pr 4 ufrj 2014 ufrj tecnico em assuntos educacionais prova
24 pág.

pr 4 ufrj 2014 ufrj tecnico em assuntos educacionais prova


DisciplinaConcursos120.785 materiais198.371 seguidores
Pré-visualização11 páginas
te em garantir a qualidade do processo de formação 
humana que possibilitará ao educando crescer e, por 
intermédio dos conteúdos do ensino, que são conte-
údos de vida, tornar-se mais humano.
4. A administração escolar pode ser equiparada à 
administração de empresa, visto que cabe ao adminis-
trador escolar aprender as técnicas, os procedimentos 
e o espírito da complexa ciência do administrador de 
empresa de bens materiais de consumo, com vistas 
ao alcance dos objetivos educacionais. 
Assinale a alternativa que apresenta afirmativas corretas:
A) 1 e 3
B) 1, 2 e 3
C) 1, 3 e 4
D) 2 e 4
E) 1 e 4
33. \u201cO ser humano, para alcançar um determinado 
resultado, encadeia suas ações e, em consequência, 
constitui um processo para atingir aquele resultado. 
Quando se tratar de uma ação simples ou que envol-
va poucas pessoas, não será necessária uma gran-
de preocupação teórica; quando porém, o resultado 
a alcançar for amplo ou complexo... ou a ação envol-
ver muitas pessoas, os cuidados teóricos devem ser 
extremos\u201d (GANDIN, 2013, p. 9) 
O \u201cpercurso\u201d de elaboração de um planejamento 
educacional passa pelas etapas abaixo. Enumere-as 
progressivamente de acordo com o processo de exe-
cução.
 Verificar a distância entre o desejado e o que temos.
 Definir o caminho: ações, atitudes e comporta-mentos, normas.
 Compreender a situação.
 Estabelecer o rumo: Para onde se vai?
Assinale a alternativa que contém a sequência correta.
A) 2 \u2013 4 \u2013 1 \u2013 3
B) 1 \u2013 2 \u2013 4 \u2013 3
C) 1 \u2013 3 \u2013 2 \u2013 4
D) 3 \u2013 4 \u2013 1 \u2013 2 
E) 2 \u2013 1 \u2013 3 \u2013 4
34. Conforme a LDB nº 9.394/96, a educação superior 
tem por finalidade, entre outras questões, estimular 
a criação cultural e o desenvolvimento do espírito 
científico e do pensamento reflexivo e promover a 
divulgação de conhecimentos culturais, científicos e 
técnicos que constituem patrimônio da humanidade e 
comunicar o saber através do ensino, de publicações 
ou de outras formas de comunicação. Com base na 
referida Lei, NÃO é correto afirmar que:
A) nas instituições públicas de educação superior, 
o professor ficará obrigado ao mínimo de doze 
horas semanais de aulas.
B) as universidades são instituições pluridisciplinares 
de formação dos quadros profissionais de nível 
superior, de pesquisa, de extensão e de domínio 
e cultivo do saber humano.
C) no âmbito do ensino superior, as transferências 
ex-officio dar-se-ão na forma da lei.
D) no exercício de sua autonomia, são asseguradas às 
universidades receber subvenções, doações, heran-
ças, legados e cooperação financeira resultante de 
convênios com entidades públicas e privadas.
E) as universidades mantidas pelo Poder Públi-
co gozarão, na forma da lei, de estatuto jurídi-
co especial para atender às peculiaridades de 
sua estrutura, organização e financiamento pelo 
Poder Público, assim como dos seus planos de 
carreira e do regime jurídico do seu pessoal.
17
Concurso Público UFRJ - Edital 70/2014 A-142 | A-143 |Técnico em Assuntos Educacionais
35. Conforme a LDB nº 9.394/96, a educação 
superior será ministrada em instituições de ensi-
no superior, públicas ou privadas, com variados 
graus de abrangência ou especialização. A Lei nº 
10.870/04 institui a taxa de avaliação in loco das 
instituições de educação superior e dos cursos de 
graduação, além de dar outras providências. Em 
relação à autorização, o reconhecimento de cur-
sos e a avaliação deste nível da educação brasi-
leira, NÃO é correto afirmar que:
A) as receitas obtidas com a Taxa de Avaliação 
in loco serão aplicadas, na forma disposta em 
regulamento, exclusivamente no custeio das 
despesas com as comissões de avaliação.
B) o credenciamento de instituições de educação 
superior não terá prazo limitado, sendo reno-
vado automaticamente.
C) após um prazo para saneamento de defici-
ências eventualmente identificadas pela ava-
liação dos cursos haverá reavaliação, que 
poderá resultar, conforme o caso, em desati-
vação de cursos e habilitações, em interven-
ção na instituição, em suspensão temporária 
de prerrogativas da autonomia, ou em descre-
denciamento.
D) são contribuintes da Taxa de Avaliação in loco 
as instituições de educação superior priva-
das e públicas, assegurada a estas últimas a 
necessária previsão orçamentária.
E) é vedado aos membros de comissão de ava-
liação dos cursos nas instituições de ensino 
superior receber, a qualquer título, benefícios 
adicionais, pecuniários ou não, providos pela 
instituição de educação superior ou curso em 
processo de avaliação.
36. Os psicólogos Jean Piaget e Lev Vygotsky 
construíram teorias fundamentais para a com-
preensão da construção do conhecimento do 
ser humano. As pesquisas de Piaget priorizam o 
processo de maturação biológica associado com 
os processos autônomos e espontâneos, impor-
tantes para o desenvolvimento e aprendizagem. 
Vygotsky privilegia a influência do ambiente social 
e cultural, pois o desenvolvimento da inteligência 
e da personalidade é externamente motivado 
pelas relações interpessoais.
Considerando as concepções de Vygotsky, o 
papel da palavra como comunicação:
A) se subordina ao desenvolvimento.
B) é o mais importante fator de desenvolvimento.
C) tem pouco impacto sobre o desenvolvimento.
D) só é acúmulo de respostas aprendidas.
E) segue uma linha fixa de estágios.
37. O conhecimento dos mecanismos de defesa, 
pesquisados por Freud (1856-1939), permite aos 
profissionais da educação a compreensão sobre 
aspectos psicológicos que podem intervir sobre 
a aprendizagem, podem ser frequentemente uti-
lizados pelas pessoas, seja qual for a situação 
vivenciada. 
Um trabalhador, por exemplo, mostrava insu-
cesso em suas atividades. Quando indagado 
por uma direção, justificou as falhas pelo modo 
como o coordenador relacionava-se com o gru-
po em um determinado departamento. Em outro 
momento, atribuiu aos colegas a responsabilida-
de. Ao formular razões lógicas para justificar sen-
timentos ou comportamentos inaceitáveis, esse 
profissional apresenta o mecanismo de defesa 
denominado:
A) compensação.
B) sublimação.
C) racionalização.
D) negação.
E) isolamento.
38. A presença de indivíduos com necessidades 
educacionais especiais na rede regular de ensi-
no não consiste somente na permanência junto 
aos demais alunos, nem na negação dos serviços 
especializados àqueles que deles necessitam, 
mas implica em uma reorganização do sistema 
educacional. Tal concepção sugere a revisão de 
antigas concepções e paradigmas educacionais, 
porque define:
A) a integração.
B) a educação especial.
C) o sistema escolar.
D) a normatização.
E) a inclusão.
39. Muito se ouve nas escolas que se precisa 
rever o currículo, pois é necessário acompanhar 
os avanços dos novos tempos, em especial, as 
reivindicações apresentadas pelos movimentos 
sociais desde meados do século XX. No Brasil, 
a Educação e a formação de professores vêm 
buscando adotar o multiculturalismo crítico como 
campo teórico, de forma a servir como referência 
para o entendimento de uma sociedade constitu-
ída de identidades plurais. Uma proposta curricu-
lar que articule a dimensão do multiculturalismo 
crítico à prática educativa deve requerer:
A) o conhecimento de valores, costumes e prá-
ticas culturais de grupos discriminados his-
toricamente, em busca da formação de uma 
cultura única.
B) o conhecimento e o questionamento das diferen-
ças culturais, que não devem ser simplesmente 
respeitadas ou toleradas, mas compreendidas 
considerando as relações de poder.
C) o reconhecimento entre as culturas, respeitan-
do os \u201cguetos\u201d.
D) o reconhecimento da identidade como uma 
essência, estável e fixa. 
E) o reconhecimento do multiculturalismo huma-
nista, que enfatiza um currículo baseado nas 
ideias de tolerância, respeito e convivência 
harmoniosa entre as culturas. 
18
Concurso Público