A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
414 pág.
743 manualsinalizacaorodoviaria

Pré-visualização | Página 23 de 50

de ciclistas. Deve ser utilizado em vias atravessadas por ciclovias ou ciclofaixas não 
semaforizadas. 
 
Figura133 – Sinal A-30c – Trânsito compartilhado por ciclistas e pedestres 
 
 
Este sinal adverte o ciclista e o pedestre da existência adiante de trecho de via com trânsito 
compartilhado de ciclistas e pedestres. Pode ser utilizado quando ocorrer circulação compartilhada de 
ciclistas e pedestres na mesma pista, acostamento, canteiro central ou calçada. Pode vir acompanhado 
de mensagem complementar Próximos ... m. 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
139 
MT/DNIT/IPR 
Figura134 – Sinal A-32a – Trânsito de pedestres 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência de trânsito de pedestres no trecho adiante 
da rodovia. Ele deve ser posicionado antes do segmento onde se constata essa presença e deve ser 
repetido nos locais de travessia não sinalizada para os quais o pedestre é conduzido, através de 
canalização física, (por exemplo, por meio de barreiras de pedestres e cercas). Ver placa A-32b para 
passagens sinalizadas de pedestres. 
Em segmentos extensos, o sinal deve ser associado com uma Mensagem Complementar de 
Advertência, no mesmo suporte (ver subseção 2.3.11), onde a legenda Próximos .... km, assinale a 
extensão da área de risco, e repetido sem o sinal adicional a intervalos regulares, com espaçamento 
definido em cada caso em função da densidade de pedestres e dos possíveis locais de travessia não 
sinalizada. 
Figura135 – Sinal A-32b – Passagem sinalizada de pedestres 
 
 
Este sinal adverte o condutor do veiculo da existência adiante de local sinalizado com faixa de 
travessia de pedestre. Em pista com sentido único de circulação, este sinal pode ser repetido ou 
colocado à esquerda, quando houver restrição de visibilidade. Este sinal pode vir acompanhado de 
mensagem complementar do tipo A ...m, antes do local da travessia, e com seta a 45 graus para baixo 
à esquerda e na parte inferior da placa colocada junto ao local da travessia sinalizada. 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
140 
MT/DNIT/IPR 
Figura136 – Sinal A-33a – Área escolar 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência adiante de trânsito de escolares junto à 
rodovia. Ele deve ser posicionado antes do local onde se encontra o estabelecimento e deve ser 
repetido nos locais de travessia não sinalizada para os quais os escolares são conduzidos. 
Figura137 – Sinal A-33b – Passagem sinalizada de escolares 
 
 
O sinal adverte o condutor do veículo da existência adiante de local sinalizado com faixa de travessia 
de pedestres com predominância de escolares. Este sinal pode vir acompanhado de mensagem 
complementar do tipo A ...m, antes do local da travessia, e com seta a 45 graus para baixo à esquerda 
e na parte inferior da placa colocada junto ao local da travessia sinalizada. 
Figura138 – Sinal A-34 – Crianças 
 
 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
141 
MT/DNIT/IPR 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência adiante de área de recreação infantil 
adjacente à rodovia desprovida de barreira física podendo acarretar travessia repentina de crianças. 
Ele deve ser posicionado antes do local onde se encontra a referida área. 
2.3.7. Interferência com outros modos de transporte 
 
Figura139 – Sinal A-16 – Bonde 
 
 
Este sinal adverte o condutor do veículo da existência adiante de cruzamento ou circulação de bondes. 
Nas situações em que a via cruze a linha de bonde, deve ser usado o sinal R-1 ou um semáforo. 
Figura140 – Sinal A-23 – Ponte móvel 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência adiante de uma ponte móvel e, por 
consequência, alertá-los para a eventual necessidade de parada, quando a ponte for levantada. 
Quando o movimento sobre a ponte for controlado por semáforo, deve-se utilizar o sinal A-14 
(semáforo à frente), em conjunto com o sinal A-23. Neste caso, deve ser implantada também uma 
LRE - linha de retenção para definir com precisão o local onde os veículos devem parar. Além destes 
dispositivos, devem ser utilizadas barreiras móveis (cancelas) junto ao ponto onde se deseja que os 
veículos parem. 
 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
142 
MT/DNIT/IPR 
Figura141 – Sinal A-39 – Passagem de nível sem barreira 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência adiante de passagem de nível sem barreira 
(cancela), havendo ou não sinal luminoso. Ele antecede ao sinal A-41 - Cruz de Santo André, 
reforçando-o, e deve ser complementado por sinalização horizontal adequada (ver subseção 3.4.5). 
Figura 142 – Sinal A-40 – Passagem de nível com barreira 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da existência adiante de passagem de nível com 
barreira (cancela), havendo ou não sinal luminoso. Ele antecede ao sinal A-41 - Cruz de Santo André, 
reforçando-o, e deve ser complementado por sinalização horizontal adequada (ver subseção 3.4.5). 
Figura143 – Sinal A-41 – Cruz de Santo André 
N Ú MER O D E L IN H AS FÉR R EAS
 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
143 
MT/DNIT/IPR 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da necessidade de parada no local da passagem de 
nível, com ou sem cancela, indicando o número de linhas a serem atravessadas. Ele deve ser 
implantado nas aproximações, à direita do sentido de tráfego, a 5 metros da linha férrea mais próxima 
ou no alinhamento da faixa de domínio da referida linha. Deve ser acompanhado do sinal 
R-1 – parada obrigatória ou de sinalização semafórica e por sinalização horizontal adequada 
(ver subseção 3.4.5). 
2.3.8. Restrições de dimensões e peso de veículos 
 
Figura144 – Sinal A-37 – Altura limitada 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da rodovia para a proibição da circulação de veículos 
com altura que exceda a de locais com restrição de altura, tais como passagens sob pontes, viadutos, 
passarelas e túneis. A medida da altura indicada deve apresentar apenas uma casa decimal. 
Ele deve ser posicionado antes de uma bifurcação, acesso ou retorno situado no início do trecho de 
restrição, de forma a alertar para o desvio ou a volta dos veículos afetados. 
A colocação deste sinal também é recomendada nas vias secundárias, antes dos ramos de acesso 
destas para rodovias onde existe a restrição. 
Pode ser utilizado como pré-sinalização acompanhado de mensagens complementares tais como: 
Saída a ... m, Saída →, Última saída a ... m, Última saída → e Desvio →. 
Manual de Sinalização Rodoviária 
 
 
144 
MT/DNIT/IPR 
Figura145 – Sinal A-38 – Largura limitada 
 
 
Este sinal é utilizado para advertir os usuários da rodovia para a proibição da circulação de veículos 
com largura que exceda à de locais com restrição de largura, tais como passagens sob pontes, 
viadutos, passarelas e túneis. A medida da largura indicada deve apresentar apenas uma casa decimal. 
Ele deve ser posicionado antes de uma bifurcação, acesso ou retorno, situado no início do trecho de 
restrição, de forma a alertar para o desvio ou a volta dos veículos afetados. 
A colocação deste sinal também é recomendada nas vias secundárias, antes dos ramos de acesso 
destas para rodovias onde existe a restrição. 
Pode ser utilizado como pré-sinalização acompanhado de mensagens complementares tais como: 
Saída a ... m, Saída →, Última saída a ...m, Última saída → e Desvio →. 
Figura146 – Sinal A-46 – Peso bruto total limitado 
 
 
Este sinal adverte o condutor da existência adiante de restrição de peso bruto total máximo de veículo. 
Deve ser utilizado sempre que as características da via não permitam o trânsito de veículos com peso 
bruto total superior ao indicado devido a restrições ou limitações estruturais