A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
Avaliação Final introdução ao orçamento publico.pdf (1)

Pré-visualização | Página 1 de 5

29/05/2016 Avaliação Final
http://saberes.senado.leg.br/mod/quiz/review.php?attempt=2228376 1/11
Página inicial ► Cursos sem tutoria - Ensino a Distância/ILB ► IOP-2016-T01A ► Módulo de Conclusão ► Avaliação Final
Você acessou como Jhonantan de Aguiar
de Araújo (Sair)
 
Questão 1
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Questão 2
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Iniciado em domingo, 29 Mai 2016, 05:39
Estado Finalizada
Concluída em domingo, 29 Mai 2016, 07:40
Tempo empregado 2 horas
Avaliar 95,20 de um máximo de 100,00
Comentários Parabéns!
Você concluiu a Avaliação Final obtendo nota suficiente para aprovação!
O seu ‘Certificado de Conclusão’ poderá ser emitido assim que se completarem 21 dias de curso, contados
desde a data de sua inscrição.
Conforme o conteúdo estudado ao longo do curso, julgue as assertivas abaixo em verdadeiro ou falso.
As despesas que podem sofrer o contingenciamento são exatamente aquelas que não possuem
caráter obrigatório, ou seja, as discricionárias.
O número de membros da CMO é de 40 senadores.
O Poder Executivo pode efetuar o contingenciamento quando, ao final de um bimestre, for verificado
que a receita arrecadada está menor que o valor da receita estimada.
A Constituição Federal proíbe a abertura de crédito suplementar ou especial sem prévia autorização
legislativa e sem a indicação dos recursos correspondentes. A fonte mais utilizada é o cancelamento
do valor de outra programação, podendo ser usado também recurso originado de excesso de
arrecadação e de operação de crédito.
O orçamento está apto a ser executado após a aprovação pelo Congresso Nacional.
Your answer is correct.
A resposta correta é: As despesas que podem sofrer o contingenciamento são exatamente aquelas que não possuem
caráter obrigatório, ou seja, as discricionárias. – Verdadeiro, O número de membros da CMO é de 40 senadores.
Falso, O Poder Executivo pode efetuar o contingenciamento quando, ao final de um bimestre, for verificado que a
receita arrecadada está menor que o valor da receita estimada. – Verdadeiro, A Constituição Federal proíbe a abertura
de crédito suplementar ou especial sem prévia autorização legislativa e sem a indicação dos recursos correspondentes.
A fonte mais utilizada é o cancelamento do valor de outra programação, podendo ser usado também recurso originado
de excesso de arrecadação e de operação de crédito. – Verdadeiro, O orçamento está apto a ser executado após a
aprovação pelo Congresso Nacional. – Falso.
Sobre Projeto, Atividade e Função podemos afirmar que:
Escolha uma:
1. A Função representa o maior nível de agregação das diversas áreas de despesa que competem ao setor público.
2. A Atividade envolve operações que se realizam num período limitado de tempo e das quais resulta um produto
em benefício da sociedade.
3. O Projeto envolve operações que se realizam de modo contínuo e permanente e das quais resulta um produto
necessário à manutenção da ação de governo.
A resposta correta é: A Função representa o maior nível de agregação das diversas áreas de despesa que competem
ao setor público..
Navegação do
questionário
Mostrar uma página por vez
Terminar revisão
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25
29/05/2016 Avaliação Final
http://saberes.senado.leg.br/mod/quiz/review.php?attempt=2228376 2/11
Questão 3
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Questão 4
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Questão 5
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Qual  é  a  razão  da  obrigatoriedade  de  emissão  do  “decreto  de  programação  orçamentária  e  financeira”  pelo
Executivo?
 
Escolha uma:
1. Sua finalidade é garantir o equilíbrio entre receitas e despesas no orçamento anual.
de Responsabilidade Fiscal são claras em apontar que a programação orçamentária e financeira, ao escalonar
pagamentos ao longo do tempo, destina-se a assegurar os recursos para a fiel execução do orçamento
(considerando, assim, as limitações da arrecadação que não ocorre toda no início do ano mas sim parceladamente
ao longo de todo o exercício). Estando previsto nessas leis básicas, trata-se de instrumento obrigatório. Não há,
ao contrário, qualquer dispositivo constitucional ou legal que afirme direta ou indiretamente que o Executivo pode
“escolher” o que vai executar do orçamento, nem que a programação orçamentária e financeira substitua as
decisões de gasto que constem do orçamento anual. Este decreto de programação financeira, aliás, não se
confunde em momento algum com as medidas de limitação de empenho e pagamento, por insuficiência de
receita, de que trata o art. 9º da Lei de Responsabilidade Fiscal.
2. Trata-se do instrumento fundamental para o exercício, pelo Executivo, da prerrogativa de dizer o que vai e o
que não vai ser efetivamente executado no orçamento aprovado.
3. Esse decreto não é obrigatório, depende do interesse do Executivo de utilizá-lo como ferramenta gerencial.
4. Destina-se a ajustar a realização da despesa ao fluxo da entrada dos recursos, dando às unidades
administrativas uma informação confiável sobre o volume de recursos que poderão comprometer mensalmente,
tendo em vista que os recursos entram de uma só vez e ao mesmo tempo nos cofres do governo.
A resposta correta é: Sua finalidade é garantir o equilíbrio entre receitas e despesas no orçamento anual..
Considerando as assertivas abaixo, assinale a única correta.
Escolha uma:
a. Somente a União e os estados possuem "conta única", sendo vedado ao município a utilização dessa facilidade.
b. O governo é obrigado a executar todas as despesas discricionárias.
c. A lei orçamentária anual não poderá conter nenhum assunto estranho à previsão da receita
despesa. 
d. As despesas obrigatórias são definidas em leis ou no Código de Defesa do Consumidor.
e. O governo é obrigado a executar todas as obras que constam no orçamento.
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A lei orçamentária anual não poderá conter nenhum assunto estranho à 
fixação da despesa..
Em relação aos princípios orçamentários, marque a única opção correta:
Escolha uma:
1. Pelo princípio da universalidade algumas despesas e receitas podem ser classificadas "por fora" do orçamento.
2. De acordo com o princípio do equilíbrio pode existir mais de um orçamento no exercício orçamentário.
3. Segundo o princípio da exclusividade, a lei orçamentária deve conter apenas matéria financeira e orçamentária.
Pelo princípio do equilíbrio o orçamento deverá estar sempre equilibrado, ou seja, o valor total da despesa
fixada deve ser exatamente igual ao valor da receita estimada, para o ano a que se refere. Ainda, pelo princípio da
universalidade todas as receitas e despesas devem constar do orçamento.
A resposta correta é: Segundo o princípio da exclusividade, a lei orçamentária deve conter apenas matéria financeira e
orçamentária..
29/05/2016 Avaliação Final
http://saberes.senado.leg.br/mod/quiz/review.php?attempt=2228376 3/11
Questão 6
Correto
Atingiu 4,00 de
4,00
Considere as seguintes afirmações e julgue as alternativas a seguir, escolhendo a opção correta:
I.  A  iniciativa  do  projeto  de  lei  do  Plano  Plurianual  (PPA)  é  do  chefe  do  Poder  Executivo  e  sua  elaboração  envolve
extenso  cronograma  de  atividades,  que  exigem  a  participação  dos  órgãos  constitutivos  do  Sistema  Integrado  de
Planejamento e Orçamento do governo federal.
II.  A  função  primordial  da  Lei  de  Diretrizes  Orçamentárias  LDO  é  servir  de  elemento  de  conexão  entre  o  PPA  e  os
orçamentos anuais.
III.  O  Poder  Legislativo  pode  modificar  qualquer  parte  do  projeto  da  LDO  recebido  do  Executivo.  Entretanto,  o  bom
senso recomenda que as emendas sejam direcionadas, preferencialmente, para o Anexo de Metas e Prioridades,  já
que  nesse  documento  constarão  as  ações  destinadas  a  receber