Aula 10  CONTABILIDADE GERENCIAL E CUSTOS

Aula 10 CONTABILIDADE GERENCIAL E CUSTOS


DisciplinaContabilidade de Custos13.047 materiais424.436 seguidores
Pré-visualização1 página
1. CONTABILIDADE DE CUSTOS X 
GERENCIAL X FINANCEIRA
2
CONTABILIDADE GERENCIAL
O objetivo da contabilidade gerencial é fornecer
informações extraídas dos dados contábeis, que
ajudem os administradores das empresas no processo
de tomada de decisões.
Quais decisões?
1- A capacidade de produção da fábrica é insuficiente para atender todos os 
pedidos dos clientes, qual o produto ou linha de produtos deve ser cortado?
2- Como fixar o preço de venda de um produto?
3- Deve-se continuar comprando matérias-primas de terceiros ou é melhor 
fabricá-los na própria empresa?
4- Deve-se comprar um novo equipamento ou reformar um antigo?
3
CONTABILIDADE FINANCEIRA
OBJETIVO: Controlar o patrimônio das empresas e apurar o
resultado (variações patrimoniais).
A Avaliação dos estoques desempenha um papel
fundamental na apuração do resultado da empresa
comercial, uma vez que influencia o valor do lucro bruto
diretamente e a apuração do resultado do exercício,
indiretamente:
a) Quanto menor o estoque inicial de mercadorias, maior o 
lucro bruto;
b) Quanto maior o estoque final de mercadorias, maior o 
lucro bruto;
CMV= EI + C \u2013 EF
LB= V - CMV
4
CONTABILIDADE DE CUSTOS
No início a principal função da Contabilidade de Custos era a
avaliação dos estoques em empresas industriais.
Atualmente sua função é auxiliar o controle e a tomada de
decisões.
Apuração do resultado nas empresas industriais (similar a
contabilidade comercial): Avaliam-se os estoques inicial e
final (produtos acabados e em elaboração) e substitui-se a
conta de compras pelos gastos efetuados na produção:
CPV: Estoques Iniciais+Gastos na Produção \u2013 Estoques Finais
LB = Vendas \u2013 Custo dos Produtos Vendidos (CPV)
5
DEMONSTRATIVO DE RESULTADO NAS 
EMPRESAS INDUSTRIAIS:
RECEITA LÍQUIDA DE VENDAS
(-) CPV
= RESULTADO BRUTO INDUSTRIAL
(-) Despesas Comerciais
(-) Despesas Administrativas
(-) Despesas Financeiras
=LUCRO ANTES DO IR
(Provisão para IR)
= RESULTADO LÍQUIDO
1
2
3
4
5
GASTOS, CUSTOS E DESPESAS ...
Gastos
Investimentos
Produto
ou
Serviço
DespesaCusto
Consumo para
estoque
Consumo no
tempo
E o CPV?
Incorridos
7
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
GASTOS: (Os gastos podem ser classificados em: Investimentos, 
Custos ou Despesas)
Gastos são sacrifícios financeiros com os quais uma organização,
uma pessoa ou um governo, têm que arcar a fim de atingir seus
objetivos, sendo considerados esses ditos objetivos, a obtenção de
uma produto ou serviço qualquer, utilizados na obtenção de
outros bens e serviços.
OU: Renúncia de um ativo pela entidade com a finalidade de
obtenção de um bem ou serviço, representada pela entrega ou
promessa de entrega de bens ou direitos (normalmente dinheiro).
8
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
EXEMPLOS DE GASTOS:
\u2022 Gasto com mão-de-obra (salários e encargos sociais)= aquisição de
serviços de mão de obra;
\u2022Gasto com aquisição de mercadorias para revenda;
\u2022Gasto com aquisição de matérias-primas para a industrialização;
\u2022Gasto com aquisição de máquinas e equipamentos;
\u2022Gasto com energia elétrica = aquisição de serviços de fornecimento
de energia;
9
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
INVESTIMENTOS:
\u201cGasto ativado em função de sua vida útil ou benefícios atribuíveis a
futuro (s) período (s).\u201d (Martins, 2003)
Exemplo:
\u2022Aquisição de móveis e utensílios
\u2022Aquisição de Imóveis
\u2022Aquisição de Marcas e Patentes
\u2022Aquisição de matéria-prima
10
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
CUSTO:
Gasto relativo a bem ou serviço utilizado na produção de outros
bens e serviços, são todos os gastos relativos à atividade de
produção. Os custos são ativados e integram o estoque de produtos
em elaboração e o de produtos. No momento da venda, os custos se
transformam em despesa, em obediência ao Princípio da
Competência.
Exemplo:
\u2022 Salários do pessoal na produção;
\u2022Matéria prima utilizada no processo produtivo;
\u2022Combustíveis e Lubrificantes usados nas máquinas das fábricas;
\u2022Aluguéis e seguros do prédio da fábrica;
11
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
DESPESA: Gasto com bens e serviços não utilizados nas atividades
produtivas e consumidos com a finalidade de obtenção de receitas.
Exemplos:
\u2022Salários e encargos sociais do pessoal de vendas
\u2022Energia Elétrica consumida no escritório
\u2022Gasto com combustível e refeição do pessoal de vendas;
\u2022Aluguéis e seguros do prédio do escritório;
12
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento,Custo,Despesa, Perda e
Desembolso
PERDA: 
É um gasto não intencional decorrente de fatores externos fortuitos
(afetam o resultado) ou da atividade produtiva normal da
empresa (Custos de produção);
Martins (2003) diz que: \u201cNão se confunde com despesa (muito
menos com custo), exatamente por sua característica de
anormalidade e involuntariedade; não é um sacrifício feito com
intenção de obtenção de receita. (...)\u201d.
Exemplos: Incêndio, desabamento, etc.
13
GESTÃO DE CUSTOS: Terminologia Contábil
Gasto, Investimento, Custo, Despesa, Perda e
Desembolso
DESEMBOLSO: 
Pagamento resultante da aquisição do bem ou serviço. Pode ocorrer
concomitante com o gasto (pagamento à vista) ou depois deste
(pagamento à prazo).
Segundo Martins (2003), \u201cDesembolso consiste no pagamento do
bem ou serviço, independentemente de quando o produto ou serviço
foi ou será consumido.\u201d