4ºPORTUGUÊS INSTRUMENTAL I COM GABARITO.d
2 pág.

4ºPORTUGUÊS INSTRUMENTAL I COM GABARITO.d


DisciplinaPortuguês69.484 materiais1.590.992 seguidores
Pré-visualização1 página
PORTUGUÊS INSTRUMENTAL I
	Simulado: CCJ0214_SM_201303088223 V.1 
	Aluno(a): DALVA GOVEL CASPARY
	Matrícula: 201303088223
	Desempenho: 0,3 de 0,5
	Data: 09/11/2017 16:23:09 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 201303825294)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	No gênero relatório jurídico,  predomina uma tipologia textual. Identifique-a, com base no relatório oferecido.
Trata-se de acusação subtração do dinheiro do motel Lulu, em face de Sidnei Pedrosa dos Santos, 30 anos. O fato ocorreu na Av. Pedro Dias, no Jardim Santo Antônio, zona sul de São Paulo, no dia sete de agosto de dois mil e sete, às três horas.
Segundo a Polícia Militar, desde 2005, Santos é procurado por possível participação em um sequestro.
De acordo com os autos, um segurança da área externa do motel  observou Santos entrar, sozinho, no local e deixar sua acompanhante esperando-o do lado de fora. Desconfiou da situação e chamou a polícia.
Ainda conforme os autos, o acusado, simulou estar armado, rendeu uma gerente e uma recepcionista e apossou-se do dinheiro que havia na caixa registradora.
Segundo Moisés da Silva, gerente do estabelecimento, Santos colou os lábios das duas mulheres rendidas  com Superbonder, a fim de impedi-las de chamar a polícia.
Consta nos autos que, no momento da prisão, Santos possuía R$ 1 300,00 em dinheiro e nenhuma arma.
Santos afirmou que pretendia levar o dinheiro como empréstimo, para gastá-lo em outro motel.
Santos responderá por roubo.
               É o relatório.
		
	 
	Narração, porque apresenta os elementos indispensáveis para compor um fato.
	
	Argumentação, porque defende os direitos do motel.
	
	Descrição, porque apresenta um ato que deve ser punido.
	
	Argumentação, porque acusa Sidnei de roubo.
	
	
Narração, porque predomina o objetivo de influenciar o leitor a assumir uma posição contrária a Sidnei.
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201304118459)
	Pontos: 0,0  / 0,1
	Assinale a opção que completa corretamente a frase:
Daqui ....... dois dias retornarei ....... Belém.
		
	
	há, à
	 
	a, a
	
	à, a
	 
	há, a
	
	à, à
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201303831762)
	Pontos: 0,0  / 0,1
	COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO (2014) De acordo com a norma-padrão, assinale a alternativa que apresenta outra redação possível para Na agricultura orgânica, não é permitido o uso de substâncias que coloquem em risco a saúde humana e o meio ambiente.
		
	
	Na agricultura orgânica, não é permitido o uso de substâncias os quais coloquem em risco a saúde humana e o meio ambiente.
	
	Na agricultura orgânica, não é permitido usar substâncias as quais exponham ao risco à saúde humana e o meio ambiente.
	 
	Não é permitido, na agricultura orgânica, o uso de substâncias que oferecem risco à saúde humana e ao meio ambiente.
	 
	Não é permitido, na agricultura orgânica, a utilização de substâncias que coloquem em risco a saúde humana e o meio ambiente.
	
	Na agricultura orgânica, a utilização de substâncias que trazem risco à saúde humana e ao meio ambiente não é permitido.
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201303850221)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Assinale a alternativa incorreta sobre o novo acordo ortográfico:
		
	
	O sobrenome de Gisele Bündchen mantém o trema porque é palavra estrangeira e é sobrenome.
	
	¿Antissocial¿ escreve-se junto, pois nas formações em que o prefixo termina em vogal e a segunda palavra começa com as consoantes r ou s, estas consoantes deverão ser duplicadas.
	
	O trema foi abolido da ortografia oficial, mas se mantém em palavras estrangeiras e em sobrenomes.
	
	Na palavra ¿mandachuva¿, segundo o Novo Acordo, vale, agora, apenas a grafia sem hífen, que ¿ pelo menos, teoricamente ¿ atesta a perda da noção da composição pelos usuários da língua.
	 
	Em ¿antissocial¿ é válido o uso do hífen conforme o novo acordo ortográfico.
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201303868844)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Na frase: ¿A publicidade, nesse sentido, não refreia, mas reforça o desejo pelo efeito das drogas. Por favor, não se pode culpar os publicitários por isso ¿ eles, assim como todo mundo, não sabem o que fazem.¿ , a expressão NESSE SENTIDO tem valor:
		
	
	a) Conformidade
	
	e) Adição
	 
	d) Explicativo
	
	b) Comparação
	
	c) Adversativo