12 maneiras de estudar a biblia sozinho   Rick Warren
104 pág.

12 maneiras de estudar a biblia sozinho Rick Warren


DisciplinaDicas de Como Estudar52 materiais110 seguidores
Pré-visualização43 páginas
a correlação interna. 
2. Em segundo lugar, compare afirmações nos escritos do mesmo autor. Esta é a correlação 
externa. 
3. Depois, compare com outros livros no mesmo testamento. 
4. Finalmente, compare as referências bíblicas em toda a Escritura. 
Você encontra referências cruzadas numa Bíblia de estudo, Bíblia de referência ou consultando 
palavras semelhantes numa concordância. 
Tipos de referências cruzadas. Há vários tipos diferentes de referências cruzadas. Eis algumas: 
\u2022 Referência cruzada simples. As vezes, chamada referência cruzada paralela, porque diz quase 
exatamente a mesma coisa que o versículo analisado. 
\u2022 Referência cruzada explicativa. Este tipo de referência cruzada, que pode ser um caso real ou uma 
pessoa na história, explica aquilo que afirma o versículo que você está estudando. 
\u2022 Referência cruzada diferenciada. Este tipo de referência cruzada afirma o oposto do que diz o 
versículo que você está estudando. Pode parecer contraditório, mas esta é verdadeiramente uma 
abordagem do assunto, visto de um ângulo diferente. 
Uma palavra de advertência sobre referências cruzadas. Verifique o contexto dos versículos que 
você escolheu como referências cruzadas. Caso contrário, você pode fazer que digam o que o escritor não 
disse. 
Quinta etapa \u2014 Relacione possíveis aplicações 
A última parte da análise de versículo por versículo é escrever possíveis aplicações. Lembre-se de 
que sua meta no estudo da Bíblia não é somente interpretar, mas aplicar. Devido às várias aplicações 
possíveis que um capítulo pode ter, relacione-as somente aqui. Mais adiante, na sétima etapa, você 
escolherá uma destas aplicações e a escreverá, pondo-a em prática durante a semana. Você deve ter 
observado que não há como pôr em prática mais de uma aplicação por semana. E melhor escrever uma 
única aplicação e pô-la em prática plenamente em sua vida, do que escrever várias e não praticar 
nenhuma. 
Sexta etapa \u2014 Escreva algumas considerações finais 
Volte aos resultados das primeiras cinco etapas, repasse-os cuidadosamente e escreva algumas 
considerações finais sobre o capítulo. Estas poderão acrescentar observações, algumas interpretações que 
você possa ter feito, temas que descobriu, possíveis tópicos e pessoas que você queira estudar no futuro, 
palavras que você queira estudar e outras idéias que lhe vierem à mente. 
Sétima etapa \u2014 Escreva uma aplicação pessoal 
Agora, consulte as possíveis aplicações que você relacionou na quinta etapa e escolha uma para 
pô-la em prática durante a próxima semana. A esta altura, você já deve ter bastante prática em escrever 
aplicações que sejam pessoais, práticas, possíveis e mensuráveis. Se precisar de ajuda adicional, reporte-se 
ao método devocional (cap. 
1). Não esqueça de pôr a aplicação no tempo presente e não no tempo futuro. Pergunte-se: "O que 
vou fazer com isso agora?". 
Como preencher o formulário para análise de capítulo 
Use o formulário no final do capítulo ou escreva o estudo numa folha de papel com as divisões 
necessárias. 
Preenchendo o formulário 
Primeiramente, preencha a referência do capítulo que você estudará. Você pode querer estudar a 
metade do capítulo (se for muito longo). Após algumas leituras, dê um título ao capítulo, ou o mesmo 
usado no estudo investigativo ou um novo que você pensou durante as leituras. A seguir, resuma o 
capítulo e use um dos três métodos sugeridos (v. primeira etapa). 
Quando começar a análise de versículo por versículo, escreva os números destes nas colunas 
apropriadas, e em seguida, suas observações, interpretações, correlações e possíveis aplicações. Use folhas 
de papel ou formulários adicionais, se necessário. 
No verso do formulário escreva suas considerações finais e a aplicação. 
Exemplo de formulário preenchido 
Consulte o exemplo sobre o livro de Efésios, capítulo 1, no final deste capítulo. 
Tarefa 
Consulte a tarefa no método investigativo (cap. 9) para conhecer as sugestões sobre quais livros da 
Bíblia estudar, usando estes três métodos. 
Leituras adicionais 
Foram escritos mais livros de estudo da Bíblia neste método que em qualquer outro. Conforme sua 
disposição e finanças permitirem, compre alguns destes para sua biblioteca pessoal e para referência. 
Bons livros sobre o método analítico de capítulos 
EM INGLÊS 
Methodical Bible study, Robert A. Traina (The Biblical Seminary). \u2014 bem avançado. 
Personal Bible study, de William Lincoln (Bethany Fellowship). The joy of discovery, de Oletta Wald (Bible 
Banner Press). The Navigator Bible studies handbook, publicada por The Navigators (NavPress). 
EM PORTUGUÊS 
Como estudar a Bíblia, de James Braga (Vida). Como estudar a Bíblia sozinho, de Tim F. LaHaye (Betânia). 
Estudo panorâmico da Bíblia, de Henrietta C. Mears (Vida). Hermenêutica avançada, deHenry A. Virkler (Vida). 
Hermenêutica, de E. lund & P. C. Nelson (Vida). 
Bons livros sobre interpretação da Bíblia 
EM INGLÊS 
Basics of Bible interpretation, de Bo Smith (Word Books). 
How to understand your Bible, de T. Norton Sterrett (InterVarsity 
Press). 
Protestant biblical interpretation, de Bernard Ramm (Baker Book House). 
EM PORTUGUÊS 
Interpretação bíblica, A, de Roy B. Zuck (Vida Nova). Hermenêutica avançada, deHenry A. Virkler (Vida). 
Hermenêutica, de E. lund & P. C. Nelson (Vida). Introdução à hermenêutica bíblica, de Walter C. Kaiser Jr & 
Moisés Silva (Cultura Cristã). 
Os perigos da interpretação bíblica, de D. A. Carson (Vida Nova). Princípios de interpretação da Bíblia, de 
Walter A. Henrichsen (Mundo Cristão). 
FORMULÁRIO PARA ANÁLISE DE CAPÍTULO 
:Capítulo: Efésios 1 
Título dó capítulo: 0 grande projpósito de Deus para as nossas vidas. 
 Resumo- de capitulo: 
Introdução (1.1-2). L A revelação do propósito de Deus (1.3-14): 
A. A declaração sumária \u2014 o que ele nos concedeu (1.3). 
B. A base de nossa salvação (a obra de Deus, o Pai, 1.4-6): 
1. Escolhidos para sermos santos e irrepreensíveis (1.4). 
2. Adotados como seus filhos (1.5). 
3. Graça que nos é dada liberalmente (1.6). 
C. Os benefícios de nossa salvação (a obra de Deus, o Filho, 1.7-12): 
1. Ele se sacrificou por nós (1.7). 
2. Ele nos superabundou em graça (1.8). 
3. Ele nos revelou sua vontade (1.9,10). 
4. Ele nos fez parte de sua herança (1.11,12). 
D. A concessão de nossa salvação (a obra de Deus Espírito Santo, 1.13,14): 
1. Ele nos revelou Cristo (1.13). 
2. Ele nos selou como filhos de Deus (1.13). 
3. Ele garante nossa herança (1.14). II. A resposta da oração a Deus (1.15-23): 
A. O fundamento da oração (1.15-17a): 
1. Para os crentes fiéis e amorosos (1.15). 
2. Para um Deus fiel e amoroso (1.16,17a). 
B. A fórmula da oração (1.17b-20a): 
1. Oração por sabedoria (1.17b). 
2. Oração por esclarecimento (1.18a). 
3. Oração por conhecimento experimental (1.18b-20a). 
C. O final da oração (1.20b-23): Declaração... 
1. da ressurreição de Cristo (1.20b); 
2. do domínio soberano de Cristo (1.21); 
3. da supremacia de Cristo sobre todas as coisas (1.22); 
4. do senhorio de Cristo sobre a igreja (1.23). 
 2. Observação O que diz? 3. Interpretação O que 
significa? 
4. Correlação Onde 
mais é explicado 
5. Aplicação O que farei a 
respeito? 
 
V. V. V. 
3 Deus me abençoou com 3 Deus tem grande 
apreço 
3 1 Pedro 1.3 Graças a Deus pelo 
 TODAS as bênçãos 
espirituais. 
 por mim. 2Pedro 1.4 que ele fez por mim. 
4 Deus me escolheu para 
viver uma 
4 Tenho que obedecer a 
Deus 
4 Romanos 
8.29 
Tenho que estar certo 
de que 
 vida de santidade. e seus mandamentos. Êxodo 
20.1-17 
estou vivendo uma vida 
santa. 
r Deus me adotou em 5 Significa que pertenço 5 Gálatas 4.5 Preciso agir como 
membro 
 sua família. a ele para sempre. Filipenses 
2.13 
da família de Deus. 
7 Através de Cristo 7 Cristo é o único 7 Marcos 30.45 Tenho que agradecer a 
Deus 
 fui perdoado.