A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
ODONTOLOGIA EQUINA

Pré-visualização | Página 1 de 1

ODONTOLOGIA EQUINA
Identificando os dentes: 
Superior – casa do 100 (direita do animal) e 200 (esquerda).
Inferior – casa do 300 (esquerda) e 400 (direita). 
São divididos em grupos bilaterais de 3 (exceto pelos dentes de lobo e caninos): 
3 incisivos (SD 101, 102, 103/ SE 201, 202 203/ IE 301, 302, 303/ ID 401, 402, 403)
1 canino (SD 104/ SE 204/ IE 304/ ID 404)
1 dente de lobo (SD 105/ SE 205/ IE 305/ ID 405)
3 pré-molares (SD 106, 107, 108/ SE 206, 207, 208/ IE 306, 307, 308/ SD 406, 407, 408)
3 molares (SD 109, 110, 111/ SE 209, 210, 211/ IE 309, 310, 311/ ID 409, 410, 411)
EXAME DA CAVIDADE ORAL 
Exame dos dentes incisivos: oclusão; número; orientação; 
Exame dos dentes pré-molares e molares: Bochechas /movimento (ferimentos); contagem, posicionamento; desgaste, acúmulo de alimento;
Alterações: Gancho, rampa, pontas, onda, degrau, prognatismo, braquignatismo.
Indicador de idade: sulco de galvayne (sulco no terceiro incisivo).
7 anos – sem sulco
10 anos – pequeno sulco superior.
15 anos – médio sulco superior.
20 anos – grande sulco superior. 
25 anos – médio sulco inferior.
30 anos – pequeno sulco inferior.
Erupção dos dentes definitivos por idade:
Primeiro pré-molar – 5 a 6 meses.
Primeiro molar - 9 a 12 meses 
Primeiro incisivo, segundo pré-molar e segundo molar – 2 anos/2,5 anos.
Segundo incisivo, terceiro pré-molar e terceiro molar – 3,5 anos/3 anos/3,5 a 4 anos. 
Quarto pré-molar (dente de lobo) – 4 anos.
Canino – 4 a 5 anos.