ANALISE ESTRATÉGICA DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO
21 pág.

ANALISE ESTRATÉGICA DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO


DisciplinaOrganização Industrial e Sistemas de Produção2 materiais15 seguidores
Pré-visualização4 páginas
FUNDAÇÃO DE ASSISTÊNCIA E EDUCAÇÃO - FAESA 
FACULDADES INTEGRADAS ESPÍRITO-SANTENSES 
CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO 
ORGANIZAÇÃO INDUSTRIAL E SISTEMAS DE PRODUÇÃO 
 
DEBORAH GESSIKA SIQUEIRA VIANA 
JAQUIELLY PEREIRA ELIAS 
 
 
 
 
 
 
 
 
ANÁLISE ESTRATÉGICA DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
VITÓRIA 
2015 
 
 
 
DEBORAH GESSIKA SIQUEIRA VIANA 
JAQUIELLY PEREIRA ELIAS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ANÁLISE ESTRATÉGICA DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO 
 
 
Trabalho acadêmico apresentado às Faculdades 
Integradas Espírito-santenses, Curso de Graduação 
em Engenharia de produção, como requisito parcial 
de avaliação da disciplina Organização Industrial e 
Sistemas de Produção, sob orientação do professor 
José Tasso Aires de Alencar Filho. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
VITÓRIA 
2015 
 
 
 
LISTA DE FIGURAS 
 
Figura 1 \u2013 Os processos input \u2013 transformação - output ............................................. 6 
Figura 2 \u2013 Cadeia de Suprimento. ............................................................................. 13 
Figura 3 \u2013 Sistema de Produção e Macro- fluxograma ............................................. 14 
Figura 4 \u2013 Modelo de Transformação ....................................................................... 15 
Figura 5 \u2013 Mapa Estratégico ..................................................................................... 18 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
SUMÁRIO 
 
 
1. INTRODUÇÃO ........................................................................................................ 5 
2. REFERENCIAL TEÓRICO ...................................................................................... 6 
2.1.MODELO DE TRANSFORMAÇÃO ....................................................................... 6 
2.1.1. Inputs para o processo de transformação .................................................... 7 
2.1.2. Recursos Transformados ............................................................................... 7 
2.1.3. Transformação de Recursos .......................................................................... 7 
2.1.4. Outputs do Processo de Transformação ...................................................... 7 
2.2. CINCO OBJETIVOS DE DESEMPENHO ............................................................ 9 
2.2.1. Objetivo Qualidade .......................................................................................... 9 
2.2.2. Objetivo Rapidez ............................................................................................. 9 
2.2.3. Objetivo Confiabilidade .................................................................................. 9 
2.2.4. Objetivo Flexibilidade ................................................................................... 10 
2.2.5 Objetivo Custo ................................................................................................ 10 
2.3. ESTRATÉGIA DE PRODUÇÃO ......................................................................... 10 
2.3.1. Que é Estratégia ? ......................................................................................... 10 
2.3.2. Hierarquia Estratégica .................................................................................. 10 
2.3.3. Estratégia de Produção ................................................................................ 11 
2.4. CADEIA DE SUPRIMENTOS ............................................................................. 11 
3. ESTUDO DE CASO .............................................................................................. 12 
3.1 CARACTERIZAÇÃO ........................................................................................... 12 
3.2. CADEIA DE SUPRIMENTOS ............................................................................. 13 
3.3. SISTEMA DE PRODUÇÃO E MACRO-FLUXOGRAMA .................................... 14 
3.4. MODELO DE TRANSFORMAÇÃO .................................................................... 14 
3.5. OBJETIVOS DE DESEMPENHO ....................................................................... 15 
3.6. DESEMPENHO ESTRATÉGICO ....................................................................... 17 
3.7. MAPA ESTRATÉGICO....................................................................................... 18 
4. CONCLUSÃO ....................................................................................................... 20 
5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ..................................................................... 21 
 
 
 
5 
 
1.INTRODUÇÃO 
 
Este relatório tem por finalidade fazer com que os alunos desempenhem uma 
análise estratégica de um Sistema de Produção. Visando que os participantes se 
posicionem de acordo com o que à eles é imposto como Engenheiros de Produção e 
como agir para atingir melhores resultados de acordo com as conclusões extraídas 
da análise. Dessa forma, a elaboração desde relatório possibilita que aquilo que é 
lecionado em teoria nas salas de aulas, possa ser enxergado bem mais de perto de 
forma prática atingindo ampliação e um entendimento muito mais abrangente para 
futuras aplicações. 
O objetivo desse trabalho é realizar uma análise das políticas e planos estratégicos 
do restaurante Villa Augusta, visando assim o seu crescimento competitivo no ramo 
a curto, médio e longo prazo. 
Esse trabalho é importante pois, o cumprimento da análise aqui levantada tem o 
intuito de agregar todo o conhecimento necessário para que a empresa venha se 
desenvolver de forma coerente ou seja buscando um foco como sua estratégia de 
crescimento. 
A metodologia utilizada nesse trabalho foi fundamentada com pesquisas 
bibliográficas sobre o tema. Foi realizado coleta de informações, através de visita no 
Restaurante Villa Augusta situado na Graciano Neves, nº 64, Centro de Vitória- ES. 
 
6 
 
2. REFERENCIAL TEÓRICO 
 
2.1.MODELO DE TRANSFORMAÇÃO 
Segundo Slack et al.(2006, p. 31),qualquer operação produz bens ou serviços, ou 
um misto dos dois, e faz isso por um processo de transformação. Por transformação 
nos referimos ao uso de recursos para mudar o estado ou condição de algo para 
produzir outputs. A Figura 1 mostra um modelo de transformação que é usado para 
descrever a natureza da produção. Em resumo, a produção envolve um conjunto de 
recursos de outputs de bens e serviços. 
 
Figura 1 \u2013 Os processos input \u2013 transformação - output 
 
Fonte: Slack,2006 
 
Qualquer atividade de produção pode ser vista conforme esse modelo input- 
transformação- output. Por exemplo, os hospitais possuem inputs de médicos, 
enfermeiras e outros funcionários da área médica, administradores, funcionários de 
limpeza, camas, equipamento médico, produtos farmacêuticos, sangue, rouparia etc. 
Seu propósito é transformar pacientes doentes em pacientes saudáveis. Os outputs 
da operação são pacientes tratados, resultados de exames médicos, pesquisa 
médica e procedimentos médicos práticos. 
7 
 
2.1.1. Inputs para o processo de transformação 
De acordo com Slack et al.(2006, p. 34),os inputs para a produção podem 
convenientemente ser classificados em: 
Recursos transformados \u2013 aqueles que são tratados, transformados 
Ou convertidos de alguma forma; 
Recursos de transformação \u2013 aqueles que agem sobre os recursos transformados. 
 
2.1.2.Recursos Transformados 
Segundo Slack et al.(2006, p. 34), geralmente, os recursos transformados que a 
produção emprega são um composto