REVISão FISIOLOGIA 2017.2 Nassau prof. Walber
30 pág.

REVISão FISIOLOGIA 2017.2 Nassau prof. Walber


DisciplinaFisiologia I26.300 materiais215.550 seguidores
Pré-visualização1 página
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
DIGESTIVO
DIGESTÃO MECANICA \u2013 BOCA
DIGESTÃO QUIMICA \u2013 ESTOMAGO
ABSORÇÃO DE NUTRIENTES \u2013 INTESTINO DELGADO
ABSORÇÃO DE ÁGUA \u2013 INTESTINO GROSSO
MUCINA GÁSTRICA \u2013 PROTEÇÃO DA MUCOSA DO ESTOMAGO
SUCO GÁSTRICO= ÁGUA+SAIS MINERAIS+ÁCIDO CLORIDRICO
SUCO PANCREÁTICO \u2013 QUEBRA DE GORDURAS E BLOQUEIA ACIDEZ DO 
QUIMO
QUIMO= MUSTURA HOMOGENEA BOLO ALIMETAR + SUCO GASTRICO!!
PRINCIPAIS ENZIMAS ENVOLVIDAS: 
- Amilase - saliva (amido); Suco Gástrico (HCl); Suco Pancreático 
(Amilase; lipase; protease \u2013 Tripsina); Bile (emulsificar gorduras)
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
RESPIRATÓRIO
INALAÇÃO DO AR \u2013 NARINAS \u2013 AR É AQUECISO, LIMPO E UMIDIFICADO
HEMATOSE \u2013 TROCA DO CO2 PELO 02 NOS ALVÉOLOS
RESPIRAÇÃO DEPENDE DOS MUSCULOS DIAFRAGMA E INTERCOSTAL
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
CIRCULATÓRIO
CIRCULAÇÃO HUMANA É FECHADA, DUPLA E COMPLETA
SANGUE NÃO CIRCULA NOS TECIDOS, SOMENTE NOS VASOS
CAMINHO DO SANGUE:
1. ÁTRIO DIREITO-\uf0e0VENTRICULO DIREITO-\uf0e0PULMÕES (HEMATOSE)
2. ÁTRIO ESQUERDO -\uf0e0VENTRICULO ESQUERDO-\uf0e0 TECIDOS
SANGUE CHEGA NO ÁTRIO DIRETO RICO EM C02
SANGUE CHEGA NO ÁTRIO ESQUERDO RICO EM 02
VÁLVULAS DO CORAÇÃO IMPEDEM O REFLUXO DO SANGUE
VEIAS \u2013 ARTÉRIAS \u2013 VENULAS - CAPILARES
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
ENDÓCRINO
HIPOTÁLAMO CONTROLA HIPÓFISE E SUAS SECREÇÕES!!!
HIPÓFISE CONTROLA ÓRGÃOS ENDÓCRINOS E NÃO ENDÓCRINOS
HORMONIOS DA TIREÓIDE: T3, T4 E CALCITONINA; Parathormonio
HORMONIOS GONADOTROFICOS:
HOMEM: TESTOSTERONA
MULHER: ESTROGENO E PROGESTERONA
Pâncreas:
INSULINA E GLUCAGON: REDUZ E AUMENTA A GLICEMIA, RESPECVMTE;
SUPRA RENAL: ADRENALINA E NORADRENALINA \uf0e0HORMONIO DAS 
EMOÇÕES...
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
LINFÁTICO
CAPILARES\uf0e0VASOS\uf0e0DUCTOS LINFÁTICOS
BOMBA LINFÁTICA: DIMINUI A PRESSÃO DENTRO DOS VASOS LINFAT.
EDEMA: EXCESSO DE LIQUIDO NOS TECIDOS
CAUSAS DO EDEMA:
HIPOERTENÇÃO, BLOQUEIO DOS LINFÁTICOS, QUEIMDURAS, 
DESNUTRIÇÃO ENDEMICA, FILARIOSE LINFÁTICA, TRAUMA ....
LIFONODOS: FILTRAM A LINFA;
AUMENTO DOS LINFONODOS: LINFADENOPATIA OU INGUA
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
1. SISTEMA NERVOSO
1.1. SISTEMA NERVOSO PERIFÉRICO
1.2. SISTEMA NERVOSO CENTRAL
1.3. RESPOSTA DIRECIONADA A UM ESTIMULO NERVOSO
1.4. VIAS DE AÇÃO MOTORA
1.5. VIA INTEGRADORA DO ESTIMULO NERVOSO
1.5. CONDUÇÃO DO IMPULSO NERVOSO
1.6. CELULAS NERVOSAS: NEURONIOS, ASTROCITOS, 
OLIGODENDROCITOS, CELULAS DA GLIA \u2013 BAINHAS DE MIELINA
1.7. SINAPSES NERVOSAS
1.8. DOR EM PONTADA/DOR EM QUEIMAÇÃO CONTINUA
1.9. DOR REFERIDA
1.10. CEFALEIA
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
S. N. P.
REDE DE NERVOS
AFERENTES
ESTIMULO MEDULA ENCEFALO
FIBRAS NERVOSAS 
EFERENTES
SNC PERIFERIA MUSC. ESQUELÉTICO
NERVOS CRANIANOS
NERVOS ESPINHAIS
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
SISTEMA SENSORIAL
RESPOSTA AO ESTIMULO
ANÁLISE E PROCESSAMENTO DE INFORMAÇÃO
ALTAS REGIÕES DO CEREBRO
TRONCO CEREBRAL
MEDULA ESPINHAL
NERVOS ESPINHAIS E CRANIANOS
SUPERFICIE E INTERIOR DO CORPO
TÁLAMO
CÓRTEX CEREBRAL
BULBO
MESENCÉFALO
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
SISTEMA MOTOR
MUSCULOS
NERVOS MOTORES
MEDULA ESPINHAL
REGIÃO BASAL DO ENCEFALO
AREA MOTORA DO CÓRTEX
S.N.C
RESPOSTA 
AUTOMATICA
PENSAMENTO
RESPOSTA ELABORADA
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
Sensação somestesica
-Sensações que se originam na superficie do
corpo ou nas suas profundezas
tato
pressão
calor
frio
dor
angulação das articulações
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
Receptores somestésicos
Presentes nas terminações nervosas livres
Receptores tacteis especializados
Receptor de Ponta expandida (corpo)
Receptor Tactil do pelo (base pilosa)
Corpusculo de Pacini (compressão)
Corpusculo de Meissner (lábios, digitais)
Corpuculo de Krause (sensaçõs sexuais)
Corpusculo de Ruffini (Articulação)
Receptores musculares (contração)
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
2. SISTEMA SENSORIAL ESPECIAL
2.1. VISÃO
2.2. AUDIÇÃO
2.3. PALADAR
2.4. OLFATO
3. SISTEMA PELE
3.1.ESTRUTURA DA PELE
3.2. FISIOLOGIA DA PELE
3.3. FUNÇÕES DA PELE
REVISÃO FISIOLOGIA HUMANA
PELE - FUNÇÕES
Função Barreira
Função Sensorial
Função Termoreguladora
Função Imunológica
Função Socio-sexual e Cosmética
Função Hormonal - Produção de 
Vitamina D
PELE - FUNÇÕES
FUNÇÃO BARREIRA
Agentes físicos
Agentes mecânicos
Agentes microbianos
Radiação UV
Circulação de fluídos (bidireccional)
PELE - FUNÇÕES
FUNÇÃO IMUNOLÓGICA
\u2022 Importante órgão imunológico contendo 
quase todos elementos celulares excepto 
linfocitos B
\u2022 Componentes imunológicos cutâneos
\u2013estruturas
\u2013 células
\u2013 sistemas funcionais
\u2013 imunogenética
PELE - FUNÇÕES
PROCESSOS FISIOLÓGICOS CUTÂNEOS
\u2022 Maturação de queratinocitos
\u2022 Crescimento piloso
\u2022 Melanogénese
\u2022 Termoregulação
PELE - FUNÇÕES
CRESCIMENTO PILOSO
\u2022 É variável em função da localização
\u2022 Cabelos 0.4 mm / 24 h
\u2022 Sem sincronia
\u2022 Cada pêlo é uma unidade funcional 
independente 
\u2022 Cíclico \u2013 Ciclo Pilar
PELE - FUNÇÕES
MELANOGÉNESE
\u2022 Processo que leva à formação de melanina 
responsável pela pigmentação cutânea
\u2022 Melanocitos \u2013 células produtoras de melanina 
\u2022 Fisiologicamente importante como barreira à 
penetração dos uv\u2019s
PELE - FUNÇÕES
TERMOREGULAÇÃO
\u2022 Necessária para manutenção de processos 
bioquímicos vitais 
\u2022 Temperatura ideal < 37º C
\u2022 Dependente de factores como metabolismo / 
exercício / emoções/ alimentação \u2026 \u2026
PELE - FUNÇÕES
ANEXOS CUTÂNEOS
\u2022 São derivados epidérmicos com componente 
dérmico 
\u2022 3 tipos: 
\u2013 Folículos pilo-sebáceos
\u2013Unhas
\u2013Glândulas sudoríparas 
BOA PROVA......