Movimento de Reconceituação   Serviço Social Comentado em Questões   SScq
17 pág.

Movimento de Reconceituação Serviço Social Comentado em Questões SScq


DisciplinaAtividades Complementares3.431 materiais21.581 seguidores
Pré-visualização8 páginas
Movimento de Reconceituação \u2013 Serviço Social Comentado em Questões 
Em comemoração aos 25 mil membros 
Sarah Mesqnezes \u2013 www.sarahmesqnezes.com.br 
 
1 
+ 
 
 
 
 
 
01 - Ano: 2017 Banca: FADESP Órgão: COSANPA Prova: Assistente Social 
O serviço social tradicional assume as inquietações e insatisfações do momento histórico de 
expansão do capitalismo mundial, por meio de amplo movimento e de revisão global em diferentes 
aspectos: teórico, metodológico, operativo e político. Este movimento ficou conhecido como 
 a) neoliberalismo. 
 b) modernização. 
 c) conservadorismo. 
 d) reconceituação. 
 
Gabarito: d 
Justificativa: Ainda no contexto de 1960, a profissão passou a indagar sobre seus referenciais teóricos e 
operativos e a expressar suas inquietações e descontentamentos em face daquele contexto histórico. Em 
toda a América Latina, buscava-se um movimento de renovação profissional, que exigia dos assistentes 
sociais a criação de um novo projeto profissional, compromissado com as demandas e interesses de 
segmentos da sociedade, usuários de seus serviços. As apreensões e insatisfações, naquele momento 
histórico, conduziram a indagações sobre o papel do Serviço Social \u201ctradicional\u201d, por meio do Movimento 
de Reconceituação, que demandou a revisão global, em vários níveis: teórico, metodológico, operativo e 
político. 
O Movimento de Reconceituação, conhecido também como Reconceitualização do Serviço Social, surge, 
paulatinamente em toda a América Latina até a segunda metade de 1960, nos países com desigualdades 
sociais. Foi criado para dar resposta aos questionamentos da sociedade ao Serviço Social tradicional, e 
para atendimento das reais necessidades da América Latina, em confronto com governos imperialistas e 
capitalistas. \u201cO movimento de reconceituação contribuiu fundamentalmente para deslocar o eixo de 
preocupação do Serviço Social da situação particular para uma relação geral [...] e de uma visão 
psicologizante e puramente interpessoal para uma visão política da interação e intervenção\u201d (FALEIROS, 
1981, p. 132). 
 
Disponível em: http://www.cpgss.pucgoias.edu.br/ArquivosUpload/15/file/DISSERTA%C3%87%C3%83O%20DIANA.pdf 
 
02 - Ano: 2015 Banca: BIO-RIO Órgão: IF-RJ Prova: Assistente Social 
O Movimento de Reconceituação tem como um de seus marcos mais emblemáticos a realização, em 
1965 do (a): 
 a) Seminário de Teorização de Araxá. 
 b) III Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais. 
 c) VII Congresso Interamericano de Serviço Social. 
 d) I Seminário Latino-Americano de Serviço Social. 
 e) Experiência do Método BH. 
 
Gabarito: d 
Justificativa: \u201c O Brasil desempenhou, ao lado da Argentina, Chile e Uruguai, um papel de destaque na 
articulação das inquietudes profissionais do continente. Sedia em Porto Alegre, em 1965, o I Seminário 
Regional Latino-Americano de Serviço Social, tido, por muitos analistas, como o marco inicial do 
movimento de reconceituação no continente\u201d (Iamamoto, 2001, p.209). 
 
Disponível em: http://servicosocialss.blogspot.com.br/2008/07/movimento-de-reconceituao-do-servio.html 
 
Movimento de Reconceituação \u2013 Serviço Social Comentado em Questões 
Em comemoração aos 25 mil membros 
Sarah Mesqnezes \u2013 www.sarahmesqnezes.com.br 
 
2 
 
03 - Ano: 2017 Banca: MS CONCURSOS Órgão: Prefeitura de Piraúba \u2013 MG Prova: Assistente Social 
O movimento criado para dar respostas aos questionamentos da sociedade ao serviço social 
tradicional, e para atendimento das reais necessidades da América Latina, possui tonalidades 
distintas em cada país, devido a conjuntura peculiar de cada um, permitiu a manifestação e 
desenvolvimento diferenciado deste movimento, tento no Brasil uma manifestação mais 
conservadora em face do regime militar. O texto acima está referenciando-se a qual movimento? 
 a) De rua. 
 b) De reconceituação do serviço social. 
 c) De precarização do trabalho. 
 d) Governista. 
 
Gabarito: b 
Justificativa: Foi criado para dar respostas aos questionamentos da sociedade ao serviço social 
tradicional, e para atendimento das reais necessidades da América Latina, possuí tonalidades 
distintas em cada país, devido a conjuntura peculiar de cada um, permitiu a manifestação e 
desenvolvimento diferenciado deste movimento, tendo no Brasil uma manifestação mais 
conservadora em face do regime militar. No Brasil tem seu marco em 65 com 3 perspectivas, 
modernizadora, a reatualização do conservadorismo e a intenção de Ruptura. 
 
Disponível em: https://www.passeidireto.com/arquivo/5856947/resumo---fundamentos-historicos-teoricos-e-metodologicos-
do-servico-social-ii 
 
04 - Ano: 2015 Banca: AOCP Órgão: FUNDASUS Prova: Analista - Assistente Social 
No Brasil, o Serviço Social, na década de 80, foi marcado pela negação do conservadorismo 
profissional, que colocou em xeque a prática profissional do assistente social, desencadeando um 
processo que foi um marco decisivo para a proposta de teorizar a prática do Serviço Social de acordo 
com sua realidade. Este evento, conhecido como o mais amplo debate da categoria que reconheceu 
a teoria crítica marxista como a fonte norteadora da prática profissional , recebeu o título de 
movimento de 
 a) Teorização. 
 b) Renovação. 
 c) Reconceituação. 
 d) Redemocratização. 
 e) Reoperacionalização do Serviço Social. 
 
Gabarito: c 
Justificativa: No processo de ruptura com o conservadorismo, o Serviço Social passou a tratar o campo 
das políticas sociais, não mais no campo relacional demanda da população carente e oferta do sistema 
capitalista, mas acima de tudo como meio de acesso aos direitos sociais e à defesa da democracia. Dessa 
forma, não se trata apenas de operacionalizar as políticas sociais, embora importante, mas faz-se 
necessário conhecer as contradições da sociedade capitalista, da questão social e suas expressões que 
desafi am cotidianamente os assistentes sociais, pensar as políticas sociais como respostas a situações 
indignas de vida da população pobre e com isso compreender a mediação que as políticas sociais 
representam no processo de trabalho do profissional, ao deparar-se com as demandas da população. 
Essa vertente de ruptura não ocorreu sem problemas, pois estes relacionam-se à visão reducionista e 
equivocada do marxismo presente no marxismo althusseriano (Louis Althusser), que recusou a via 
institucional e as determinações sócio-históricas da profissão, (Yazbek, 2000, p.25), porém tais problemas 
não serão aqui detalhados. Tal vertente adquire maior consistência, quando surgem os estudos que 
procuram aprofundar as formulações teóricas da profissão. Fundamentadas nessa nova perspectiva, 
Movimento de Reconceituação \u2013 Serviço Social Comentado em Questões 
Em comemoração aos 25 mil membros 
Sarah Mesqnezes \u2013 www.sarahmesqnezes.com.br 
 
3 
especialmente no que se refere à dimensão político-ideológica, explicitam o caráter contraditório de sua 
prática e vinculam sua ação profissional à transformação social. 
 
Disponível em: http://books.scielo.org/id/vwc8g/pdf/piana-9788579830389-04.pdf 
 
05 - Ano: 2008 Banca: FCC Órgão: TRT - 18ª Região (GO) Prova: Analista Judiciário - Serviço Social 
Ao processo de junção do discurso humanista-cristão com o suporte técnico-científico de inspiração 
na teoria social positivista, reiterando para a profissão o caminho do pensamento conservador, 
denominou-se 
 a) reconceituação. 
 b) pragmatismo. 
 c) messianismo. 
 d) refilantropização. 
 e) arranjo teórico-doutrinário. 
 
Gabarito: e 
Justificativa: O conservadorismo católico, que caracterizou os anos iniciais do Serviço Social brasileiro, 
começa, especialmente a partir da década de 1940, a ser tecnificado ao entrar em contato com o Serviço 
Social norte-americano e suas propostas de trabalho,