3 REGULADORA
25 pág.

3 REGULADORA


DisciplinaDireito Administrativo I55.436 materiais1.006.866 seguidores
Pré-visualização2 páginas
11 de dezembro de 1990, observadas
as disposições desta Lei.
AGÊNCIAS REGULADORAS
Classificação 
\u2022 Serviços Públicos Propriamente Ditos (ANEEL, ANATEL, ANAC, ANTT 
e ANTAQ) 
\u2022 Atividades de Fomento e Fiscalização da Atividades Privadas 
(ANCINE) 
\u2022 Atividades Econômicas Integrantes da Indústria do Petróleo (ANP)
\u2022 Atividades que o Estado Protagoniza e que são facultadas ao 
particular (ANS e a ANVISA) 
\u2022 Agência que regula o uso de bem público (ANA)
AGÊNCIAS EXECUTIVA
\u2022 É a qualificação dada à autarquia ou fundação que
celebre contrato de gestão com o órgão da
Administração Direta a que se acha vinculada, para
melhora da eficiência e redução de custos.
Maria Sylvia Di Pietro
\u2022 Lei 9.649/98, art. 51.
AGÊNCIAS EXECUTIVA
Características:
\u2022 Submetem-se a um regime jurídico especial (Dec. 2.487
e 2.488 de 02/02/1998);
\u2022 a qualificação é concedida por ato específico do 
Presidente da República;
\u2022 Ampliação da autonomia gerencial, orçamentária e 
financeira (art. 37, §8º da CF/1988).
AGÊNCIAS EXECUTIVA
\u2022 Características:
\u2022 o contrato de gestão terá a duração mínima de um ano,
admitida a revisão de suas disposições em caráter
excepcional e devidamente justificada, bem como a sua
renovação, desde que submetidas à análise do
Ministério Supervisor (art. 3, §4º, do Decerto n.
2.487/1998).
\u2022 Tem como objetivo aumentar a eficiência da Autarquia.
AGÊNCIAS EXECUTIVA
\u2022 Características:
\u2022 Art. 24, XXIV, da Lei 8.666/93
\u2022 Licitação dispensável para contratação de Organizações
Sociais para atividades constantes do plano gestor
\u2022 Art. 24, §1º, da Lei 8.666/93
\u2022 Aumento do limite para dispensa de licitação de 10%
para 20% do valor máximo da modalidade convite
AGÊNCIAS EXECUTIVA
Exemplos:
\u2022 Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e
Qualidade Industrial (Inmetro);
\u2022 a Agência de Inteligência (Lei 9.883/99);
BIBLIOGRAFIA
\u2022 \u25cf CARVALHO FILHO, José dos Santos. Manual de direito administrativo, São Paulo: 
Atlas, 2015.
\u2022 PIETRO, DI, Maria Zanella. Direito Administrativo, 30ª edição. Forense, 02/2017. 
VitalBook file.
\u2022 A citação fornecida é uma diretriz. Verifique a exatidão de cada citação antes de 
usar.
\u2022 MEDAUAR, Odete. Direito administrativo moderno, São Paulo: Revista dos 
Tribunais, 2015.
\u2022 \u25cf MEIRELLES, Hely Lopes. Direito administrativo brasileiro. São Paulo: Malheiros, 
2002.
\u2022 \u25cf MELLO, Celso Antônio Bandeira de. Curso de direito administrativo. 26. ed. São 
Paulo: Malheiros, 2009.