Literatura Brasileira I - Avaliando o Aprendizado
31 pág.

Literatura Brasileira I - Avaliando o Aprendizado


DisciplinaLiteratura Brasileira I2.936 materiais50.588 seguidores
Pré-visualização13 páginas
que se estabelecem próximos às missões
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	tratavam da lírica amorosa, em métrica nova
	
	6a Questão (Ref.: 201504621490)
	Acerto: 1,0  / 1,0 
	Leia o trecho abaixo e responda ao que se pede: 
Terem os romanos e outros mais gentios mais polícia que estes não lhes veio de terem naturalmente melhor entendimento, mas de terem melhor criação e criarem-se mais politicamente. ((BOSI, Alfredo. Dialética da colonização. 3.ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1994. p. 67)
 A afirmação de Nóbrega evidencia: 
	
	
	a existência de policiais entre os indígenas
	
	a compreensão da dificuldade de evoluir, visto que não dominavam a língua portuguesa
	
	a necessidade de controle do europeu, visto que os índios eram desprovidos de inteligência
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	 a percepção desprovida de preconceito por entender que não há desnível de inteligência entre os indígenas e as outras civilizações
	
	o olhar preconceituoso do Padre em relação aos indígenas
	
	7a Questão (Ref.: 201505186401)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	Ao estudarmos os textos literários escritos no período do Barroco, no Brasil, torna-se imperioso compreender o contexto histórico em que vivíamos. Marque a alternativa que apresenta a correta justificativa para a articulação da história e da literatura, no caso do Barroco:
	
	
	A independência do Brasil foi o panorama ideal para as sátiras às relações sociais do período.
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	O ambiente de reflexão sobre os referenciais clássicos foi propício à criação de obras em que sobressai a tranquilidade e o apego à vida no campo.
	
	O cenário político e econômico de viagens e descobertas fomentou a literatura voltada para o sentimentalismo amoroso.
	
	O Iluminismo incentivava a divagação reflexiva sobre a sociedade e suas relações de poder.
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	O contexto europeu de guerras e da Contrarreforma produziu um ambiente de tensões e de medo, refletido nas obras da época.
	
	8a Questão (Ref.: 201505251516)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	A expressão "ecos do Barroco", criada por Bosi, define a presença da estética barroca na literatura brasileira. Assinale a alternativa que indica a correta explicação para o termo:
	
	
	Os autores brasileiros apenas escreveram textos conceptistas, ignorando o cultismo como estética barroca.
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	Os textos de natureza barroca no Brasil surgiram apenas no século XVIII.
	
	O Barroco brasileiro manifestou-se primeiramente na música.
	
	O Barroco não foi um movimento expressivo, nem contou com autores brasileiros.
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	Os nossos autores sofreram a influência da península ibérica, além disso aqui não havia a configuração do Barroco propriamente dito.
	9a Questão (Ref.: 201504667575)
	Acerto: 1,0  / 1,0 
	"Não é o homem um mundo pequeno que está dentro do mundo grande, mas é um mundo grande que está dentro do pequeno. Baste ¢por prova o coração humano, que sendo uma pequena parte do homem, excede na capacidade a toda a grandeza do mundo. (...) O mar, com ser um monstro £indômito, chegando às areias, pára; as árvores, onde ¤as põem, não se mudam; os peixes contentam-se com o mar, as aves com o ar, os outros animais com a terra. Pelo contrário, o homem, monstro ou quimera de todos os elementos, em nenhum lugar pára, com nenhuma fortuna se contenta, nenhuma ambição ou apetite o falta: tudo confunde e como é maior que o mundo, não cabe nele".
Podemos reconhecer neste trecho do Padre Antônio Vieira: 
	
	
	d) O racionalismo comum dos escritores da escola realista (final do século XIX).
	
	e) A consciência da destruição da natureza pelo homem, típica de um escritor moderno (século XX).
	
	b) A pureza de linguagem e o estilo rebuscado do escritor árcade (século XVIII).
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	a) O caráter argumentativo típico do estilo barroco (século XVII).
	
	c) Uma visão de mundo centrada no homem, própria da época romântica (princípio do século XIX).
	
	10a Questão (Ref.: 201504628365)
	Acerto: 1,0  / 1,0 
	(UF-SE) A literatura dessa época caracteriza-se pela abundância de ornatos, pela elaboração formal que redunda em um estilo trabalhado, ricamente entretecido de figuras, em especial a antítese, o paradoxo e a hipérbole. Esse movimento estético é o:
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	Barroco.
	
	Modernismo.
	
	Arcadismo.
	
	Pré-modernismo.
	
	Naturalismo.
SIMULADO III
	1a Questão (Ref.: 201504621486)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	Assinale a alternativa que apresenta o aspecto evidenciado por Umberto Eco como relevante para o estudo da história da literatura:
	
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	os acontecimentos históricos
	
	o estilo
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	o ato de leitura 
	
	a biografia do autor
	
	a recepção crítica
	
	2a Questão (Ref.: 201504621484)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	Leia o trecho de Afrânio Coutinho que se segue e assinale a alternativa que apresenta a correta interpretação:
 "Com ser de natureza estética, o fato literário é histórico, isto  é, acontece num tempo e num espaço determinados. Há nele elementos históricos que o envolvem como uma capa e o articulam com a civilização(...); e elementos estéticos que constituem o seu núcleo..." 
	
	
	a literatura está dissociada dos fatos históricos
	
	o estudo da literatura é definido pelo estudo da história
	
	o estudo da história não deve considerar a literatura
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	o estudo da literatura deve ser considerado isolado de qualquer referência histórica
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	a história é um dos indicadores para o estudo da literatura
	
	3a Questão (Ref.: 201505114398)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	Os textos do Descobrimento do Brasil vão formar o mito do ufanismo que irá se constituir uma linha permanente na Literatura brasileira em prosa e verso. Reconheça o texto em que tal realização aparece:
	
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_ok.gif" \* MERGEFORMATINET 
	"Minha terra tem palmeiras "onde canta o tico-tico. Enquanto isso o sabiá vive comendo o meu fubá." (Cacaso) 
	
	"Lá longe meu pai campeava/ no mato sem fim da fazenda. /E eu não sabia que minha história/ era mais bonita que a de Robinson Crusoé" (Carlos Drummond de Andrade) 
	\ufffd\ufffd INCLUDEPICTURE "http://ead.estacio.br/img/imagens/peq_nao.gif" \* MERGEFORMATINET 
	"João amava Teresa que amava Raimundo/ que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili/ que não amava ninguém./ João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento" (Carlos Drummond de Andrade) 
	
	"Estou farto do lirismo comedido / Do lirismo bem comportado / Do lirismo funcionário público com livro de ponto expediente protocolo e manifestações /de apreço ao sr. diretor." (Manuel Bandeira) 
	
	"Tire a faca do peito e o medo dos olhos Ponha uns óculos escuros e saia por aí. Dando bandeira" Bernardo Vilhena
	
	4a Questão (Ref.: 201505114720)
	Acerto: 0,0  / 1,0 
	O trecho da História da Província de Santa Cruz, de Pero Magalhães Gandavo, "Primeiramente tratarei da planta e raiz de que os moradores