A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
Administração Pedagógica Instrumentos Legais APOL 100

Pré-visualização | Página 1 de 3

Questão 1/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o fragmento de texto a seguir: 
“A escola, de forma geral, dispõe de dois tipos básicos de estruturas: administrativas e pedagógicas. As primeiras asseguram, praticamente, a locação e a gestão de recursos humanos, físicos e financeiros. Fazem parte, ainda, das estruturas administrativas todos os elementos que têm uma forma material como, por exemplo, a arquitetura do edifício escolar e a maneira como ele se apresenta do ponto de vista de sua imagem”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Projeto político-pedagógico da escola: uma construção possível. Campinas, SP: Papirus, 1995. p. 24.
A partir do conteúdo apresentado no texto-base Projeto político-pedagógico da escola: uma construção coletiva, podemos afirmar que as estruturas pedagógicas se referem:
Nota: 10.0
	
	A
	à gestão de equipamentos e materiais didáticos.
	
	B
	à gestão do mobiliário, distribuição das dependências escolares e espaços livres, limpeza e saneamento básico.
	
	C
	às interações políticas, às questões de ensino-aprendizagem e às de currículo.
Você acertou!
As estruturas pedagógicas referem-se, fundamentalmente, às interações políticas, às questões de ensino-aprendizagem e às de currículo. Nas estruturas pedagógicas incluem-se todos os setores necessários ao desenvolvimento do trabalho pedagógico (texto-base Projeto político-pedagógico da escola: uma construção coletiva, p. 6)
	
	D
	à locação e à gestão de recursos humanos, físicos e financeiros.
	
	E
	à gestão dos equipamentos e materiais didáticos, mobiliário, distribuição das dependências escolares e espaços livres.
 
Questão 2/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o fragmento de texto a seguir:
“A implementação de processos e práticas de participação coletiva, bem como a avaliação destas, é fundamental para romper com a lógica autoritária em que se estruturam as concepções e práticas dominantes de organização e gestão escolares”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/Consescol/ce_cad5.pdf>. Acesso em: 01 set. 2016.
Conforme o texto-base A escola como lócus de formação docente, a gestão escolar é mediadora da formação contínua dos professores. Qual alternativa apresenta os grandes desafios vividos pelos gestores escolares, na busca por uma gestão democrática? Analise as alternativas a seguir e assinale a correta:
Nota: 10.0
	
	A
	A dificuldade para promover relações humanas de cooperação e solidariedade no interior da escola.
Você acertou!
As dificuldades para promover relações humanas mais cooperativas e solidárias no interior da escola constituem um dos grandes desafios vividos pelos gestores, os quais se veem às voltas com problemas de diferentes ordens, como insegurança, falta de professores, insuficiência de funcionários, deterioração do prédio e dos equipamentos, falta de recursos financeiros para dar conta das inúmeras carências. Além disso, essas dificuldades são agravadas quando as escolas atendem a um grande número de alunos. Tudo isso invade o tempo que poderia ser ocupado com atividades voltadas para o incremento da mais legítima e verdadeira função da escola: promover o aprendizado dos alunos, meta que pode apresentar dificuldades adicionais em razão das características da clientela (texto-base A escola como lócus de formação docente, p. 243)
	
	B
	A quantidade elevada de alunos em sala de aula.
	
	C
	A dificuldade de administrar o tempo para se envolver com o profissionalismo docente.
	
	D
	A insuficiência de professores em busca de formação continuada.
	
	E
	O contato excessivo com a prática e a reflexão insuficiente sobre a teoria.
Questão 3/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o excerto a seguir:
“A formação do professor para atuar na educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental é preocupação constante nas discussões acadêmicas. Atualmente, os cursos de licenciatura preparam o professor para a educação básica, porém, é o curso de Pedagogia que assume a responsabilidade em formar esse profissional para a docência na educação infantil e nos primeiros anos do ensino fundamental”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://formacaodocente.autenticaeditora.com.br/artigo/exibir/8/24/1>. Acesso em: 01 set. 2016.
A formação de professores não pode ser pensada a partir das ciências e seus diversos campos disciplinares, como adendo dessas áreas, mas a partir da função social própria da escolarização. Com relação à formação desses profissionais, com base no texto Formação de professores no Brasil: características e problemas, assinale a alternativa correta.
Nota: 10.0
	
	A
	A formação docente no Brasil não é regulamentada por lei, qualquer profissional com formação superior pode atuar como docente.
	
	B
	Para exercer a função de gestor pedagógico, é necessário fazer um curso específico de gestão escolar.
	
	C
	A formação de professores para atuar na educação básica deverá acontecer em nível superior, em curso de licenciatura, baseado no artigo 62 da Lei 9.394/96.
Você acertou!
“Fazendo uma pequena digressão histórica sobre a formação de professores no Brasil, lembramos que a formação de docentes para o ensino das “primeiras letras” em cursos específicos foi proposta no final do século XIX com a criação das Escolas Normais. Estas correspondiam à época ao nível secundário e, posteriormente, ao ensino médio, a partir de meados do século XX. Continuaram a promover a formação dos professores para os primeiros anos do ensino fundamental e a educação infantil até recentemente, quando, a partir da Lei n. 9.394 de 1996, postula-se a formação desses docentes em nível superior, com um prazo de dez anos para esse ajuste”. (texto-base Formação de professores no Brasil: características e problemas, p. 2)
	
	D
	A formação de professores para atuar na educação básica no Brasil é regida pela mesma lei desde o século XIX.
	
	E
	As preocupações com relação à qualidade do ensino-aprendizagem são de responsabilidade do professor em detrimento da equipe pedagógica da escola.
Questão 4/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o excerto a seguir: 
“A gestão democrática não é só um princípio pedagógico. É também um preceito constitucional. O parágrafo único do artigo primeiro da Constituição Federal de 1988 estabelece como cláusula pétrea que ‘todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente’”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://institutogate.com.br/download/artigos/Luciana%20Machado.pdf> Acesso em 16 set. 2016.
De acordo com o texto-base Projeto político-pedagógico e gestão democrática, a gestão democrática exige uma ruptura na prática administrativa da escola com o enfrentamento das questões da exclusão e reprovação e da não permanência do aluno na sala de aula, o que vem provocando a marginalização das classes populares. Esse compromisso implica:
Nota: 10.0
	
	A
	a transferência da responsabilidade de construção do projeto político-pedagógico aos pais.
	
	B
	a necessidade de abordagens behavioristas, como forma de estimular o bom comportamento.
	
	C
	a construção coletiva de um projeto político-pedagógico ligado aos interesses e necessidades da população.
Você acertou!
A gestão democrática é um princípio consagrado no artigo 206, inciso I, da Constituição Federal, e abrange as dimensões pedagógica, administrativa e financeira. A LDB (Lei nº 9.394, de 1996) define também normas de gestão democrática do ensino público na educação básica, de acordo com as suas peculiaridades e conforme os seguintes princípios estabelecidos pelo artigo 14: I - participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico da escola;