A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
25 pág.
Atividade pratica Eletronica Digital 1 2 e 3

Pré-visualização | Página 1 de 2

1 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
Atividade pratica – Eletrônica Digital 
Engenharia Elétrica – Uninter 
 
 
 
 
ATIVIDADE 1 - CIRCUITO LÓGICO COMBINACIONAL 
 
1. OBJETIVO 
 
Entender o funcionamento das portas lógicas fazendo a montagem de um circuito lógico e 
obtendo a tabela verdade para comprovar o seu funcionamento. 
 
2. MATERIAL UTILIZADO 
 
 
 
3. INTRODUÇÃO 
 
As portas lógicas são os circuitos lógicos mais básicos, dispositivos que realizam uma operação 
entre um ou mais sinais lógicos de entrada para produzir somente uma única saída. Estas 
operações são dadas pela álgebra booleana, expressada por uma função booleana, aonde as 
constantes e variáveis podem ter apenas dois valores possíveis, 0 ou 1. Na prática, os circuitos 
integrados representam esses dois valores por níveis de tensão distintos, interpretados como 
nível lógico baixo ou nível lógico alto. O circuito a ser montado é o seguinte: 
 
2 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
4 – CIRCUÍTO MONTADO 
 
Circuito montado considerando os 3 CI’s solicitados: 
 
 
Fig. 1: Circuito montado com LED funcionando 
 
5 – LEITURA COM O ANALISADOR LÓGICO 
 
5.1 - Conexão com o circuito: SN74LS08N 
 
 
 
5.1.1 - Analisador lógico em operação, considerando os canais 0,1,2 (entradas 0, 1 e saída 2) 
em nível lógico alto com interruptores das portas 01 e 02, abertos, LED aceso: 
 
 
 
5.1.2 – Fechando o interruptor na porta 01, o canal 1 permanece alto, o canal 0 e 2 ficam em 
nível baixo, LED apagado: 
 
4 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.1.3 – Fechando o interruptor na porta 02, o canal 0 permanece alto, os canais 1 e 2 ficam em 
nível baixo, LED apagado: 
 
 
 
5.1.4 – Fechando os dois interruptores nas portas 1 e 2, os três canais ficam baixos, LED fica 
apagado: 
 
 
 
 
 
 
 
5.2 – Conexão com o circuito: SN74LS32N 
 
5 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.2.1 – Com o analisador lógico em operação: Canal 0, canal 1, e canal 2 (entradas 0,1 e saída 
2). Em nível lógico alto, portas 01 e 02 abertos, e LED aceso: 
 
 
 
5.2.2 – Com o interruptor fechado na porta 01, e aberto na porta 02, o canal 0 fica baixo, os 
canais 01 e 02, permanecessem altos, e o LED fica aceso: 
 
 
 
 
 
5.2.3 – Com o interruptor fechado na porta 02, e aberto na porta 01, o canal 0 e o canal 2 ficam 
em alto e o canal 1 em baixo, o LED fica aceso: 
 
6 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.2.4 – Com os dois interruptores fechados nas portas 1 e 2, o canal 0, canal 1 e canal 2, ficam 
em nível baixo, e o LED se apaga: 
 
 
 
5.3 – Conexão com o circuito: SN74LS04N 
 
 
 
 
5.3.1 – Com o analisador lógico em operação: Canal 0 (entrada) está em nível lógico alto, e o 
canal 1, saída, em nível lógico baixo, com o interruptor da porta 01 aberto, o LED fica apagado: 
7 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.3.2 – Com o interruptor da porta lógica 01 fechado, o canal 0 (entrada) está em nível lógico 
baixo, e o canal 1, saída, está em nível lógico baixo, o LED se acende: 
 
 
 
5.4 – Conexão com todos os circuitos (SN74LS04N, SN74LS08N e 
SN74LS32N) 
 
 
 
5.4.1 - Com o analisador lógico em operação: Canal 0 e canal 2 em nível lógico alto, e o canal 1 
em nível lógico baixo, interruptores das portas 01, 02 e 03, abertos e o LED aceso: 
 
8 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.4.2 - Com o analisador lógico em operação: Canal 0, canal 1 e canal 2 em nível lógico baixo, 
com interruptores da porta 01 fechado e portas 02 e 03 abertos, LED fica apagado. 
 
 
 
5.4.3 - Com o analisador lógico em operação: Canal 0, canal 1 e canal 2 em nível lógico baixo, 
com interruptores da porta 02 fechado e porta 01 e porta 03 abertos, o LED fica apagado: 
 
 
 
5.4.4 - Com o analisador lógico em operação: Canal 0 e canal 2 em nível lógico alto, canal 1 com 
nível lógico baixo, os interruptores portas 1 e 2 abertos, inturruptor porta 3 fechado, LED aceso. 
 
9 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
5.4.5 - Com o analisador lógico em operação: Canal 1 e o canal 3 em nível lógico alto, canal 1 
com nível lógico baixo, os interruptores portas, 1, 2, e 3, fechados, o LED permanece aceso. 
 
 
 
5 – STATUS DO LED 
 
 
 
 
6 – CONCLUSÕES: 
 
6.1 – Expressão de saída do circuito ensaiado: 
( A * B ) + ~ C 
 
6.1 – Tabela verdade: 
 
10 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
6.3 – Desenho do circuito no MultiSIM Blue: 
 
 
6.4 – Conclusões: 
 
Trata se de uma atividade muito interesse, onde demonstrasse que para este experimento, os 
resultados obtidos com os experimentos práticos, e teóricos, acabaram sendo 100% 
equivalentes. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
11 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
ATIVIDADE 2 / FLIP FLOP 
 
1 – OBJETIVO 
 
Entender o funcionamento dos flip-flops fazendo a montagem de um circuito lógico e obtendo a 
tabela verdade para comprovar o seu funcionamento. 
 
2. MATERIAL UTILIZADO 
 
 
3 - INTRODUÇÃO 
 
O flip-flop é o elemento base de um circuito sequencial, que nada mais é do que um circuito 
combinacional com dispositivo de memória. Esta característica de memória é tida arranjado o 
circuito lógico de forma que utilize o conceito de realimentação. 
 
4 – PROCEDIMENTOS EXPERIMENTAIS 
 
Este experimento consiste em realizar uma montagem em protoboad de um circuito lógico 
sequencial utilizando circuitos integrados de portas lógicas TTL. O circuito a ser montado é o 
seguinte (para a montagem em proto-board ligar os pinos CLR e PR em VCC, este circuito abaixo 
tem os pinos SET e RESET ligados em GND apenas para a simulação no MultiSIM): 
 
12 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
 
Circuito Integrado a ser utilizado: 
 
 
 
 
 
Circuito montado e conectado ao oscilador 
 
 
4.1 – Circuito incial / Led B aceso 
 
13 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
Analisador lógico: Canais altos (1 e 4), canais baixo (0, 2, 3, 5). 
 
 
 
4.2 – Segunda medição: LEDs A, B, C, apagados 
 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1 e 2; Canais Baixo: 0, 3, 4 e 5 
 
14 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
4.3 - Terceira medição: Leds A e B aceso; Led C apagado 
 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1, 3 e 4; Canais Baixo: 0, 2 e 5 
 
 
 
4.4 - Quarta medição: Leds A aceso; Led B e C apagado 
 
15 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1, 2 e 3; Canais Baixo: 4 e 5 
 
 
 
4.5 Quinta medição: Leds A, B e C aceso 
 
16 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1, 3, 4 e 5; Canais Baixo: 0 e 2 
 
 
 
4.6 Sexta medição: Led B aceso. Leds A e C apagados 
 
17 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1 e 4; Canais Baixo: 0, 2, 3 e 5 
 
 
 
4.7 Sétima medição: Led B e C acesos. Led A apagado 
 
18 
 
Atividade Prática de Eletrônica Digital 
 
 
Analisador Lógico: Canais Alto: 1, 4 e 5; Canais Baixo: 0, 2, 3 
 
 
 
4.8 - Oitava medição: Led C aceso. Led A e B apagado. 
 
19 
 
Atividade Prática de Eletrônica