A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
163 pág.
Anatomia Dental Completo

Pré-visualização | Página 1 de 8

ANATOMIA DENTAL
GENERALIDADES, INCISIVOS, CANINOS, PRÉ-MOLARES E 
MOLARES
EDUARDO QUEIROZ
2º SEMESTRE - ODONTOLOGIA
QUIXADÁ – CE
2017
GENERALIDADES
INTRODUÇÃO
A Anatomia Dental é a área da Odontologia que visa capacitar o profissional a ter um amplo
conhecimento sobre a anatomia de cada dente. O seu conhecimento é indispensável para a atuação na
odontologia. O ensino e o aprendizado da Anatomia Dental, contribuem para as atividades relacionadas ao
diagnóstico, planejamento, prognóstico e tratamentos das afecções dentais.
http://www.nucleolapecco.com.br/odontologia-criancas
DENTES (DEFINIÇÃO)
Os dentes são estruturas resistentes, de natureza calcária e cor branca. Eles estão localizados na
boca e fixados na mandíbula/maxilar.
Estão dispostos regurlamente, uns ao lado dos outros, formando os arcos dentais superior e inferior.
Observação: Vale ressaltar que o dente é considerado
histologicamente como um órgão, pelo fato de ele ser constituído
por tecidos diferentes.
http://wnodontocirurgico.com.br
DENTES (FUNÇÃO)
As funções exercidas pelos dentes, podem ser divididas em função ativa e função passiva, sendo
que:
Função Ativa: A função ativa é a Mastigação, que é responsável por prender, contrar, dilacerar e triturar
os alimentos. Sendo que cada dente possui sua função específica.
Função Passiva: Os dentes apresentam várias funções passivas, que não estão relacionadas
diretamente com a mastigação, tais como: estética, proteção, fonação, sustentação de tecidos moles, e
etc.
http://wnodontocirurgico.com.b
r
http://www.odontoblogia.com.br/agenesia-
dental/
FIXAÇÃO DOS DENTES NA BOCA
O dente fica fixado no osso alveolar pelo
ligamento periodontal, e o nome dessa união é
chamada de Gônfose.
Osso Alveolar: O osso alveolar corresponde ao tecido
ósseo cortical ou compacto que delimita a superfície
do alvéolo dental.
Ligamento Periodontal: É uma estrutura fibrosa do
tecido conjuntivo, com componentes nervosos e
vasculares, que une o cemento da raiz ao osso
alveolar.
brasilescola.uol.com.br/odontologia
GRUPOS DOS DENTES
Os dentes são adaptados as funções de: apreender, cortar, dilacerar e triturar os alimentos sólidos.
Incisivos – Apreendem os alimentos.
Caninos – Cortam os alimentos.
Pré-Molares – Dilaceram e trituram os alimentos.
Molares – Dilaceram e trituram os alimentos.
A
n
a
to
m
ia
 A
p
lica
d
a
 à
 O
d
o
n
to
lo
g
ia
, 2
ª e
d
içã
o
. G
u
a
n
a
b
a
ra
 K
o
o
g
a
n
, 
0
6
/2
0
0
8
.
DENTIÇÃO HUMANA
O homem é um ser difiodonte, ou seja, ele possui duas dentições. Sendo que, os dentes da primeira
dentição, são chamados de Decíduos (Dentes de Leite), e os dentes da segunda dentição são chamados
de Permanentes.
1. Dentes Decíduos
2. Dentes Permanentes
Nas imagens ao lado, temos a
representação de um Incisivo
Central Superior e do 1º Molar
Superior. Cada um na sua
versão decídua e permanente,
respectivamente.
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
IDADE EM QUE NORMALMENTE OS DENTES 
ERUPCIONAM 
Dentição de Leite Idade
Incisivos Centrais Inferiores 6 a 9 Meses
Incisivos Superiores 8 a 10 Meses
Incisivos Laterais Inferiores 15 a 21 Meses
Primeiros Molares 15 a 21 Meses
Caninos 16 a 20 Meses
Segundos Molares 20 a 24 Meses
IDADE EM QUE NORMALMENTE OS DENTES 
ERUPCIONAM 
Dentição Permanente Idade
Primeiros Molares 6 Anos
Incisivos Centrais 7 Anos
Incisivos Laterais 8 Anos
Primeiros Pré-Molares 9 Anos
Segundos Pré-Molares 10 Anos
Caninos Entre 11 e 12 Anos
Segundos Molares Entre 12 e 13 Anos
Terceiros Molares Entre 15 e 25 Anos
PARTES DOS DENTES
(COROA, COLO E RAIZ)
Anatomicamente, o dente pode ser dividido em: coroa,
colo e raiz. Essa divisão é muito utilizadapara descrever
cada dente isoladamente. Cada uma dessas partes
possuem características próprias, que serão explicadas nas
próximas páginas.
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição. Guanabara Koogan, 
06/2008.
COROA
Coroa: É parte superior do dente, e geralmente a única parte visível. O formato da coroa determina
a função do dente, por exemplo: os dentes mais afiados (caninos) servem para cortar os alimentos, e
assim por diante. E ela é dividida em duas: Coroa Clínica e a Coroa Anatômica.
Coroa Clínica: É a parte visível da Coroa.
Coroa Anatômica: É a parte que fica recoberta por gengiva.
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
COLO
Colo: O colo é o segmento imediato entre a coroa e a raiz. E ele é divido em dois: O Colo clínico e
o Colo anatômico.
Colo Clínico: É a parte visível do Colo.
Colo Anatômico: É a parte que fica recoberta por gengiva.
A
n
a
to
m
ia
 A
p
lic
a
d
a
 à
 O
d
o
n
to
lo
g
ia
, 2
ª 
e
d
iç
ã
o
.
RAIZ
Raiz: Porção dental implantada nos alvéolos da maxila e da mandíbula. Existem 3 tipos de raízes:
Unirradicular, Birradicular e Tri/Multirradicular.
Raiz Unirradicular: Possui somente 1 raíz.
Raiz Birradicular: Possui 2 raízes.
RaizTrirradicular/Multirradicular: Possuim 3 ou mais raízes. A
n
a
to
m
ia
 A
p
lica
d
a
 à
 O
d
o
n
to
lo
g
ia
, 2
ª e
d
içã
o
.
ESTRUTURAS DOS DENTES
O dente também pode ser divido histologicamente, tomando como parâmetro os tecidos que os 
constituem. Temos a seguinte divisão: Esmalte, Dentina, Polpa e Cemento.
Esmalte: O esmalte é a camada mais externa do dente. Ele recobre a dentina
coronária, e é o tecido mais mineralizado do corpo. É estremamente duro e
resistente ao desgaste.
Dentina: É um tecido conjuntivo avascular, de coloração branco-amarelada. É
a maior tecido do dente, pois vai da coroa até a raiz, sendo que na coroa é
recoberto pelo esmalte e na raiz pelo cemento.
Polpa: Tecio mole, altamente vascularizado, responsável pela vitalidade dos
dentes.
Cemento: Camada delgada de coloração amarela, acelular e avascularizada
que cobre a raiz do dente.
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
ESTRUTURAS DOS DENTES
NOTAÇÃO DENTÁRIA
O Cirurgião-Dentista tem necessidade de anotar todas as alterações que encontra durante o exame 
clínico do aparelho dentário, e como esse processo deve ser feito o mais rápido possível, foi criada uma 
maneira de identificar cada dente da arcada dentária.
A
n
a
to
m
ia
 A
p
lic
a
d
a
 à
 O
d
o
n
to
lo
g
ia
, 2
ª 
e
d
iç
ã
o
.
FACES DO DENTE
Face Vestibular É a parte visível da frente do dente (Sorriso).
Face Lingual ou Palatina É a face do dente que a língua encosta, ou seja, a parte de trás do
dente. Sendo que, somente os dentes superiores são considerados
como os que tem face palatina, já que só existe palato na parte
superior (Céu da boca). Ou seja, Superiores: Palatina. Inferiores:
Lingual ou Palatina.
Face Mesial É a face mais reta e mais próxima da linha média.
Face Distal É a face mais distante da linha média e é um pouco arredondada.
Face/Borda Cervical É a borda que divide a coroa da raiz.
Face/Borda Incisal ou Oclusal É a parte cortante do dente. Sendo que, somente os dentes
anteriores (Incisivos e Caninos) apresentam a Face Incisal. Já os
Posteriores (Pré-Molares e Molares) apresentam a face oclusal por
serem maiores e terem mais cúspides.
FACES DO DENTE
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
TERÇOS DO DENTE
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
http://www.odontopediatras24h.com.br
ÂNGULOS DO DENTE
Anatomia Aplicada à Odontologia, 2ª edição.
INCISIVOS CENTRAIS SUPERIORES
DENTES 11 E 21
GENERALIDADES (INCISIVOS)
INTRODUÇÃO

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.