A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AV FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS Estácio EAD

Pré-visualização | Página 1 de 2

Avaliação: CCJ0100_AV_201607039001 » FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS
	Tipo de Avaliação: AV
	Aluno: 
	Professor:
	LAURA EUGENIA PEREZ FREITAS
	Turma: 9014/AG
	Nota da Prova: 6,0    Nota de Partic.: 0   Av. Parcial 2  Data: 16/11/2017 15:06:50
	
	 1a Questão (Ref.: 201607812216)
	Pontos: 0,5  / 1,0
	Tylor elabora o conceito de cultura considerando-a como objeto de estudo sistemático, pois possui causas e regularidades. Qual a definição proposta por este autor? De acordo com sua teoria, como se entende a diversidade cultural?
		
	
Resposta: A diversidade cultural é baseada nos diversos grupos sociais existentes. Em cada um, há uma cultura, uma forma de agir cultural de acordo com as características do grupo.
	
Gabarito: O aluno (a) deve definir o conceito de cultura cunhado por este autor, além de explicar que as diferenças culturais eram entendidas como fruto da desigualdade nos estágios sociais, criados dentro de uma escala evolutiva e valorativa.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201607223861)
	Pontos: 0,5  / 1,0
	Jovens roubam e agridem doméstica e afirmam que a confundiram com prostituta A empregada doméstica Sirley Dias de Carvalho Pinto, de 32 anos, teve a bolsa roubada e foi espancada por cinco jovens moradores de condomínios de classe média da Barra da Tijuca, na madrugada de sábado. Os golpes foram todos direcionados à sua cabeça. Presos por policiais da 16ª. DP (Barra), três dos rapazes - o estudante de administração Felippe de Macedo Nery Neto, de 20 anos, o técnico de informática Leonardo Andrade, de 19, e o estudante de gastronomia Júlio Junqueira, de 21 - confessaram o crime e serão levados para a Polinter. Como justificativa para o que fizeram, alegaram ter confundido a vítima com uma prostituta. (Publicada em 24/06/2007 em O Globo On Line). Identifique o fato social implícito no texto. Fundamente sua resposta segundo a concepção durkheimiana.
		
	
Resposta: Para os rapazes, a prostituta merecia ser espancada e roubada. Um fundamento social de que prostituta é um indivíduo discrimidado, abaixo do nível dos rapazes, conceito social e cultural errôneo, mas ainda cultivado.
	
Gabarito: O crime como fato social. A conduta delituosa dos jovens apresenta as características do fato social preconizadas por Durkheim, a saber: exterioridade, coercitividade e generalidade.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201607055572)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Sobre a sociologia, como ciência que investiga as relações humanas em sociedade, é CORRETO afirmar que:
		
	
	A sociologia é o estudo da vida social humana, dos grupos humanos e das sociedades. O objeto de estudo é restrito à análise de algumas situações sociais específicas.
	 
	A sociologia é o estudo da vida social humana, dos grupos humanos e das sociedades. O objeto de estudo são os grupos sociais, a divisão da sociedade em classes, a mobilidade social , bem como os processos de cooperação, competição e conflito na sociedade.
	
	A sociologia é o estudo da vida social humana, dos grupos humanos e das sociedades. O objeto de estudo é o comportamento dos indivíduos como seres sociais e não sociais.
	
	A sociologia é o estudo da vida social humana, dos grupos humanos e das sociedades. O objetivo é estudar as relações sociais e as formas de associação, não considerando as interações que ocorrem na vida em sociedade.
	
	A sociologia é o estudo da vida social humana, dos grupos humanos e das sociedades. O objetivo da sociologia é apresentar visões particulares de mundo dos sociólogos.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201607054588)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Leia atentamente a texto abaixo: "(...) O que é pesquisa etnográfica? A definição de etnografia encontrada em dicionários, como normalmente acontece em relação a disciplinas, é bastante vaga: estudo dos povos e de sua cultura. Os especialistas, entretanto, também não têm uma conceitualização definida da disciplina, nem do que pode ou não ser considerado pesquisa etnográfica (Hammersley, 1994:01). Apesar das diferenças entre os pesquisadores, alguns pontos em comum podem ser pinçados. Originariamente desenvolvida na antropologia, a pesquisa etnográfica propõe-se a descrever e a interpretar ou explicar o que as pessoas fazem em um determinado ambiente (sala de aula, por exemplo), os resultados de suas interações, e o seu entendimento do que estão fazendo (Watson-Gegeo, 1988:576). Em outras palavras, esse tipo de pesquisa procura descrever o conjunto de entendimentos e de conhecimento específico compartilhado entre participantes que guia seu comportamento naquele contexto específico, ou seja, a cultura daquele grupo (Hornberger, 1994:688). Portanto, parece consensual que a etnografia descreve a cultura de um grupo de pessoas, interessada no ponto de vista dos sujeitos pesquisados. Aí começa sua problemática. A questão da representação - em que medida os achados da pesquisa correspondem à realidade do grupo pesquisado - revolve discussões epistemológicas acerca do binômio verdadeiro/falso. (...)" (WIELEWICKI, V.H.G. a pesquisa etnográfica como construção discursiva. Acta Scientiarum, Maringá, 23(1):27-32, 2001). Sobre o texto acima podemos afirmar que:
I - As ciências naturais estudam fatos simples, eventos que presumivelmente têm causas simples e são facilmente isoláveis, recorrentes e sincrônicos.
II - Os fenômenos em ciências sociais são reproduzíveis em condições controladas.
III- Os fenômenos sociais são eventos com determinações múltiplas e que podem ocorrer em ambientes diferenciados, fazendo com que toda análise de fenômenos dessa natureza seja parcial.
IV - Nas ciências sociais, o investigador não interfere no resultado das pesquisas.
V - Nas ciências sociais há uma interação complexa entre o investigador e o investigado, pois ambos compartilham de um mesmo universo de experiências humanas.
Assinale a opção que contempla as afirmativas corretas:
		
	
	I, II, e V
	 
	I, III e V
	
	II, III, IV
	
	I, II, e IV
	
	II, III e V
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201607290655)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	De fato, dentre os diversos fenômenos sociais observados, um que se destaca como típico da cultura brasileira é o carnaval. Procurando refletir a compreensão teórica do que seja um fenômeno social, assim como as relações que podemos estabelecer entre o social e o cultural, o fenômeno que constitui o carnaval destaca-se como objeto das Ciências Sociais porque :
		
	 
	O carnaval consiste num objeto de cultura porque constitui, como qualquer fenômeno social, produto da inteligência humana.
	
	O carnaval pode ser considerado um objeto de cultura ainda que não seja um fenômeno social.
	
	O carnaval pode ser considerado um objeto de cultura por estar associado à violência.
	 
	Nenhuma das afirmativas está correta
	
	O carnaval não pode ser considerado objeto de cultura por ser manipulado pela mídia.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201607706964)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Para Jean Jacques Rousseau (1712-1778), o homem nasceria bom, mas a sociedade o corromperia. Da mesma forma, o homem nasceria livre, mas por toda parte se encontraria acorrentado por fatores como sua própria vaidade, fruto da corrupção do coração. A questão que se colocava era a seguinte: como preservar a liberdade natural do homem e ao mesmo tempo garantir a segurança e o bem-estar da vida em sociedade? Segundo Rousseau, isso seria possível através de um "instrumento", por meio do qual prevaleceria a soberania da sociedade, a soberania política da vontade coletiva. Daí a importância desse "instrumento", pois os homens, depois de terem perdido sua liberdade natural (quando o coração ainda não havia corrompido, existindo uma piedade natural), necessitariam ganhar em troca a liberdade civil, sendo tal "instrumento" um mecanismo para isso. O povo seria ao mesmo tempo parte ativa e passiva neste instrumento, isto é, agente do processo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.