A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Atividade 06

Pré-visualização | Página 2 de 2

3) principais modelos de ideologia jurídica; 4) sociologia e direito; e 
5) a dialética social do direito.  Ao término da obra, o Autor indica diversas leituras complementares, selecionadas, segundo ele, por sua clareza e pelo seu enfoque progressista.
Fonte: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080424062655AALvIH3
O texto é uma resenha, está escrito na terceira pessoa. E ainda uma resenha crítica veja : “”Evidentemente a obra reflete a experiência educacional do autor, pela sua simplicidade, a sua leitura pode ser recomendada aos alunos de graduação...”
BOM TRABALHO!!!
............................................................................................................................................Obs.: somente as atividades acima devem ser enviadas para correção do professor. 
 
Sugestões de sites e vídeos para consulta:
Sites
CONVERSA DE PORTUGUÊS. Produção textual. Como organizar o texto dissertativo-argumentativo? Disponível em: < http://conversadeportugues.com.br/2015/02/como-organizar-o-texto-dissertativo-argumentativo/ > Acesso em: 28 jan.. 2017.
 
GUIA DE PRODUÇÃO TEXTUAL – PUCRS. Como elaborar uma resenha. Disponível em: < http://www.pucrs.br/gpt/resenha.php> Acesso em: 01 jan. 2017.
VÍDEOS
YOU TUBE. Dicas para escrever uma resenha Disponível em: < http://www.youtube.com/watch?v=7-cV9ImQsKQ&feature=related> Acesso em: 01 mar. 2017.
ENEM E PROUNI .COM. Aula de redação dissertativa – Vídeo aula Dissertação. Disponível em: < http://www.enemeprouni.com/2009/03/aula-de-redacao-dissertativa.html > Acesso em: 28 jan. 2017.
YOU TUBE. Argumentação e linguagem dissertativa. Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=o7lR6zcLHcQ&feature=related> Acesso em: 07 fev. 2017.
YOU TUBE. Aula - Resenha Crítica. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=20QtZMoXMGE> Acesso em: 28 fev. 2017.
YOU TUBE. Resenha Crítica. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=MyrePamBWjY> Acesso em: 20 fev. 2017.
Pratique um pouco mais a teoria estudada.
As atividades a seguir não são objetos de avaliação (não envie respostas). 
As atividades apresentadas a seguir têm o objetivo de fazer com que você se familiarize mais com os gêneros resumo e resenha. Você não deverá enviar as respostas destas atividades propostas, contudo, como acredito que esteja comprometido com o seu próprio crescimento intelectual, sei que não deixará de fazer o que estou propondo. 
1. Procure encontrar, em jornais ou revistas, algumas resenhas. Leia-as e observe as partes que contêm resumo do objeto resenhado e opinião sobre ele.
2. Aproveite os ensinamentos dessa aula e resenhe um livro de sua escolha.
3.  O trecho que segue foi montado a partir de fragmentos de um artigo de quatro páginas, de autoria de Maria Amália Bernardi, publicado na Revista Exame, 23.04.97. Redija um resumo do texto, em no máximo 10 linhas. Lembre-se de que, no resumo, interessa somente o que está no texto. Não teça comentários pessoais. Resumir não e copiar sentenças avulsas do texto; é extrair informações e argumentos principais apresentados e reescrevê-los com suas próprias palavras. Seu resumo deve ser discursivo (frases, períodos).
“Por alguma razão obscura tornou-se moda no Brasil considerar que a utilização correta do português é algo secundário, desimportante. E é claro que não é assim.(...).
É por não saber utilizar esse instrumento que executivos brasileiros produzem relatórios incompreensíveis, cartas que levam a diferentes interpretações, textos absolutamente pobres de idéias, frases, sentenças e orações desconexas e por aí afora (...).
Quem comete erros de português ao falar, e não é capaz de escrever dez linhas gramaticalmente corretas e com clareza, passa aos outros uma péssima imagem. Imagem de pessoa mal informada, de nível cultural baixo, que não lê. Ou seja, que não tem o perfil que o mercado procura. No mundo competitivo das empresas é bom que esse tipo de gente não tenha grandes aspirações. O problema do português ruim, evidentemente, começa muito antes de alguém se tornar um executivo. (...)
Os alunos se habituaram a considerá-lo uma disciplina de menor importância, algo sem relação direta com a vida prática. Resultado: o jovem termina o segundo grau com deficiências graves e as carrega para a vida profissional. Não é barrado por isso para entrar no mercado, mas, quando tem que organizar as idéias e passá-las para o papel, se vê diante de um problema. “Só nesse ponto é que muitos se dão conta de quanto a linguagem escrita faz parte da vida prática. É preciso que os futuros executivos abram os olhos e entendam que seu sucesso profissional depende também de saber escrever português com clareza. Tanto quanto dos outros conhecimentos técnicos”, diz Carlos Faccina, diretor de recursos humanos e assuntos públicos e institucionais da Nestlé.
______________________________________________________________________