FUNDAMENTOS DE DIREITO EMPRESARIAL avaliando
8 pág.

FUNDAMENTOS DE DIREITO EMPRESARIAL avaliando


DisciplinaFundamentos de Direito Empresarial2.624 materiais17.130 seguidores
Pré-visualização3 páginas
FUNDAMENTOS DE DIREITO EMPRESARIAL
	1a Questão (Ref.: 201309089153)
	
	A Teoria da Empresa instituiu no nosso ordenamento jurídico dois tipos de sociedades: a sociedade simples e a sociedade empresária. Estas duas espécies para serem consideradas regulares precisam de registro. Assinale a assertiva correta indicativa dos órgãos onde deverão registrar seus atos constitutivos:
		
	
	Registro de Notas e Registro de Interdições e Tutelas.
	 
	Junta Comercial e Instituto Nacional de Marcas e Patentes.
	
	Registro Civil das Pessoas Jurídicas e Registro da Propriedade Industrial.
	 
	Registro Civil das Pessoas Jurídicas e Registro Público de Empresas mercantis.
	
	Registro Público de Empresas Mercantis e Registro de Propriedade Industrial.
	 2a Questão (Ref.: 201309042384)
	
	Interpelada por um de seus alunos, a professora destaca o observação de Giuseppe Ferri de que "a produção de bens ou serviços para o mercado não é consequência de atividade acidental ou improvisada, mas sim de atividade especializada profissional". Com base nessa assertiva na Teoria da Empresa, assinale a alternativa correta:
		
	
	Entende-se por empresa a espécie de atividade econômica realizada por um determinado número de empregados;
	
	Entende-se por empresa o complexo de bens organizado por empresário ou por sociedade empresária;
	 
	Entende-se por empresa qualquer tipo de organização que se propõe a produzir mediante a combinação de trabalho e a venda de mercadorias;
	
	Entende-se por empresa a sociedade exercida por várias pessoas com o objetivo de satisfazer as necessidades alheias de consumo
	
	Entende-se por empresa a atividade desenvolvida pelo consumidor.
	 3a Questão (Ref.: 201309040383)
	
	A sociedade empresária adquire personalidade jurídica:
		
	 
	com a inscrição de seus atos constitutivos na Junta Comercial
	 
	com a assinatura do contrato social
	
	ela nunca poderá adquirir personalidade jurídica
	
	com o início das suas atividades
	
	com o acordo de vontades dos sócios
	 1a Questão (Ref.: 201309042601)
	
	Tratando-se de sociedade entre cônjuges, como regra, há a previsão legal que estes possam contratar entre si. O legislador, porém, colocou um óbice vedando a sociedade entre marido e mulher na ocorrência:
		
	
	da formação da sociedade com terceiros.
	 
	Do casamento pelo regime de comunhão parcial de bens.
	
	da ocorrência da titularidade da sociedade ser exercida por ascendente de um dos cônjuges.
	 
	do casamento pelo regime da comunhão universal de bens ou pelo regime da separação obrigatória de bens.
	
	da existência de filhos menores e incapazes.
	 2a Questão (Ref.: 201309073952)
	
	É correto afirmar, em relação ao empresário e à sociedade empresária:
		
	
	Ainda que legalmente impedido, quem exercer a atividade empresarial não responde pessoalmente pelas obrigações contraídas e sim a pessoa jurídica que representa.
	
	Em nenhuma hipótese poderá o incapaz exercer a atividade empresarial, já que privativa de quem estiver em pleno gozo da capacidade civil.
	
	Considera-se como empresário, como regra, também quem exerça profissão intelectual, de natureza científica, literária ou artística.
	
	É facultativa a inscrição do empresário no Registro Público de Empresas Mercantis da respectiva sede, antes do início de sua atividade.
	 
	A lei assegurará, ao empresário rural e ao pequeno empresário, tratamento diferenciado, favorecido e simplificado, quanto à inscrição e respectivos efeitos.
	 3a Questão (Ref.: 201309042597)
	
	A proteção do nome empresarial é assegurada:
		
	
	desde que não seja idêntico ou semelhante a outro que venha a ser posteriormente depositado na mesma Junta Comercial.
	
	Com o registro do nome empresarial no Cartório de pessoas físicas e naturais.
	 
	mediante a simples utilização desse nome, de maneira continuada e uniforme, em todos os negócios da empresa, independentemente de qualquer arquivamento ou registro.
	 
	com o arquivamento dos atos constitutivos da sociedade na Junta Comercial, ficando essa proteção circunscrita à jurisdição administrativa dessa mesma Junta Comercial.
	
	com o depósito do nome empresarial no Instituto Nacional da Propriedade Industrial, que confere exclusividade em todo o território nacional.
	 1a Questão (Ref.: 201309273026)
	
	A respeito da sociedade em comum, é correto afirmar que:
		
	
	respondem pelas dívidas sociais no mesmo grau de responsabilidade dos sócios de uma sociedade limitada.
	 
	Os sócios respondem pelas dívidas sociais solidariamente e ilimitadamente.
	
	Os sócios respondem pelas dívidas sociais até o montante de sua participação no capital.
	
	Os sócios não respondem pelas dívidas sociais.
	
	Somente os sócios majoritários respondem pelas dívidas da sociedade
	 2a Questão (Ref.: 201309042645)
	
	Nas sociedades de capital não há que se falar em aceitação pelos demais sócios a respeito da transferência de quotas ou das ações a incapaz, uma vez que esta se resolve diretamente com o Judiciário por meio de pedido de autorização para a manutenção da qualidade de sócio. Nesse caso, quem resguardará os interesses do sócio incapaz?
		
	
	Pais, avós, irmãos ou marido/mulher.
	
	Acionista majoritário, tutor ou curador.
	
	Apenas os pais.
	 
	Pais, genitor sobrevivente, tutor ou curador, conforme o caso.
	 
	Juiz, Ministério Público, pais.
	 3a Questão (Ref.: 201309272854)
	
	Assinale a alternativa incorreta no que se refere a desconsideração da personalidade jurídica:
		
	 
	Poderá ser efetivada quando houver falência, provocada por má administração.
	
	Permite ao juiz a extensão dos efeitos de certas relações de obrigações aos bens particulares dos administradores ou sócios da pessoa jurídica.
	 
	Não pode ser aplicada no caso em que o vínculo juridico decorre da relação de consumo.
	
	Poderá ser efetivada quando houver encerramento ou inatividade da pessoa jurídica quando provocada por má administração.
	
	A desconsideração inversa , também aplicada no Brasil, consiste na legitimidade do credor pessoal de um dos sócios , desconsiderar o sócio para atingir os bens da sociedade.
	 1a Questão (Ref.: 201309040346)
	
	De acordo com a aplicação do Código de Defesa do Consumidor, assinale a alternativa CORRETA
		
	 
	o conceito de produto é definido como o conjunto de bens corpóreos, móveis ou imóveis, que sejam oferecidos pelos fornecedores para consumo pelos adquirentes
	
	o conceito de serviço engloba qualquer atividade oferecida no mercado de consumo, mediante remuneração, exceto as decorrentes das relações de caráter trabalhista
	
	o Código de Defesa do Consumidor traz o conceito de consumidor, porém é totalmente omisso no tocante ao conceito de fornecedor
	 
	o conceito de fornecedor envolve o fabricante, o construtor, o produtor, o importador e o comerciante, os quais responderão solidariamente sempre que ocorrer dano indenizável ao consumidor
	
	o conceito de consumidor restringe-se às pessoas físicas que adquirem produtos como destinatárias finais da comercialização de bens no mercado de consumo
	 2a Questão (Ref.: 201309269435)
	
	Sobre os direitos dos sócios, assinale a opção incorreta:
		
	
	É direito pessoal do sócio a retirada;
	
	É direito patrimonial do sócio a participação nos lucros;
	
	É direito pessoal do sócio a convocação de reuniões;
	 
	É direito patrimonial do sócio a fiscalização;
	 
	É direito patrimonial do sócio a participação no acervo patrimonial;
	 3a Questão (Ref.: 201309273074)
	
	Ana Fonseca,servidora pública , Marcelo Mattos e Livraria livros e livretos ltda, constituiram uma sociedade no ramo da edição. Em relação à administração