A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Neurotransmissores e seus receptores

Pré-visualização | Página 1 de 1

*
*
Neurotransmissores e seus receptores
Silvana Allodi
Programa de Neurobiologia
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho
UFRJ
*
*
*
*
*
*
Neurotransmissores – substâncias cuja ação se exerce diretamente na membrana pós-sináptica (armazenados em vesículas) 
Neuromoduladores - substâncias cuja ação se exerce não apenas na membrana pós-sináptica, mas também na pré-sináptica e até nas vesículas sinápticas (sintetizados no RER)
*
*
*
*
SÍNTESE E
ARMAZENAMENTO
*
*
Síntese de
acetilcolina
*
*
Síntese de glutamato e de GABA
*
*
Síntese de catecolaminas
*
*
*
*
Tipos de receptores:
Ionotrópicos - são acoplados à canais iônicos ativados por ligantes.
Quando uma molécula de neurotransmissor faz conexão com um receptor 
ionotrópico o canal iônico 
associado se abrirá e se 
fechará induzindo potenciais 
pós sinápticos excitatórios 
ou inibitórios de acordo com
o canal que o neurotrans-
missor abrir
*
*
Receptores ionotrópicos
*
*
Receptores NMDA
*
*
2) Metabotrópicos - são acoplados à proteínas G
A abertura do canal iônico se dá de forma indireta. É necessário que uma nova molécula seja liberada dentro do neurônio pós-sináptico para que o canal seja aberto. Uma destas moléculas, conhecidas como o nome genérico de segundo mensageiro, é a proteína G. 
*
*
Proteína G - classe de proteínas envolvida na transdução de sinais celulares. 
São chamadas de proteínas G porque funcionam como "chaves moleculares", alternando entre um estado de ligação com uma guanosina difosfato inativa (GDP) e outro com uma guanosina trifosfato ativa (GTP)
*
*
Receptores metabotrópicos
*
*
*
*
*