Introdução Relatório de Oxido Redução
3 pág.

Introdução Relatório de Oxido Redução


DisciplinaQuímica Analítica Quantitativa393 materiais3.343 seguidores
Pré-visualização1 página
Introdução
As reações de oxidação-redução, tal como as reações de ácido-base, são bastante usadas como fundamento para a determinação analítica por titulação da concentração de determinadas soluções. As condições necessárias para que uma titulação por oxidação-redução ocorra são as mesmas do que para outro tipo de titulação. A saber, a reação entre o titulado e o titulante deve ser rápida e completa, e deve poder ser descrita através duma reação química. Isto é, a cinética e o equilíbrio devem favorecer fortemente a formação dos produtos. Por outro lado, a solução do titulante deve ser estável, e a sua concentração deverá poder ser determinada com exatidão. Finalmente, deverão existir reagentes que permitam a detecção do ponto final da titulação. (1) 
Além dos potenciais favoráveis, os agentes oxidantes e redutores devem ser estáveis no solvente utilizado e a substancia a ser determinada deve ser colocada sob um determinado estado de oxidação definido e estável, antes da titulação ser iniciada. Os reagentes apropriados a este fim adicionados em excesso ao meio reagente, devem possuir a propriedade de reduzir ou oxidar convenientemente a amostra, sem interferir no resultado final, da análise, caso contrário, o excesso desta espécie deve ser destruído antes de se iniciar a titulação. (2) 
Existem vários métodos em análise quantitativa na qual envolve: Permanganatometria ( KMnO4 ), Ceriometria ( Ce(SO4)2), Iodometria ( Iodeto/Na2S2O3), Iodatimetria (KIO3) e Dicromatometria ( K2Cr2O7 ). Onde a volumetria de oxido-redução pode ser aplicada na análise de Vitamina C em comprimido efervescentes. (2) 
Uma das formas de determinar a quantidade de ácido ascórbico ( Vitamina C ) em um alimento ou em um fármaco é através da Iodometria. Neste método, o poder redutor do ácido ascórbico é utilizado para reduzir o iodo a iodeto. Para esta determinação, baseada na volumetria de óxido-redução, utiliza-se como indicador a goma de amido. Ao ser reduzido a iodeto, a partir da reação com o ácido ascórbico, tem-se uma solução incolor. Porém, o excesso de iodo produz com o amido um complexo de coloração azul, o que indica o ponto final da titulação, possibilitando determinar a quantidade de ácido em análise a partir da alíquota da solução de iodo padronizada utilizada. (3)
Objetivo
Determinar a porcentagem Vitamina C em um comprimido comercial - REDOXON \u2013 ácido ascórbico.
Soluções usadas na Volumetria de Oxido-Redução
- Preparo da solução de amido a 1% (m/v) \u2013 Preparada pelos Monitores:
Preparou-se uma pasta contendo 0,5 g de amido solúvel em uma pouca quantidade água;
Adicionou-se 50 ml de água destilada em ebulição sob agitação à pasta até completar a dissolução;
Deixou-se a solução esfriar e adicionou-se 1 g de iodeto de potássio e foi dissolvido;
A solução foi mantida em um frasco de vidro escuro fechado.
- Preparo da solução padrão de iodato de potássio \u2013 Preparado pelos Alunos:
Pesou \u2013 se com uma precisão de 0,43 \u2013 0,45 g de iodato de potássio, KIO3 (PM = 214,0 g /mol), puro e previamente seco em estufa a 110 ºC por duas horas;
 Foi transferido quantitativamente para um balão volumétrico de 100 ml contendo 50 ml de água destilada previamente fervida;
Agitou \u2013 se para dissolver o sólido, completou \u2013 se o volume e homogeneizou;
Calculou \u2013 se a concentração molar do sal da solução. 
- Preparo da solução de KI 10% - Preparado pelos Monitores:
Calculou \u2013 se a massa de KI necessária para preparar 50 ml da solução a 10% p/v;
Preparou \u2013 se a solução.
Materiais
Erlenmeyer; 
Bureta;
Água destilada;
Béqueres;
Espátula;
Balança Analítica;
Iodeto de potássio (KI) sólido;
Solução padrão de Iodato de Potássio;
Solução de amido;
Comprimido comercial de vitamina C, da marca Redoxon;
Procedimento
Determinação do teor de Vitamina C
Foi dissolvido 1 comprimido de Vitamina C em um béquer;
Logo, foi transferido o conteúdo dissolvido para um balão volumétrico de 100 ml e completou \u2013 se o volume;
Pipetou \u2013 se 25 ml da solução em um Erlenmeyer, adicionou \u2013 se 20 ml de ácido sulfúrico 20%, 1 ml de solução de KI 10% e 1 ml da solução de 1% p/v.
A titulação ocorreu com a solução padrão de KIO3 até a mudança de coloração;
O procedimento foi realizado em triplicata;
Calculou \u2013 se o teor de vitamina C analisado e o valor do desvio padrão relativo;
Comparou \u2013 se os resultados obtidos com os valores indicados na embalagem do medicamento.
Referências
Análise Volumétrica, Cap 02, Laboratórios de Química Ia, Textos de Apoio, Departamento de Química, Universidade de Coimbra;
BACCAN, Nivaldo. Química Analítica Quantitativa elementar [et. Al.] 2. ed. ( pag 103 \u2013 126/247 \u2013 249 );
SOCIEDADE BRASILEIRA DE QUÍMICA (org). A Química perto de você: experimentos de baixo custo para a sala de aula do ensino fundamental e médio. São Paulo: SBQ, 2010.