Pesquisa (PPEV)
5 pág.

Pesquisa (PPEV)


DisciplinaPesquisa e Prática177 materiais366 seguidores
Pré-visualização1 página
UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ 
CURSO DE PEDAGOGIA 
 
 
 
 
 
RENATA DOS SANTOS TITO DOS REIS 
 
 
 
FORMAS EFICIENTES DE APRESENTAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA 
ALUNOS DO ENSINO BÁSICO 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
CONTAGEM 
2017 
 
 
 
 
 
RENATA DOS SANTOS TITO DOS REIS 
 
 
 
 
FORMAS EFICIENTES DE APRESENTAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA 
ALUNOS DO ENSINO BÁSICO 
 
 
 
Trabalho de Pesquisa apresentado como 
exigência da disciplina Pesquisa e Prática 
de Educação V 
Orientadora: ANGELA CRISTINA DE SOUZA REGO 
 
 
 
 
 
 
 
CONTAGEM 
2017 
Linha de Pesquisa: Práticas Educativas 
Assunto: Educação Ambiental e Sustentabilidade 
Título: Formas eficientes de apresentar a educação ambiental para alunos do ensino básico 
 
1 INTRODUÇÃO 
 
A educação básica compreende o ensino fundamental e o ensino médio, no Brasil esse 
período totaliza 12 anos de estudos e integra a fase de alfabetização dos alunos. Essa fase é 
essencial para a formação de alunos capacitados para a educação superior e, frequentemente, é 
responsável por moldar a transição de alunos em cidadãos. Entre os conhecimentos 
compartilhados durante esse período, a educação ambiental é extremamente relevante e ganha 
força nos últimos anos devido a sua importância no cenário atual. Tais fatores tornam o tema, 
educação ambiental durante a educação básica, um alvo de pesquisas. 
 
 1.1 Apresentação do tema 
 
No Brasil, a educação básica é tema de diversas discussões e pesquisas. Os assuntos 
abordados variam da qualidade na formação de professores ao currículo escolar e metodologias 
de ensino. Recentemente, uma das vertentes tem se destacado dentre várias outras, a educação 
ambiental. E o motivo dessa ascensão é a atual geração, considerada imediatista e 
exageradamente consumista. 
Para mudar e moldar uma nova geração com valores ambientais aguçados, é necessário 
preparar e educar as crianças no caminho da vida em sociedade consciente. É, portanto, papel 
do professor e da escola introduzir a criança nesse assunto durante o processo de educação 
básica, para que, assim como a alfabetização, forme uma base de conhecimento relevante para 
as tomadas de decisões em relação ao planeta. 
Porém, uma vez compreendida a importância da educação ambiental na formação de 
crianças cidadãs, surgem os desafios para implementar formas eficientes de ensino ambiental 
no atual sistema de educação básica do Brasil. Termos como \u201cecopedagogia\u201d são recentes e 
demonstram os esforços para adicionar o ensino ambiental no currículo padrão de ensino. 
Entre esses desafios estão a formação de professores capazes de compartilhar e 
proliferar práticas socioambientais positivas, a inclusão do tema no currículo nacional de 
educação básica, a criação de espaços para a pratica das ações ambientais e outros desafios. 
Nesse contexto, é importante que os educadores conheçam as melhores formas de 
apresentar o tema da educação ambiental para seus alunos na fase de educação básica, não só 
para formação de crianças e adolescentes mais atuantes na discussão socioambiental, mas para 
a criação de uma base forte para futuros engajamentos nos problemas da sociedade. 
A formação básica de um cidadão é dada pela compreensão do ambiente ambiental e 
social em que ele vive e o conhecimento dos valores principais que guiam a sociedade. Diversos 
autores reconhecem que, a inclusão da educação ambiental em diversas legislações 
educacionais, é um grande passo para a evolução do ensino ambiental no país, porém, a inclusão 
do tema deve ser mais abrangente e assertiva. 
Entretanto, enquanto os autores pesquisados concordam na urgência da formação de 
estudantes conscientes sobre o meio ambiente, existem diferentes metodologias e abordagens 
surgindo sobre como implementar a educação ambiental durante a educação básica, contudo, 
educadores do ensino básico ainda se sentem perdidos no momento de abordar e ensinar as 
práticas da educação ambiental para os alunos. 
É importante compreender as melhores formas de incluir o tema no currículo da 
educação básica, dessa forma, o presente trabalho pretende responder a seguinte questão: Quais 
são as melhores formas de apresentar a educação ambiental para os alunos do ensino 
básico? 
 
1.2 Questões norteadoras 
 
As seguintes questões foram desenvolvidas para compreender o problema de pesquisa: 
Quais são as metodologias apontados por autores para a pratica da educação ambiental? Qual é 
o melhor momento para iniciar a educação ambiental? Quais ferramentas existentes podem ser 
utilizadas para auxiliar os educadores? Quais qualificações os educadores podem adquirir para 
exercer o ensino ambiental? 
 
2 LEVANTAMENTO DO REFERENCIAL DA PESQUISA 
 
ALBANUS, Lívia Lucina Ferreira; ZOUVI, Cristiane Lengler. Ecopedagogia: educação e 
meio ambiente. 1.ed. Curitiba: Intersaberes, 2012. 145p. 
 
BRASIL. Ministério da Educação. Proposta de Diretrizes Curriculares Nacionais para a 
Educação Ambiental. Brasília: MEC/SEF, 2012. Disponível em: 
http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/publicacao13.pdf 
 
CASARIN, Helen de Castro Silva; CASARIN, Samuel José. Pesquisa científica: da teoria à 
prática. 1.ed. Curitiba: Intersaberes, 2012. 200p. 
 
LIMA, Gustavo Ferreira da Costa. Educação ambiental no Brasil: formação, identidades e 
desafios. 1.ed. Campinas, SP: Papirus 2015. 249p 
 
VASCONCELOS, Maria Lucia. Educação básica: a formação do professor, relação 
professor-aluno, planejamento, mídia e educação. 1.ed. São Paulo: Contexto, 2012. 157p. 
 
2.1 Áreas principais que os itens escolhidos livro/artigo/texto abordam 
 
Os livros e artigos escolhidos podem ser divididos em três temas principais: educação 
básica, educação ambiental e pesquisa científica. Quanto a educação básica, os livros abordam 
a formação dos professores para atuar durante esse período essencial para a formação de 
crianças e adolescentes. Abordam também a relação entre professor e aluno e o planejamento 
necessário para realizar a gestão do currículo básico de ensino. 
A educação ambiental é abordada de duas formas diferentes, primeiro com uma 
aproximação histórica que permite compreender o nascimento da preocupação com o meio 
ambiente no Brasil e os desafios para se desenvolver formas de ensino ambiental adequadas 
para a educação básica. Outra abordagem é a ecopedagogia, uma forma de mesclar o ensino 
com o meio ambiente e criar alunos capazes de compreender e atuar na melhoria do ambiente. 
Por fim, a pesquisa científica apresenta metodologias para a realização do trabalho 
acadêmico dentro das normas científicas regentes. Com técnicas e métodos de pesquisa 
explicados e detalhados para a aplicação pratica. 
 
2.2 Contribuição dos itens para a sua pesquisa? 
 
O livro \u201cEducação básica: a formação do professor, relação professor-aluno, 
planejamento, mídia e educação\u201d contribui com uma visão sobre o cenário da educação básica 
e o papel do professor. \u201cEducação ambiental no Brasil: formação, identidades e desafios\u201d e 
\u201cEcopedagogia: educação e meio ambiente\u201d introduzem o tema da educação ambiental e 
auxiliam na compreensão das formas de utiliza-la na educação básica, bem como seus desafios. 
Enquanto o artigo \u201cProposta de Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental\u201d, 
aborda as diretrizes propostas pelo ministério da educação para a implementação da educação 
ambiental no Brasil. Por fim \u201cPesquisa científica: da teoria à prática\u201d acrescenta método a 
pesquisa e a torna cientifica com o apoio técnico necessário.