação dos indivíduos
-Dominação de uma sociedade regida por princípios econômicos.
1-ESCOLA DE FRANKFURT: 
Investigação crítica da sociedade capitalista
Debate das ideias de marx
Influência de Kant, Hegel, Freud, Nietzsche
Associação da Psicanálise com o Marximismo
Revista de pesquisa social: Estudos sobre autoridade e família
Horkheimer, Adorno, Benjamin e Marcuse
Exílio nos EUA
INDÚSTRIA CULTURAL: Maneira como a cultura foi apropriada pelo capitalismo industrial e transformada em atividade econômica a serviço do controle social, que manipula a consciência da massa humana.
PRODUÇÃO CULTURAL(exploração comercial):
	-Produção em série			-Baixa qualidade dos produtos elaborados pela indústria cultural
	-Deteriorização dos padrões culturais	-Exploração dos bens
	-Dominação técnica (imposição)	-Passividade do consumidor
	-Produtos carregados de ideologia dominante
	-Cinema, rádio, TV em substituição à religião em seu ópio \u201cconforto\u201d
	-Relação diferenciada dos produtos culturais com o consumidor diferente da relação com o original
Pensadores teóricos repudiam: Cultura de massa/ novas formas tecnológicas que propiciam uma nova estética
Cultura de elite: público restrito
Cultura popular: própria do saber das classes populares
Cultura de massa: voltada para o consumo
2-ESCOLA AMERICANA: Estuda os efeitos dos meios de comunicação sobre os indivíduos
Herdeira do POSITIVISMO(Bate de frente com o Marximo)
Herbert Spencer(pensador inglês)
	1-TEORIA HIPODÉRMICA: Estuda os efeitos/tempo que leva os MCM influenciarem no indivíduo
	2-TEORIA MATEMÁTICA: Comunicação vista como um sistema e não um processo.
	3-FILTROS SOCIAIS: Líderes de opinião(líder familiar, líder religioso). Filtra tentando abrir os olhos para os controles sociais.
	4-FAMÍLIA+ESCOLA+IGREJA:A manipulação por meio do MCM trabalha em conjunto(líder de opinião)
Líder de opinião: Pessoas que se destacavam como líderes e formadores de opinião. Atua como formador de opinião informal.
3-ESCOLA SOCIOLÓGICA EUROPEIA
UMBERTO ECO: Italiano, obra mais popular: \u201cO nome da Rosa\u201d/Livro: Apocalípticos e Integrados
Ao estudar a cultura de massa, problematiza dois polos de análise:
1-APOCALÍPTICOS: (Frankfurt): 
Veem os produtos da cultura de massa de forma catastrófica. Não haveria qualquer possibilidade de emancipação do receptor frente ao poder da cultura de massa.
2-INTEGRADOS: (Americana/Funcionalista):
Creem nas boas possibilidades dos produtos da cultura de massa. Acesso de todos aos bens culturais de massa, permitindo nova formação do homem.
 Sugere a substituição do termo \u201ccultura de massa\u201d por \u201ccomunicação em massa\u201d
OLIMPIANO: O teórico Edgard Morin/Roland Barthes, promovem bens matérias/ mito da felicidade/natureza humana e sobrehumana das celebridades.
INTERDISCIPLINARIDADE: \u201cA comunicação é uma espécie de encruzilhada pela qual muitos passam.\u201d(Wilbur Schrammam)
As pesquisas em comunidade frequentemente usam métodos de outra áreas.
A comunicação está interliga/conversa com outras ciências, promove interação.
SÉCULO XX: Diversas correntes teóricas buscam explicar os fenômenos da comunicação de massa
Robert Merton: Um dos autores do texto \u201cComunicação de massa, gosto popular e organização da ação social\u201d
Paul la Zars Feld: Contribui com o estudo acima.
Seguem a escola funcionalista/americana
Representantes do POSITIVISMO/Criar leis científicas para explicar os mecanismos da sociedade e desenvolver formas para combater os movimentos que tentaram desestabilizar a ordem.
FRANKFURT: (Benjamim, Adorno, Horkheimer)
Objeto de estudo: Focado na comunicação de massa e na indústria cultural.
Desenvolvimento: Alemanha, década de 30,40,50/EUA: década de 40.
INDÚSTRIA CULTURAL: O capitalismo cria condições para uma democratização da cultura , mas torna os bens culturais objetos de produção industrial. A cultura é convertida em mercadoria.
SISTEMA CAPITALISTA: A população é estimulada a desempenhar tarefas necessárias para a manutenção do sistema econômico por meio do consumo massificado estético.