Vocabulário Jurídico
788 pág.

Vocabulário Jurídico


DisciplinaIntrodução ao Direito I88.156 materiais526.468 seguidores
Pré-visualização50 páginas
Companhias ou 
Sociedades ; e outros quaesquér actos, para os quaes se-exigem 
no Código poderes especiáes\u2014. 
\u2014 Adopção é o acto de tomar pessoas estranhas para seus 
filhos\u2014-Consolid. cit. Art. 217 e sua Nota: 
B Entre nós nunca se-entende, que os Filhos Adoptados ou 
Adoptivos tenhão direito para succedêr aos Adoptantes, ainda 
que estes morrão sem herdeiros necessários\u2014. 
VOCABULÁRIO JURÍDICO 9 
I \u2014 Adventícios (bens) são es adquiridos pêlos fí-lhos-familias 
como herdeiros de suas mães; e distiriguem-se dos\u2014bens 
profedidos adquii idos por herança de seus pais ou de outros 
ascendentes do sexo masculino,\u2014bens castrenses adquiridos 
pela vida militar, e dos \u2014 bens quasi-castrenses havidos por 
suas letras. Vôja-se a cit. Consolid. Nota ao Art. 179, e em 
outros togares\u2014. 
\u2014 Aflerição é o acto do Empregado Publica, que 
affére, isto é, que coteja as medidas, e os pesos, com os 
padrões das Camarás Municipáes : 
A. Lêi n. 157 de 26 de Junho de 1862 substituto em todo o 
Império o Systema dos Pesos e Medidas pêlo Sys-tema Métrico 
Francêz: 
O termo \u2014 Afiladôr\u2014, usado no Diccion, de Ferr. Borg. 
não é vulgar entre nós\u2014. 
\u2014 AfTretadõr é, nos Contractos de Fretamento ou Âf-
fretamento, quem toma de frete; isto é, o locatário n'êste 
Contracto Marítimo\u2014. 
\u2014 Aforamento, ou Contracto Emphiteuticario, é ex-
clusivamente contracto civil; pêlo qual se-adquirem terrenos 
para edificações, ou terras incultas para trabalhos de lavoura. 
D'êlle trata minuciosamente a Consolid. cit. Arts. 606 á 
649, â qual me-refiro, como se aqui fosse integralmente 
reproduzida: 
E' o Contracto mais notável do Direito Civil, como 
representação terráquea da Liberdade no Foro, e da Ultima 
Hora Canónica no Laudemio (Laúde meio), que allude ao 
Trabalho da Codificação. 
\u2014 Agentes, em geral, são todos, que se-encarregão de 
negócios alheios, por qualquer causa, e para qualquer 
fim \u2014. 
\u2014 Aggravo é um dos recursos frequentes da nossa 
10 VOCABULÁRIO JURÍDICO 
ordem judiciaria, de que trata o Regul. de 15 de Março de 
1842, e o de 25 de Novembro de 1850. 
\u2014 Agnaçâo do posthumo é a superveniencia de filhos 
ou filhas, depois de feito o Testamento, sem que o Tes 
tador ascendente o-soubesse\u2014. 
\u2014 Aguas, as dos rios, e ribeiros, podem sêr occup-padas 
pêlos particulares, e derivadas por canães, ou levadas, em 
beneficio da agricultura e da industria: \u2014 Arts. 894 e segs. da 
cit. Consolid., completados pelos subsequentes até 902\u2014. 
\u2014 Alfandega é a Repartição Publica d'êste Império,] onde 
se-arrecadão, péla importação, e exportação, de mercadorias a 
maior parte das rendas nacionães\u2014. 
\u2014 Alforria é a libertação dada pelos senhores à seus 
escravos, como se fosse uma doação (datio libertatis), como 
reconheceu a Ord. Liv. 3." Tit. 65; ou como alforria dada pélas 
Leis nos casos, em que tem logàr, regulados hoje péla Lêi n. 
2040 de 28 de Setembro de 1871, e pélas Instruc-ções n. 4815 
de 11 de Novembro do mesmo anno\u2014. 
\u2014 Alheação, ou Alienação, entende-se \u2014 alienação de 
domínio por titulo\u2014inter vivos\u2014, como vê-se, quanto à 
immoveis, na Lêi Hypotheçaria n. 1237 de 24 de Setembro de 
1864 Art. 2.° § 4.° e Art. 8.°; posto, que também hoje,\u2014 
alienação de uso e gozo, com direito real ou sem êlle\u2014.
 tiíàu 
\u2014 Alijamento, termo de Direito Marítimo, exprimindo o 
acto de lançar ao mar objectos carregados no navio; com o fim 
de alivial-o, e salval-o\u2014: 
Os Alijamentos só podem sêr deliberados, como determina 
o Art. 509 do Cod. do Comm.: 
Entrâo na classe das Avarias Grossas, como também 
VOCABULÁRIO JURÍDICO 11 
se-pode vêr nos Arts. 704 § 2.% 769, e 770, do mesmo 
Cod.\u2014. 
\u2014 Alimentos resrulão-se no Ass. 5.' de 9 de Abril de 1772 
(Consolid. cit. Arts. 230 e 236\u2014. 
\u2014 Ailodiáes são todos os immoveis não em.pb.yteu-ticos. 
como Tè-se na cit. Consolid. Art. 62\u2014. 
\u2014 Allaviáõ é o acrescimento natural de terras entre 
ribeirinhos, próximos ou mais distantes. 
Avulsdõ é uma das causas de angmento do solo dos 
immoves margináes de rios entre os proprietários res-
pectivos.\u2014. 
\u2014 Ambiguidades são todas as duvidas occurrentes na 
interpretação das Leis, e de quaesquér Actos Jurídicos, 
principalmente na interpretação granimaticál\u2014. 
\u2014 Ameaças são crimes puníveis pêlos Arts. 207 e 208 do 
nosso Cod. Crim.\u2014. 
\u2014 Amigável Composição entende-se entre nós a 
Transacção no sentido especial de resolver questões em litígios 
pendentes, ou prováveis\u2014. 
\u2014 Amnistia só ao Poder Moderador compete conce-dêl-a. 
como dispõe aConst. do Império no Art 101\u2014IX\u2014. 
\u2014 Amortisaçào exprime: 
Ou todas as Leis, que prohibem com nullidade ás 
Corporações- de Mão-Morta adquirir bens im moveis sem 
licença do Governo: 
Ou o Estabelecimento destinado péla Lei de 15 de 
Novembro de 1827, para expedir Apólices da Divida Publica, e 
fazer amortisaçào de seus juros, etc.\u2014. 
\u2014 Amostras, termo de vendas commerciàes, quando 
12 VOCABULÁRIO JURÍDICO 
por êlíãs as compras e vendas se-fazem, ou são entabo-ladas, 
como tem previsto o Art. 201 do nosso Cod. do Comm.\u2014. 
\u2014 Ampliações são os Actos em geral, e frequente 
mente as Leis, quando se-referem à anteriores, e deter- 
minão sua mais larga interpretação : 
Nos casos contrários, ha restriccões, os Actos devem sôr 
entendidos com interpretação restrictiva. 
\u2014 Anatocismo é a contagem de juros de juros nas 
relações pecuniárias: 
Actualmente não se-reputa contracto prohibido, é licito 
convencional-o pêla permissão ampla da Lêi de 24 de Outubro 
de 1832: 
Além d'isto, se-subentendem em relações de Contas 
Correntes (propriamente ditas), como parece têr sufficiente-
mente explicado a Nota ao Art. 361 da cit. Consolid.\u2014. 
\u2014 Angaria se diz a requisição para transporte marítimo 
não voluntário. 
\u2014 Animáes não são os Animantes do Paraizo Terreal, 
segundo o Génesis, Cap. II,\u2014que vivião e sentião, e] 
entenderão seus nomes próprios nas vocações de Adão. 
D'êstes, alguns erão Alvmarias, como denominavão nossos 
Escriptôres e Poetas ; e só estes passarão á sêr Signos do 
Zodíaco, exprimindo\u2014ha limas, boca\u2014: Segue-se, que 
fallavão, porque\u2014lima\u2014è a correcção ou polimento das obras 
literárias. 
\u2014 Anuo é o logàr chronologico do escoamento do 
tempo, como anus é o da repetida passagem dos nossos 
escoamentos grossos. \u25a0 
Anno exprime os 365 Gráos dos Círculos, saivos os 
sobejos successivãmente corrigidos. _ Esta somma de Grdos 
(gera ós) foi preferida, por sêr 
VOCABULÁRIO JURÍDICO 13 
divisível em muitas partes aliquotas: isto é, sem ficar fracção. 
Em verdade, sua metade vem à sêr 180 Grãos, seu terço 
120, seu quarto 90, seu quinto. 72, seu sexto 60, seu oitavo 45, 
seu nono 40, e seu decimo 36: 
Note-se bem, com muita attenção, que não tem sep-timo 
com partes aliquotas; e d'ahi a Creação do Cap. I do Génesis 
em 6 Dias, compostos de tardes e manhãs, e portanto 
começando à meia noute : 
SETE\u2014 7 \u2014, pois, é a unidade do SENHOR DEUS (sé tem), 
de que êlle começou à concertar; \u2014 fazendo a primitiva 
Páscoa, e obrigando assim o Deus Diabo à parar ou descançàr: 
Ora, ha uma fracção de 3.3, que veio â sêr a Unidade do 
Senhor Deus, sob a velha denominação de\u2014Terços d'Alma\u2014. 
\u2014 Annullação é a Sentença AnnuUativa, que declara 
seu Effêito como não tendo existido em tempo algum (Ord. 
Liv. 3." Tit. 75 princ.); prova irrefragavel de não havêí 
realidade fora de Direito, de só havêl-a na Existência 
Jurídica: 
Segue-se logicamente o absurdo do Art. 681 § 4." do Regul. 
n. 737 de 25 de Novembro de 1850, declarando irrevogáveis as 
Sentenças das Relações Revisoras; e ainda mais 
aggravantemente o absurdo louco do ultimo Decr. n. 6142 de 
1." de Março de 18761 Degradação incrível, incúria vil, 
suppondo Existência de Direito na Existência sem Direito!!! 
\u2014 Antecessores são, em geral, todos os titulares 
dos direitos, que nos-são transmittidos,