A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
19 pág.
ARQUITETURA HOSPITALAR

Pré-visualização | Página 4 de 9

que sua localização:
		
	
	esteja próxima a depósitos de produtos inflamáveis ou explosivos, vazadouros de lixo e locais produtores de fumaça, poeira ou odores fortes.
	
	esteja afastada de casas, praças e zona comercial.
	 
	esteja próxima a zona residencial, área verde, porém afastada de centro de comércio.
	
	esteja próxima de indústrias e cemitérios.
	 
	esteja afastada de depósitos de produtos inflamáveis ou explosivos, vazadouros de lixo e locais produtores de fumaça, poeira ou odores fortes.
	
Ref.: 201507504022
		
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	Setorização é:
		
	
	a subdivisão do edifício em áreas modulares capazes de se adaptar às demandas expansionistas dos setores relacionados à atividade-fim.
	
	a organização dos ambientes dentro de um espaço hospitalar segundo o critério de níveis de risco.
	
	a interrelação funcional entre os ambientes, definindo a necessidade da infraestrutura predial em cada zona de risco.
	 
	a interrelação funcional entre os ambientes, definindo a disposição das circulações e relações espaciais que servirão de parâmetros para o projeto do edifício.
	
	a subdivisão dos espaços em áreas homogêneas tendo em vista as características do edifício e da população que nele está inserida.
	 
	Ref.: 201507982953
		
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Podemos afirmar que a Setorização é:
		
	
	um conjunto de informações técnicas necessárias e suficientes para caracterizar os serviços e obras, elaborado com base no estudo preliminar, e que apresente o detalhamento necessário para a definição e quantificação dos materiais, equipamentos e serviços relativos ao empreendimento.
	 
	a interrelação funcional entre os ambientes, definindo a disposição das circulações e as relações espaciais de todo o estabelecimento. É a divisão de cada espaço que recebe uma caracterização específica formando os elementos que servirão de parâmetros para o projeto do edifício e a determinação de sua disposição no terreno.
	
	o projeto de concepção a partir do Programa de Necessidades com o objetivo de fornecer ideia que motive discussão mais ampla em todos os elementos fundamentais do projeto.
	
	o conceito que tem como objetivo que a rede municipal receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, evitando a transferência de pacientes que não estejam em grau complexo de enfermidade para as sedes regionais, ocasionando assim a sobrecarga da rede estadual.
	
	um conjunto de informações técnicas necessárias e suficientes para realização do empreendimento, contendo de forma clara, precisa e completa todas as indicações e detalhes construtivos para a perfeita instalação, montagem e execução dos serviços e obras.
	
	Ref.: 201507506035
		
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	Mauricio é o novo gestor de um hospital geral. Na sua primeira semana de trabalho, ele verifica a existência de um Plano Diretor prestes a ser colocado em prática. Ao se reunir com o Escritório de Arquitetura para maiores esclarecimentos, Mauricio percebe que os parâmetros do Plano Diretor foram praticamente definidos somente pelo Escritório de Arquitetura. Qual é a melhor atitude que Mauricio deve tomar?
		
	 
	Propor a continuidade do processo, já que o Escritório de Arquitetura possui os profissionais tecnicamente gabaritados para esse tipo de trabalho.
	 
	Propor ajustes ao Plano Diretor convocando funcionários que deverão expor as suas necessidades e alinhá-lo às estratégias da empresa, de forma criteriosa quanto aos aspectos de custo, tempo e qualidade.
	
	Propor a contratação de um segundo Escritório de Arquitetura para auditar o Plano Diretor existente e estipular as sanções necessárias em caso de desvios de finalidade.
	
	Propor o não aproveitamento do Plano Diretor existente, já que os funcionários participaram muito pouco do processo, e fazendo, apenas, a manutenção da estrutura de acordo com a necessidade de cada setor, de forma criteriosa quanto ao aspecto custo.
	
	Propor o rompimento do contrato com o Escritório de Arquitetura que foi arbitrário no processo.
	
	Ref.: 201508391502
		
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	Considerando as constantes mutações dentro do espaço físico, ao elaborar o Partido Arquitetônico da sua unidade de saúde, o arquiteto deverá considerar a possibilidade futura de:
		
	
	redução dos custos de manutenção predial por meio do isolamento de áreas com pouca demanda de pacientes.
	
	construção de setores de ensino e pesquisa, pois estes estão cada vez mais escassos no ambiente hospitalar.
	
	adaptação de zonas "mortas" para apoio logístico, cada vez mais necessário no ambiente hospitalar.
	 
	flexibilização e readaptação da forma do edifício a fim de garantir o atendimento das demandas exigidas por este, de forma a garantir sua expansão e retardar sua obsolescência.
	
	flexibilização dos fluxos internos do edifício, principalmente do setor de apoio técnico, que tem apresentado demandas crescentes.
	
	Ref.: 201508387334
		
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	Informações como densidade demográfica, condições socioeconômicas da população, tipo de ocupação (urbana ou rural), disponibilidade de infraestrutura (água, luz, esgoto, telefone) e informações epidemiológicas são utilizadas para:
		
	
	a escolha do público que utilizará a unidade de saúde.
	
	a escolha do dimensionamento do posto de saúde.
	
	a escolha da tecnologia a ser utilizada na unidade de saúde.
	 
	a escolha do local da implantação de uma nova unidade de saúde.
	
	a escolha do projeto de um posto de saúde.
	
	Ref.: 201507504020
		
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	A taxa máxima de ocupação do terreno para construção do edifício de saúde é:
		
	
	75%, incluídas as futuras ampliações.
	
	75%, não incluídas as futuras ampliações.
	
	90%, incluídas as futuras ampliações.
	 
	50%, incluídas as futuras ampliações.
	
	100%, menos os afastamentos frontais e laterais exigidos pelo órgão competente.
	Exercício: SDE0629_EX_A5__V1 
	02/01/2018 00:03:34 (Finalizada)
	Aluno(a): 
	2017.4 EAD
	Disciplina: SDE0629 - ARQUITETURA HOSPITALAR 
	201507231016
	Ref.: 201507504024
		
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	A planta de cobertura:
		
	
	apresenta a modulação do forros em placa, assim como o desenho das sancas de gesso e os detalhes relacionados a cobertura de cada pavimento.
	
	apresenta informações como os afastamentos frontais, laterais e de fundos em relação ao terreno, a taxa de ocupação, o norte magnético e as indicações de áreas edificáveis e não edificáveis.
	 
	apresenta o último pavimento do edifício, onde aparecem geralmente as caixas d¿água, casa de máquinas dos elevadores e equipamentos referentes a instalações do prédio.
	
	apresenta a disposição das luminárias, das saídas de ar condicionado e exaustão, dos pontos de som (quando existentes), do sistema de sprinkler (combate de incêndio) entre outros.
	
	apresenta o terreno em relação ao seu entorno, permitindo analisar o impacto da implantação do edifício em relação à vizinhança.
	
	Ref.: 201507506038
		
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	A Planta de Arquitetura que é concebida a partir de um corte horizontal a um metro e meio de altura do chão, onde se vê a construção de cima para baixo e que contém indicações de cortes, vistas e detalhes que serão apresentados em outras plantas, gerando, ainda, projetos complementares, é a (o):
		
	
	Fachada.
	 
	Planta Baixa.
	
	Planta de Contra-piso.
	
	Planta de Cobertura.
	
	Teto Baixo.
	
	Ref.: 201507504028
		
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	Numa reunião com o escritório de arquitetura para

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.