12 maneiras de estudar a biblia sozinho   Rick Warren
104 pág.

12 maneiras de estudar a biblia sozinho Rick Warren


DisciplinaDicas de Como Estudar57 materiais114 seguidores
Pré-visualização43 páginas
Você não deve fazer um estudo detalhado da Bíblia durante a hora silenciosa. De fato, nada 
aniquilará seu devocional mais rapidamente do que se ocupar no estudo sério da Bíblia durante esse 
período de devoção. Apenas desfrute da presença de Deus e comungue com ele. 
Porquanto é melhor você fazer a hora silenciosa em 10 minutos diariamente do que em apenas um 
período de uma hora uma vez por semana, o oposto exato é verdade no que se refere ao estudo da Bíblia. 
Não se pode estudar a Bíblia com eficácia na modalidade de um bocado de cada vez. É melhor delinear 
períodos maiores de tempo (duas a quatro horas) do que tentar estudar um pouco todos os dias. Então, à 
medida que você for desenvolvendo suas habilidades no estudo da Bíblia, passará mais tempo com ela. 
Provavelmente, o pior inimigo para o estudo da Bíblia nos dias de hoje no mundo ocidental seja a 
televisão. O americano comum de 18 anos de idade já acumulou cerca de 18 000 horas vendo televisão. 
Peritos nos informam que quando o americano que foi criado vendo televisão, atingir a idade de 65 anos, 
terá assistido uma média de nove anos e meio. São 15% da vida gastos na frente do aparelho de televisão!2 
Em contrapartida, se a pessoa for regularmente à escola dominical desde o nascimento até a idade 
de 65 anos, terá um total de apenas quatro meses de ensino consistente da Bíblia. E ainda ficamos 
admirados por que há tantos cristãos fracos na sociedade ocidental? Temos de nos disciplinar e separar 
tempo específico para o estudo da Bíblia e não deixar nada nos atrapalhar. 
Devemos estudar a Bíblia quando estamos na melhor forma física, emocional e intelectual, e 
quando nada nos distrai e nos apressa. Considerando que você é ou "pessoa diurna" ou "pessoa noturna", 
escolha a hora em que está mais desperto. Nunca tente estudar quando estiver cansado ou imediatamente 
após uma refeição pesada. Estude quando estiver descansado e bem desperto. 
2. Mantenha um caderno. Como já declaramos, você não pode estudar a Bíblia sem escrever as coisas 
que observou. Cada método de estudo sugerido neste livro tem um formulário para o estudo que o 
acompanha.3 
3. Adquira as ferramentas certas. Junto com cada método de estudo há uma lista sugerindo 
ferramentas de referência que você precisará para o estudo. Os primeiros métodos requerem algumas ou 
nenhuma ferramenta, ao passo que as últimas requerem várias delas. Considere fazer um investimento 
nestas ferramentas de referência e montar uma pequena biblioteca. Será um investimento que você usará 
pelo resto da vida. Na próxima seção apresentamos uma discussão sobre essas ferramentas, com 
sugestões para uma biblioteca básica e mais avançada. 
4. Faça uma curta oração antes de cada estudo. Primeiramente, peça ao Senhor que limpe sua vida de 
todo o pecado conhecido e o encha com o Espírito Santo, assim você estará em comunhão com ele 
durante o estudo. Esta é a vantagem em estudar a Bíblia em relação a estudar um livro didático: há 
comunicação direta com o Autor. Você tem o privilégio de não só estudar a revelação, mas o revelador. 
Portanto, certifique-se de que você está em comunhão com Cristo antes de estudar a Palavra. O apóstolo 
Paulo disse que se você estiver na carne ou for carnal, não poderá entender as verdades espirituais (1 Co 
2.10\u20143.4). Você tem de estar em comunhão com o Senhor a fim de entender e aplicar sua Palavra. Como 
disse alguém: "Precisamos examinar nosso coração antes de examinarmos as Escrituras". Precisamos ter a 
certeza de que nossa vida está em relação certa com Deus antes de pesquisarmos sua Palavra. 
Em segundo lugar, ore para que o Espírito Santo o guie no estudo. A melhor maneira de entender a 
Bíblia é falar com o Autor. Memorize Salmos 119.18 e o use antes de cada estudo: "Abre os meus olhos 
para que eu veja as maravilhas da tua lei". Peça que Deus lhe abra òs olhos para a Palavra. Em última 
análise, a menos que Deus Espírito Santo lhe abra os olhos para ver as verdades da Palavra, todo o estudo 
será um esforço perdido. 
Como escolher as ferramentas certas para um bom estudo da Bíblia 
Provavelmente, um dos segredos mais bem guardados na cristandade esteja relacionado com a 
disponibilidade de ajudas para o estudo prático da Bíblia. A maioria dos cristãos desconhece que haja 
atualmente muitas e excelentes ferramentas de referência para tornar o estudo pessoal da Bíblia possível e 
instigante. E comparável ao carpinteiro que quer construir uma casa, mas não sabe que existe martelo e 
serra. 
Os pastores devem familiarizar o rebanho com estes livros, pois o diabo se delicia em mantê-los 
fora de circulação. Contanto que Satanás seja bem-sucedido em impedir que os cristãos estudem a Bíblia 
por conta própria, seu trabalho será muito mais fácil. O cristão que não passa tempo regularmente a cada 
semana no estudo pessoal da Bíblia não terá forças para resistir às tentações do diabo. Um modo prático 
no qual os pastores podem "preparar os santos para a obra do ministério" (Ef 4.12) é familiarizar a congre-
gação com essas ferramentas de estudo da Bíblia. 
O propósito das ferramentas de referência 
Na qualidade de cristãos que vivem no mundo ocidental, temos abundância de livros úteis que 
foram projetados para nos ajudar em nosso estudo pessoal da Bíblia, usando os mais recentes achados 
arqueológicos, estudos de palavras e pesquisa de grandes estudiosos da Bíblia. No entanto, as ferramentas 
de estudo da Bíblia não têm o desígnio de substituir a Bíblia; antes, ajudam-nos a estudar a própria Bíblia. 
O estudo da Bíblia é habilidade que precisamos desenvolver. A maioria das habilidades requer uso de 
algum tipo de ferramenta. Os carpinteiros precisam de martelos e serras; os artistas precisam de pincéis e 
tintas; os encanadores precisam de chave inglesa. Semelhantemente, o estudante sério da Bíblia irá 
desejar tirar proveito da disponibilidade de ferramentas de referência para o ajudar no exame eficaz das 
Escrituras. A pessoa que tenta estudar a Bíblia sistematicamente sem se servir de boas ferramentas 
descobrirá que seu trabalho é tedioso e difícil. 
Alguns cristãos, temerosos de que venham a ficar muito dependentes das ferramentas de 
referência, hesitam em usá-las. Outros dizem piamente: "Tudo de que preciso é a Bíblia". É verdade; mas 
as ferramentas sugeridas nesta seção foram projetadas para ajudá-lo a embrenhar-se na Bíblia. Você não 
deve ter medo de usar ferramentas de referência, pois a maioria destes livros representa estudos de 
homens de Deus que dedicaram a vida inteira nesse empenho. 
As compreensões intuitivas que receberam do Senhor enriquecem imensamente o estudo da Bíblia 
e provêem informação sobre pessoas, lugares e acontecimentos que você não acharia só lendo a Bíblia. 
As ferramentas 
Nesta seção, examinaremos oito tipos de ferramentas de referência que são usadas nos métodos 
de estudo da Bíblia apresentados e explicados neste livro. 
1. Bíblia de estudo. Sua primeira e mais importante ferramenta é uma boa Bíblia de estudo. Certas 
Bíblias são mais adaptáveis ao estudo pessoal da Bíblia que outras. Uma boa Bíblia de estudo deve ter 
letras grandes o bastante para você ler por longos períodos de tempo sem ficar com dor de cabeça por 
forçar os olhos. Também deve ter papel espesso o bastante para você tomar notas sem que a tinta 
traspasse o outro lado do papel. Margens largas são úteis, porque permitem fazer anotações pessoais. Por 
fim, uma Bíblia de estudo deve ter um bom sistema de referência cruzada. 
Uma excelente Bíblia de estudo é a Bíblia de Referência Thompson com Versículos em Cadeia Temática, 
publicada pela Editora Vida. 
Bíblias de estudo como essa representam longos anos de estudo e pesquisa minuciosa, resultando 
numa riqueza de material proveitoso. O dr. Frank Charles Thompson passou mais de 30 anos compilando 
seu sistema extremamente prático de referências cruzadas. 
2. Várias traduções recentes.