A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
psicologia do ciclo Vital 2018 Questionário ll

Pré-visualização | Página 2 de 2

em relação às pessoas mais jovens. Assinale, abaixo, o conceito que define este momento do desenvolvimento humano:
	
	
	
	
		Respostas:
	a. 
Generatividade.
	
	b. 
Ninho vazio.
	
	c. 
Estirão do crescimento.
	
	d. 
Signo do espelho.
	
	e. 
Rebeldia transgressiva.
	Feedback da resposta:
	Resposta: “a”. Essa necessidade de “sentir-se útil”, que Erikson denominou de “generatividade”, não se restringe ao fato de se ter filhos para cuidar; pelo contrário, pois não basta ter filhos ou não é preciso tê-los para alcançar essa capacidade. Trata-se de uma preocupação ampla pelos outros, um compromisso para além de si mesmo, com a família, o trabalho, a sociedade e as gerações futuras. Manifesta-se na necessidade de ensinar ou guiar os mais jovens não só para ajudá-los, mas também para formar a própria identidade. A pessoa que orienta sente-se necessária, tem o feedback daquilo que produziu e do que deve cuidar e, assim, pode-se dizer que o conceito de generatividade inclui o de produtividade e o de criatividade. “Ninho vazio” corresponde à saída dos filhos do lar – vida adulta tardia; e as demais alternativas, à fase da adolescência.
	
	
	
Pergunta 9
	
	
	
	Leia e responda a questão:
No final desse período, pode ocorrer uma transformação na dinâmica familiar, que é o momento no qual os filhos saem da casa de seus pais e estes têm que se reorganizar frente à nova realidade.
Como é chamado este período?
	
	
	
	
		Respostas:
	a. 
Generatividade.
	
	b. 
Ninho vazio.
	
	c. 
Estirão do crescimento.
	
	d. 
Signo do espelho.
	
	e. 
Rebeldia transgressiva.
	Feedback da resposta:
	Resposta: “b”. No final desse período, pode ocorrer uma transformação na dinâmica familiar, conhecida como “ninho vazio”, que é o momento no qual os filhos saem da casa de seus pais e estes têm que se reorganizar frente à nova realidade. Alguns casais vivem essa fase como uma segunda lua de mel, agora livres dos encargos parentais; outros entram em crise pessoal e/ou conjugal, na maioria das vezes porque o casal não se reconhece na conjugalidade; mantinham-se juntos apenas enquanto um casal parental. Quando essa função é esvaziada, não há outro ponto de intersecção.
	
	
	
Pergunta 10
	
	
	
	Sobre o processo de luto, como podemos ajudar a criança? Assinale a alternativa correta:
	
	
	
	
		Respostas:
	a. 
Explicar que a morte não é definitiva, é algo passageiro, e que não é necessário se preocupar.
	
	b. 
Mudar totalmente o ambiente onde a criança está para que não tenha lembranças.
	
	c. 
Evitar responder as perguntas da criança, mudar de assunto, distraí-la com outros assuntos.
	
	d. 
Dizer que a pessoa foi morar no céu ou que a fada veio buscar será melhor para que possa compreender.
	
	e.
Os pais não devem esconder os seus sentimentos para não entristecer a criança; isso pode causar mais problemas, pois ela sente que também não deve manifestar seus sentimentos.
	Feedback da resposta:
	Resposta: “e”. Os pais devem explicar que a morte é definitiva e que a criança não causou a morte por maus pensamentos ou mau comportamento. Devem fazer o mínimo de mudanças no ambiente e na rotina da criança e responder suas perguntas de maneira simples e honesta, encorajando-a a falar sobre a pessoa que morreu. Informações sonegadas e confusas, como dizer que a pessoa foi morar no céu ou que a fada veio buscar, atrapalham o processo de luto. Os pais não devem esconder os seus sentimentos para não entristecer a criança; isso pode causar mais problemas, pois ela sente que também não deve manifestar seus sentimentos.