A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
18 pág.
Aula 04  - Sistema Elétricos em Corrente Altenada

Você está vendo uma pré-visualização

Pre-visualização do material Aula 04  - Sistema Elétricos em Corrente Altenada - página 1
Pre-visualização do material Aula 04  - Sistema Elétricos em Corrente Altenada - página 2
Pre-visualização do material Aula 04  - Sistema Elétricos em Corrente Altenada - página 3

Aula 04 - Sistema Elétricos em Corrente Altenada

Sistema Elétricos em Corrente 
AlternadaAlternada
Aula 4
Sumário
• Tensão alternada
• Carga indutiva em corrente alternada
• Carga capacitiva em corrente alternada• Carga capacitiva em corrente alternada
Tensão em corrente alternada
Freqüência – número de ciclos 
(repetições) por segundo.
Período - tempo necessário 
para que um ciclo se 
complete.
Unidade de medida: Hertz (Hz)
Tensão em corrente alternada
Parâmetros da corrente alternada
•Valor médio
•Valor RMS (raiz média quadrática)
•Valor de Pico
•Valor de pico a pico
Parâmetros da corrente alternada
• Valor Instantâneo:
• Valor médio:
Valor de corrente estacionária 
necessária para transferir a 
mesma carga durante o mesmo 
)*2sin(* tfVV pico pi=
∫∫ =→=
+ t
médio
Tt
médio dtiT
IdttiTI **1*)(*
mesma carga durante o mesmo 
intervalo de tempo.
Para um ciclo completo = zero
Para meio ciclo => 0,636*Ipico
∫∫
o
T 0
Parâmetros da corrente alternada
Valor eficaz: Valor RMS (raiz média 
quadrática)
Valor médio que no mesmo período de 
tempo transfere a mesma energia.
Corrente eficaz Ief é o valor de corrente 
∫=
T
ef dttiT
I
0
2
*)(1
pico
pico
rmsef I
I
II *707,0
2
===
Corrente eficaz Ief é o valor de corrente 
constante que no mesmo intervalo de 
tempo produz a mesma quantidade 
de calor numa mesma resistência R.
picormsef 2
Representação fasorial
Tensão
Corrente
Potência
Representação polar de 
magnitudes considerando o seu 
valor eficaz e o ângulo de 
defasagem.
Defasagem
Carga resistiva em corrente alternada
Carga indutiva em corrente alternada
INDUTÂNCIA (L)
Capacidade de um condutor induzir 
tensão em si mesmo quando a 
corrente que o atravessa varia.
Unidade: Henry.Unidade: Henry.
Símbolo: H
Um Henry é a quantidade de 
indutância que induz uma tensão de 
1 V no condutor quando sua 
corrente varia na razão de 1A por 
segundo. ti
vL L
∆∆
=
/
Carga indutiva em corrente alternada
• REATÂNCIA INDUTIVA (XL) / Impedância indutiva
– É a oposição à passagem de corrente C.A. devida a 
indutância do circuito
LfX ***2 pi=
– XL= reatância Indutiva, Ω
– f= frequência, Hz
– L = Indutância, H
LfX L ***2 pi=
LfX L **28,6=
Carga indutiva em corrente alternada
Impedância indutiva XL
– É a reação total ao 
fluxo da corrente, 
expressa em Ohms.
– Z=V/I, Ω
– Corrente atrasada em 
relação à tensão
Carga capacitiva em corrente 
alternada
• Capacitor
Dispositivo elétrico formado 
por placas paralelas 
separadas por um isolante 
chamado dielétrico. chamado dielétrico. 
O capacitor armazena cargas 
elétricas no dielétrico
Quando o capacitor está 
carregado, define um campo 
elétrico entre suas placas.
Carga capacitiva em corrente 
alternada
• Capacitor
Capacidade de armazenar cargas 
elétricas em corpos condutores 
separados por um isolante.
Unidade: Farad.Unidade: Farad.
Símbolo: F
Um Farad é a capacitância que 
armazena um Coulomb de carga 
elétrica no dielétrico, quando a 
diferença de potencial aplicada 
nos terminais do capacitor tem o 
valor de um Volt..
V
QC =
Carga capacitiva em corrente 
alternada
• REATÂNCIA CAPACITIVA (XC)/Impedância Capacitiva
– É a oposição à passagem de corrente C.A. devida 
a capacitância do circuito
– XC = reatância capacitiva, Ω
– f = frequência, Hz
– C = Capacitância, F
CfCfX C **28,6
1
***2
1
==
pi
Carga capacitiva em corrente 
alternada
• Impedância Capacitiva XC
– É a reação total ao fluxo 
da corrente, expressa 
em Ohms.em Ohms.
– Z=V/I, Ω
– Corrente adiantada em 
relação à tensão
Resumo
• Tensão alternada
• Carga indutiva em corrente alternada
• Carga capacitiva em corrente alternada• Carga capacitiva em corrente alternada
Muito Obrigado