A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
247 pág.
Planejamento Estrategico - Slides

Pré-visualização | Página 12 de 16

desse princípio, as políticas 
procuram refletir e interpretar os 
objetivos e desafios, bem como 
estabelecem limites ao planejamento 
estratégico desenvolvido. 
Planejamento Estratégico 225 
Políticas empresariais 
Tipos de políticas 
a) Políticas estabelecidas: 
• São provenientes dos objetivos e 
desafios da empresa; 
• São estabelecidas pela alta 
administração com a finalidade de 
orientar os subordinados em seu 
processo de tomada de decisões; 
• Normalmente correspondem a 
questões estratégicas e táticas 
Planejamento Estratégico 226 
Políticas empresariais 
b) Políticas solicitadas: 
• São os resultados das solicitações dos 
subordinados à alta administração da 
empresa; 
• Corresponde a questões operacionais. 
b) Políticas impostas: 
• São provenientes de fatores que estão no 
ambiente da empresa, tais como: 
governo, sistema financeiro, sindicatos, 
etc. 
• Normalmente, corresponde a questões 
estratégicas. 
Planejamento Estratégico 227 
Políticas empresariais 
 Quanto ao tipo de divulgação, as 
políticas podem ser: 
a) Explícitas: correspondem a afirmações 
ou posições escritas ou orais quanto 
as informações necessárias ao 
tomador de decisões para facilitar sua 
escolha entre as alternativas 
existentes. 
b) Implícitas: correspondem a uma 
situação em que a política não 
apresenta uma formalização, pois não 
é falada ou escrita. 
Planejamento Estratégico 228 
Políticas empresariais 
 Quanto ao tipo de divisão, as 
políticas podem ser: 
a) Gerais: representam princípios ou 
leis gerais fundamentadas na 
filosofia básica de atuação da 
empresa. 
– Políticas gerais dos negócios: que 
representam os princípios e práticas 
determinantes da fase de 
concentração dos esforços nos 
propósitos da empresa. 
Planejamento Estratégico 229 
Políticas empresariais 
 Exemplos: 
• Nossa prioridade é encurtar o tempo 
entre o fato e sua transformação em 
notícia (de um grande jornal); 
• Pesquisa é o fator básico para alocação 
de nossos recursos (de uma indústria 
farmacêutica); e 
• A prioridade é a manutenção de altos 
valores éticos nas nossas relações com 
o mercado (de uma empresa química). 
Planejamento Estratégico 230 
Políticas empresariais 
– Políticas gerais de direção: que 
representam: 
• os princípios e critérios essenciais do processo 
decisório da empresa; 
• Do estabelecimento de objetivos e estratégias; 
• Dos compromissos da alta, média e baixa 
administração; 
• Do sistema de avaliação das várias unidades 
organizacionais da empresa. 
 Uma empresa com políticas de direção poderá: 
– decidir com mais confiança; 
– poderá ter pessoas mais sensatas; 
– poderá atrair a confiança de seus clientes e 
público em geral; 
– por sua fama de comportamento estável. 
Planejamento Estratégico 231 
Políticas empresariais 
 Exemplos: 
• Critério básico para qualquer decisão é 
a relação do custo com a 
rentabilidade; 
 
• A avaliação das pessoas é sobre os 
resultados apresentados e não por 
suas características pessoais; e 
 
• É prioritária a busca da concordância 
na tomada de decisões. 
Planejamento Estratégico 232 
Políticas empresariais 
– Políticas gerais de gestão: que 
correspondem ao delineamento de um 
estilo administrativo da empresa, 
abrangendo todos os aspectos dela. 
• Uma empresa pode ter funcionários que são 
os falsos dinâmicos, os agitados, os 
persistentes, os pernósticos, os preguiçosos, 
os desmotivados, os improdutivos, etc. 
• Tudo isso é devido, principalmente, a falta de 
políticas de gestão. 
Planejamento Estratégico 233 
Políticas empresariais 
 Exemplos: 
• Os resultados orçamentários 
serão os prioritários; e 
• Será dada grande ênfase à 
autonomia dos chefes. 
– Políticas específicas: que 
representam os princípios e leis 
que devem ser respeitados por 
uma área específica da 
empresa. 
Planejamento Estratégico 234 
Políticas empresariais 
 Exemplos: 
• Exigência mínima de nível universitário 
para os cargos de chefia (área de 
recursos humanos); 
• Pessoal da linha de produção receberá 
prêmios por nível de qualidade de 
produção (área de produção); 
• Os títulos não pagos até o 15º dia 
ocorrido o vencimento serão enviado a 
cartório de protesto (área financeira); e 
• Os vencedores farão rodízio de região 
de vendas a cada ano (área comercial). 
Planejamento Estratégico 235 
Projetos e planos de ação 
• Depois do estabelecimento dos objetivos, 
desafios, estratégias e políticas, o último 
passo do plano prescritivo do planejamento 
estratégico corresponde a identificação, 
estruturação e posterior administração dos 
projetos necessários ao desenvolvimento do 
planejamento estratégico proposto. 
• O projeto é o instrumento de interligação do 
plano prescritivo com o plano quantitativo do 
planejamento estratégico. 
• É por meio dos projetos que se alocam 
recursos ao longo do tempo, 
compatibilizando-os com o planejamento 
orçamentário. 
 
Planejamento Estratégico 236 
Projetos e planos de ação 
 Projeto: pode ser considerado como um 
trabalho com: 
• Datas e início e término previamente 
estabelecidas; 
• Coordenador responsável; 
• Resultado final pré-determinado; e 
• No qual são alocados os recursos 
necessários a seu desenvolvimento. 
 
Planejamento Estratégico 237 
Projetos e planos de ação 
 Atividade: é a maior unidade ou parte dentro 
de um projeto. 
 Programa: é o conjunto de projetos 
homogêneos quanto a seu objetivo maior. 
 Administração de projeto: é o esforço no 
sentido de melhor alocar recursos, tendo em 
vista atingir os objetivos estabelecidos. 
 Plano de ação: é o conjunto das partes 
comuns dos diversos projetos, quanto ao 
assunto que está sendo tratado (recursos 
humanos, tecnologia, etc.) 
 
 
 
Planejamento Estratégico 238 
Projetos e planos de ação 
 O estabelecimento dos projetos 
proporciona ao executivo condições de 
identificar e operacionalizar os planos 
de ação que a empresa irá desenvolver 
com a finalidade de alcançar os 
resultados esperados e enfocados pelo 
planejamento estratégico. 
FASES DE UM PROJETO 
• FASE 1: Caracterização 
• FASE 2: Execução 
 
 
Planejamento Estratégico 239 
Fases do projeto 
Trabalho 
Tempo Caracterização 
Execução 
Planejamento Estratégico 240 
Projetos e planos de ação 
 Na fase de caracterização, os aspectos 
básicos a serem analisados são: 
– Identificação do problema-alvo; 
– Análise do ambiente do projeto; 
– Definição dos objetivo, desafios e metas a serem 
alcançados; 
– Definição dos critérios e parâmetros de avaliação 
do projeto; 
– Elaboração dos estudos de viabilidade 
necessários; 
– Negociação e definição dos recursos necessários; 
– Identificação da equipe de trabalho; 
– Programação e alocação dos recursos; e 
– Elaboração do manual do projeto. 
 
Planejamento Estratégico 241 
Projetos e planos de ação 
 Ao final da fase de caracterização, vem 
a fase de execução, cujos os aspectos 
básicos a serem considerados são: 
– Utilização dos recursos disponíveis de 
acordo com o programado; 
– Supervisão da equipe de trabalho; 
– Acompanhamento e controle das 
atividades; e 
– Avaliação final dos trabalhos executados. 
Planejamento Estratégico 242 
Projetos e planos de ação 
 Algumas recomendações para o gerente do projeto 
– O gerente de projeto deve estar ciente de que, se o 
projeto sob sua responsabilidade não for 
desenvolvido e implantado de maneira adequada, 
podem ocorrer problemas na operacionalização do 
planejamento estratégico. 
– Recomendações para o gerente do projeto: 
• Concentrar os