Atenção e suas alterações - Resumo de aula.
1 pág.

Atenção e suas alterações - Resumo de aula.


DisciplinaPsicopatologia6.647 materiais108.499 seguidores
Pré-visualização1 página
Atenção (prosexia) e suas alterações \u2013 Resumo de aula.
Atenção é definida como o foco da consciência.
Caracterização da atenção normal:
Atenção externa e interna.
Atenção voluntária e espontânea.
Atenção focal e dispersa
Atenção concentrada e flutuante.
Tenacidade e Vigilância da atenção.
Alterações da Atenção
Alterações quantitativas:
Hiperprosexia: Aumento quantitativo da atenção, superatividade da atenção espontânea. 
Ex: Casos de excitação psicomotora dos maníacos, esquizofrenia paranóide; anfetamina, LSD, etc.
Hipoprosexia: enfraquecimento da atenção.
Ex: estados infecciosos com obnubilação da consciência; embriagues; depressão; esquizofrenia catatônica; deficiências mentais, etc.
Aprosexia: Falta absoluta de atenção. 
Ex: Estados demenciais; estados de estupor, etc.
Alterações qualitativas: 
Distraibilidade: incapacidade de fixar a atenção, de caráter patológico.
Ex: estudante que desvia atenção para qualquer ruído.
Distração: concentração num assunto impede a apreensão do mesmo, sem caráter patológico. 
Ex: sábio ou estudioso concentrado.
Rigidez da atenção (Hipovigilância + Hipertenacidade)
Hipovigilancia: Mobilidade diminuída do foco da atenção, incapacidade de desviar a atenção.
 Hipertenacidade: Manutenção exagerada do foco de atenção num único objeto, exacerbação da atenção voluntária; ensimesmamento (quando o objeto é interno).
Ex: Na depressão, o indivíduo fica concentrado em seus pensamentos dolorosos, sem conseguir desviar a atenção para mais nada.
Labilidade da atenção ( Hipervigilância + Hipotenacidade)
Hipervigilancia: Mudança acelerada e excessiva do foco da atenção.
 Hipotenacidade: Incapacidade de manutenção do foco de atenção.
Ex: O quadro de TDA (Transtorno de Déficit de Atenção) se caracteriza pela hipervigilância e hipotenacidade da atenção.
Desatenção seletiva
 Bloqueio somente daquelas coisas que geram ansiedade.
Referências Bibliográficas Básica e Complementar:
DALGALARRANDO, P. Psicopatologia e Sociologia dos Transtornos Mentais. Porto Alegre: Artmed, 2000; cap11
CHENIAUX, E. Manual de Psicopatologia.Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008. Cap. 6
LYRA BASTOS, C. Manual do Exame Psíquico \u2013 uma introdução prática à psicopatologia. Rio de Janeiro: Revinter, 2000. Cap. 7.
PAIM, I \u2013 Curso de Psicopatologia. São Paulo: EPA, 1993, cap.7.
LOUZÃ NETO, M.R.- TDAH ao longo da vida. Porto Alegre: Artmed, 2010.
BARKLEY, R.A. e MURPHY, K.R.- Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade \u2013 Exercícios clínicos. Porto Alegre: Artmed, 2008.
Isaías
Isaías fez um comentário
Queria dizer muito bem.
0 aprovações
Isaías
Isaías fez um comentário
Muito nom
0 aprovações
Carregar mais