A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Estudo Dirigido - ALTERAÇÕES CADAVÉRICAS

Pré-visualização | Página 1 de 1

1 – Em uma necropsia a observação de manchas avermelhadas (bem demarcadas) de diferentes tamanhos, irregularmente distribuidas pela superfície de um órgão ou em um sistema, possivelmente são: Hemorragias.
2 – Massas sólidas, opacas, firmes e friáveis formadas de plaquetas, fribrina e glóbulos vermelhos e brancos em proporções variadas e aderidos a parede dos vasos ou do coração, vermelhos ou amarelados, denominam-se: Trombos.
3 – Aumentos de volume e peso do fígado (tumefação com bordos arredondados, conscistência firme, superfície de de corte proeminente_, com aspecto vermelho escuro e ao corte deixa escorrer sangue. Esta pode ser a descrição macroscópica de uma lesão que refira a: Congestão Hepática.
4 – O edema que acomanha os quadros parasitários intensos tem sua etiopatogenia fundamentada no: Baixa da pressão oncótica.
5 - Assinale a alternativa incorreta: a congestão é um distúrbio circulatório caracterizado pelo acumulo de sangue arterial em determinada área do organismo
6 - Estabeleça uma diferenciação entre congestão, hiperemia, hemorragia:
Congestão: Acúmulo de sangue venoso (geral ou localizado) in vivo. Ocorre bloqueio mecânico da passagem de sangue.
Hiperemia Arterial: Acúmulo de sangue arterial em parte do organismo in vivo, sempre localizada, e associada a inflamação.
Hemorragia: Extravasamento do sangue do leito vascular ou do coração, sempre in vivo.
7 - Quais são as causas que levam a trombose e quais as suas consequências?
A trombose é causada pela formação de um “coágulo” de sangue (trombo), dentro de um vaso sanguíneo, impedindo ou interrompendo o fluxo de sangue. Dentre as consequências estão infarto, necrose, atrofia, retardo da circulação e hemorragia.
8 - Conceitue o choque, quais os tipos principais? Choque é um grupo de síndromes cardiovasculares que resultam no mal funcionamento do coração, vasos e o sangue. Alguns tipo são: Hopovolêmico, Septicêmico, Anafilático...
9 – Classifique os mecanismos de formação das hemorragias:
Per rexis (ruptura): de vasos por estiramento.
Per dieresis (dividir): secção de vasos.
Per diabrosis (corrosão): corroção de vasos por neoplasias, úlceras...
10 – A necrose refere-se a um espectro de alterações morfológicas que sucedem a morte celular no tecido vivo, em grande parte resultantes da ação degradativa progressiva de enzimas sobre a célula letalmente lesada. Conforme comumente referida, a necrose é o correlato macroscópico e histológico da morte celular que ocorre no contexto de uma lesão exógena irreversível. Sua manifestação mais comum é a necrose de coagulação, caracterizada por desnaturação das proteínas citoplasmáticas, degradação das organelas celulares e tumefação celular. A aparência morfológica da necrose é o resultado da ação concomitante de dois processos: digestão enzimática da célula e desnaturação de proteínas.
11 – Padrões morfológicos de lesão celular reversível: Degeneração gordurosa e hidrópica e glicogênica.
12 – Qual dos itens apresenta motivo (causa) que leva a degeneração gordurosa (esteatose e lipidose) hepática: Ingestão excessiva de carboidratos.
13 – Quais dos fatores abaixo listados influenciam na precocidade do aparecimento das alterações cadavéricas: Temperatura ambiente, estado nutricional e cobertura tegumentar.
14 – Aumento de volume e peso da víscera (tumefação, cápsula tensa, consistência pastosa, superfície de corte proeminente), com palidez (compressão vascular pelas células tumefeitas), e/ou coloração acinzentada clara (lembrando o aspecto cozido). Esta pode ser a descrição macroscópica de uma lesão que refira a: Degeneração hidrópica.
16 – Assinale a alternativa correta: A necrose é um processo patológico que se caracteriza por alterações no metabolismo e mofofisiologia celulares.
17 – Macro e microcopicamente a necrose de caseificação é manifestada pela perda da arquitetura identificável dos tecidos combinada com dedritos nucleares escuros, citoplasmáticos eosinofílicos e amorfos, misturados a coágulos sanguíneos, hemorragia, trombos e calcificação. É exemplo deste tipo de necrose:
18 – Quais dos fixadores abaixo que não promovem precipitações das proteínas celulares e que são utilizados rotineiramente para preparações de lâminas histológicas? Hematoxilina e eosina.
19 – Em uma necropsia de um canino que morreu com diagnóstico de anemia parasitária, você encontra grandes massas amareladas, elásticas e brilhantes, formadas de “plaquetas, fibrina, e glóbulos brancos: Coágulos lardáceos.
20 – Qual das alternativas traduz corretamente uma consequência (sequela) da necrose: Forma de abcesso, cicatrização, contaminação secundária.
21- As lesões denominadas de leucoencefalomalácea e polioencefalomalácia encontradas no encéfalo de equinos e bovinos do curso de algumas doenças esfecíficas são modelo de necrose: Necrose de liquefação.
22 – Manchas avermelhadas nos endotélios vasculares, no endocárdio e nas vizinhanças de vasos, mais evidentes em tecidos claros como omento, mesentério e tecido subcutâneo, são classificadas como: Embebição hemoglobínica.
23- As doenças vesiculares virais, bem como algumas doenas que cursam com corpúsculos de inclusão, entre outras tantas lesões encontram sua grande expressão na: Degeneração Hidrópica
24- Em uma necropsia a observação de manchas amareladas e/ou esverdeadas, principalmente em serosas, possivelmente são: Embebição biliar
25- Qual das alternativas traduz corretamente uma figura microcópica de necrose: Picnose é uma característica da necrose caracterizada pela condensação da cromatina nuclear.
26- Com referência ao estudo da Patologia, assinale a alternativa correta: A lesão é um sintoma na célula ou no tecido que pode ser funcional e morfológica.
27 – Para cada uma das afirmações abaixo complete os espaços com (N) para necrose e com (D) para degeneração:
(D) Um processo patológico regressivo que se caracteriza por alterações no metabolismo/bioquímica e morfo-fisiologia celulares, pode ser classificado como
(N) Se o agente agressor atuas sobre uma estrutura parenquimatosa com grande intensidade e em um curto espaço de tempo certamente ocasionará
(D) Se o conjunto das injúrias e respectivas alterações se concentram no citoplasma celular a consequencia esperada será de um estado lesional alterado, denominado
(D) Uma alteração no metabolismo lipídico com acúmulo de gorduras no citoplasma de células como gepatócico, fibras miocárdicas e células do epitélio tubular renal constituem uma