A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
APOL  CONTEÚDOS

Pré-visualização | Página 1 de 2

APOL CONTEÚDOS, TENDÊNCIAS E METODOLOGIAS
Questão 1/5 - Conteúdos, Tendências e Metodologias
Leia o seguinte fragmento de texto: 
“A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira (LDB 9394/96) é a legislação que regulamenta o sistema educacional (público ou privado) do Brasil (da educação básica ao ensino superior). Na história do Brasil, essa é a segunda vez que a educação conta com uma Lei de Diretrizes e Bases da Educação, que regulamenta todos os seus níveis. A primeira LDB foi promulgada em 1961 (LDB 4024/61). A LDB 9394/96 reafirma o direito à educação, garantido pela Constituição Federal. Estabelece os princípios da educação e os deveres do Estado em relação à educação escolar pública, definindo as responsabilidades, em regime de colaboração, entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios”. 
Após estava avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: PACIEVITH, Thais. Lei de Diretrizes e Bases da Educação. <http://www.infoescola.com/educacao/lei-de-diretrizes-e-bases-da-educacao/>. Acesso em 08 abr. 2017. 
Considerando os conteúdos do texto-base Considerações sobre qualidade na Educação Infantil a respeito da nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 1996, assinale a alternativa correta:
	
	A
	A LDB/96 define como finalidade da Educação Infantil o desenvolvimento integral da criança até 6 anos de idade, em seus aspectos físico, psicológico, intelectual e social, complementando a ação da família e da comunidade.
	
	B
	A LDB/96 prevê como finalidade da Educação Infantil a oferta de um espaço para a criança passar o tempo, ampliando a possibilidade de trabalho para a família e seu sustento.
	
	C
	A avaliação contemplada pela LDB/96 é de caráter classificatório, com o objetivo exclusivo de promover a criança ao Ensino Fundamental.
	
	D
	A LDB/96 não se propõe a discutir sobre a qualidade e o desenvolvimento integral da criança na fase da infância, somente no Ensino Fundamental e seus consequentes.
	
	E
	A LDB/96 entende que o desenvolvimento integral da criança não contempla os aspectos físicos e psicológicos, somente o intelectual, social e a ação da família e da comunidade.
Questão 2/5 - Conteúdos, Tendências e Metodologias
Leia o excerto de texto a seguir: 
“A discussão acerca da qualidade da educação remete à definição do que se entende por educação. Para alguns, ela se restringe às diferentes etapas de escolarização que se apresentam de modo sistemático por meio do sistema escolar. Para outros, a educação deve ser entendida como espaço múltiplo, que compreende diferentes atores, espaços e dinâmicas formativas, efetivado por meio de processos sistemáticos e assistemáticos”. 
Após estava avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: DOURADO, Luiz Fernandes; OLIVEIRA, João Ferreira de. A qualidade da educação: perspectivas e desafios. Cad. CEDES, Campinas, v. 29, n. 78, p. 201-215, ago. 2009. <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-32622009000200004&lng=en&nrm=iso>. Acesso em 08 abr. 2017.   
Considerando os conteúdos do texto-base Considerações sobre qualidade na Educação Infantil sobre a questão da qualidade da educação no Brasil, analise as afirmativas a seguir:
I. O termo qualidade não se traduz em um conceito único, universal e absoluto, já que diferentes setores da sociedade e diferentes políticas educacionais podem compreendê-lo de modo distinto.
II. O termo qualidade é único e absoluto, assim sendo, não depende de como os diferentes setores da sociedade e diferentes políticas educacionais o compreendem.
III. Uma boa educação tem um custo e ele não é baixo; portanto, falar em qualidade na educação implica necessariamente discutir recursos para o seu financiamento. 
Está correto apenas o que se afirma em:
	
	A
	I e III
	
	B
	I e II
	
	C
	II e III
	
	D
	II
	
	E
	 I
Questão 3/5 - Conteúdos, Tendências e Metodologias
Leia o seguinte fragmento de texto: 
“[...] a criança não foi reconhecida historicamente como um sujeito capaz, racional e que tivesse condições de estabelecer seus próprios fins. Que essa caracterização do infante foi uma escolha baseada em condições históricas e econômicas que, à medida que a sociedade se modifica, novos condicionantes vão surgindo no contexto social e revelam condições de perceber as crianças sob novas perspectivas”. 
Após estava avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: MARCHIORI, Alexandre Freitas. O discurso da criança como sujeito de direitos: perspectivas para a educação física na infância.  <https://periodicos.ufsc.br/index.php/zeroseis/article/viewFile/1980-4512.2012n25p33/20363>. Acesso em 08 abr. 2017. 
Considerando os conteúdos do texto-base Considerações sobre qualidade na Educação Infantil sobre a infância e valores e conceitos que giram ao seu redor, assinale a altiva correta:
	
	A
	Ao longo da história, as crianças sempre foram o principal objeto de atenção do mercado de consumo, o qual, sem pensar em lucros, sempre se preocupou em respeitar os limites, as necessidades e o pleno desenvolvimento do infante.
	
	B
	A história mostra que os infantes sempre tiveram os mesmos sentimentos e sempre foram alvos das mesmas preocupações.
	
	C
	Não há e não houve uma única forma de se compreender e de se relacionar com a infância, já que os sentimentos e os valores se alteram historicamente.
	
	D
	Uma mesma sociedade terá uma mesma constituição econômica, cultural e social, não alterando as relações que envolvem a infância.
	
	E
	Uma mesma sociedade, em seu tempo, comportará, a partir de sua constituição socioeconômica e cultural, um único modelo de infância, pois a criança é universal, com características comuns independente de qualquer outra variável.
Questão 4/5 - Conteúdos, Tendências e Metodologias
Considere o seguinte extrato de texto: 
“[...] podemos reivindicar três funções indissociáveis para as creches e pré-escolas. Primeiramente uma função social, que consiste em acolher, para educar e cuidar, crianças entre 0 e 6 anos e 11 meses, compartilhando com as famílias o processo de formação e constituição da criança pequena em sua integralidade”. 
Após estava avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: LEAL. Franciele Clair Moreira Leal Silveira. Práticas cotidianas na Educação Infantil: Bases para a reflexão sobre as orientações curriculares. <http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/relat_seb_praticas_cotidianas.pdf>. Acesso em 8 abr. 2017. 
Considerando os conteúdos do texto-base Considerações sobre qualidade na Educação Infantil sobre educação e cuidado e a superação da dicotomia entre assistência e educação, é correto afirmar que:
	
	A
	É consenso que a ideia de “cuidado” não tem como ser incluída no conceito de “educar”, pois “cuidar” e “educar” são tarefas que até hoje são consideradas opostas entre si.
	
	B
	Atualmente, as creches precisam direcionar seu trabalho somente para o “educar”, isto é, para o fazer pedagógico, enquanto que as pré-escolas precisam se preocupar apenas com o “cuidar”, entendido apenas como “assistencialismo”.
	
	C
	O conceito de educar envolve somente as creches e as pré-escolas, tendo em vista que as crianças de 0 a 6 anos precisam de maior cuidado para garantir sua educação.
	
	D
	Estudiosos da área da educação salientam que a ideia de “cuidado” deve ser concebida de forma mais abrangente do que uma mera assistência à criança; é preciso incluí-la no conceito de “educar”, ou seja, algo que compreenda todas as atividades ligadas à proteção e ao apoio necessário ao cotidiano de qualquer criança.
	
	E
	Os trabalhos nas creches e nas pré-escolas precisam ser direcionados exclusivamente para o “cuidar”, entendido apenas como “assistencialismo”, e não para o pedagógico, visto que são crianças de 0 a 6 anos que necessitam somente desse cuidar que envolve amor e carinho por parte dos educadores.
Questão 5/5 - Conteúdos, Tendências