A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
avaliando materno

Pré-visualização | Página 1 de 2

1a Questão (Ref.: 201403125435)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Considerando as necessidades nutricionais protéico-calóricas de uma gestante adolescente após 5 anos de sua menarca, comparadas com as de uma gestante adulta, deve-se considerar a seguinte correspondência: 
		
	
	triplo 
	
	dois terços 
	
	Um quarto 
	
	dobro 
	
	igual 
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201403125360)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Os efeitos da progesterona e do estrogênio sobre o metabolismo de nutrientes na gravidez são respectivamente: 
		
	
	Aumento da excreção renal de sódio e aumento das propriedades hidroscópicas do tecido conjuntivo 
	
	Redução das proteínas séricas e redução das propriedades hidroscópicas do tecido conjuntivo 
	
	Diminuição da excreção renal de sódio e aumento das proteínas séricas 
	
	Redução da motilidade gástrica e indução da deposição materna de gordura 
	
	Indução da deposição materna de gordura e aumento da motilidade gástrica 
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201403125368)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Além do cálcio e fósforo, participam do processo de formação do esqueleto fetal durante a gestação os seguintes nutrientes: 
		
	
	Tiamina e Vitamina D 
	
	Vitamina E e Niacina 
	
	Magnésio e Riboflavina 
	
	Vitamina A e B6 
	
	Vitamina D e A 
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201403125358)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	As náuseas e vômitos são sintomas comuns no início da gravidez, desta forma o nutricionista deverá orientar estas gestantes para que as refeições sejam: 
		
	
	Com intervalos maiores, regularmente secas, ricas em lipídeos 
	
	Freqüentes, regularmente secas, ricas em proteínas 
	
	Com intervalo maiores, à base de líquidos, ricas em proteínas 
	
	Freqüentes, à base de líquidos, ricas em carboidratos 
	
	Freqüentes, regularmente secas, ricas em carboidratos 
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201403125366)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	A difusão simples, a difusão facilitada e o transporte ativo são mecanismos de transferência de nutrientes via placentária de, respectivamente: 
		
	
	Ácidos graxos, água, oxigênio 
	
	Água, glicose, aminoácidos 
	
	Aminoácidos, glicose, oxigênio 
	
	Glicose, água, ácidos graxos 
	
	Ácido graxos, água, aminoácidos
	1a Questão (Ref.: 201403624662)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	São dados clínicos importantes no diagnóstico de pré-eclâmpsia:
		
	
	Hipotensão arterial sistêmica, hipercalemia e oligúria
	
	Hipertensão arterial sistêmica, hipernatremia e edema
	
	Hipertensão arterial sistêmica, proteinúria e edema
	
	Hipotensão arterial sistêmica, proteinúria e poliúria
	
	Hipotensão arterial sistêmica, hipercalcemia e poliúria
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201403125853)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Ana tem 32 anos, está na 18ª semana de gestação e foi atendida no ambulatório de Nutrição. Relata ser diabética e estar preocupada com o uso de adoçantes na gravidez. Sua anamnse alimentar evidencia uso de adoçante à base de sacarina e ciclamato no café com leite e no suco de laranja, além do consumo de iogurte diet e gelatina light. A orientação adequada deve ser : 
		
	
	Usar preferencialmente sucralose
	
	Usar açúcar mascavo 
	
	Utilizar mel de rotina 
	
	Utilizar açúcar light 
	
	Adoçar com aspartame 
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201404093257)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	A deficiência de ferro constitui-se uma das principais carências nutricionais no grupo materno infantil. Esse micronutriente desempenha importantes funções no organismo humano e suas necessidades encontram-se aumentadas durante o período gestacional. Acerca desse tema, pode-se afirmar: I. Para pacientes gestantes a recomendação dietética é de 15mg/dia. II. A anemia constitue-se no primeiro estágio de deficiência de ferro; III. O ferro heme é obtido pela ingestão de alimentos de origem animal, é considerado de alta biodisponibilidade. IV. O Ministério da Saúde recomenda a suplementação universal a partir da 20ª. Semana de gestação, para tratar a anemia ferropriva; V. O ferro é componente da hemglobina e mioglobina, responsáveis pelo transporte de O2 no sangue e nos músculos. 
		
	
	a) Apenas as alternativas I, IV e V são verdadeiras;
	
	c) Apenas as alternativas I, II e V são verdadeiras;
	
	d) Apenas as alternativas II, IV e V são verdadeiras;
	
	e) Apenas as alternativas III e V são verdadeiras.
	
	b) Apenas as alternativas I e IV são verdadeiras;
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201403125863)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	No diabetes gestacional, que ocorre geralmente a partir da 20ª semana é comum: 
		
	
	redução do glucagon e aumento dos hormônios contrainsulínicos 
	
	resistência periférica a insulina; redução do glucagon ; aumento dos hormônios contrainsulínicos 
	
	aumento da insulina e dos hormônios contrainsulínicos com redução do glucagon 
	
	resistência periférica a insulina e aumento do glucagon e dos hormônios contrainsulínicos 
	
	redução da insulina e dos hormônios contrainsulínicos com aumento do glucagon 
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201404092320)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Segundo a Food and Agriculture Organization of the Unit Nations (FAO), 2001 o aporte energético da gestante em bom estado nutricional para o primeiro e segundo trimestre é cerca de:
		
	
	( ) 85kcal e 285kcal por dia respectivamente.
	
	( ) 75kcal e 285kcal por dia respectivamente.
	
	( ) 285kcal e 475kcal por dia respectivamente.
	
	( ) 85Kcal e 275Kcal por dia respectivamente.
	
	( ) 75kcal e 375kcal por dia respectivamente.
		
	
	1a Questão (Ref.: 201404078115)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	No Brasil, o leite de vaca fluido, ou em pó não modificado ainda é a alternativa mais empregada pra as mães que não amamentam seus filhos, devido ao baixo custo e facilidade de acesso. Para um lactente de quatro meses de idade, é recomendado: 
		
	
	Leite de vaca a 1/2, acrescido de 2% de óleo vegetal
	
	Leite de vaca in natura, acrescido de 3% de óleo vegetal
	
	Leite de vaca in natura, acrescido de 2% de óleo vegetal
	
	Leite de vaca a 2/3, acrescido de 5% de óleo vegetal
	
	Leite de vaca a 2/3, acrescido de 3% de óleo vegetal
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201403624662)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	São dados clínicos importantes no diagnóstico de pré-eclâmpsia:
		
	
	Hipotensão arterial sistêmica, hipercalemia e oligúria
	
	Hipotensão arterial sistêmica, proteinúria e poliúria
	
	Hipertensão arterial sistêmica, hipernatremia e edema
	
	Hipotensão arterial sistêmica, hipercalcemia e poliúria
	
	Hipertensão arterial sistêmica, proteinúria e edema
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201404166111)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Dentre as opções abaixo escolha aquela que não caracteriza uma contraindicação para o aleitamento materno.
		
	
	Abcesso mamário
	
	Uso de drogas
	
	Uso de antiinflamatórios
	
	Quimioterapia
	
	HIV positivo
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201403588293)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	O APORTE ENERGETICO DA GESTANTE EM BOM ESTADO NUTRICIONAL NO SEGUNDO TRIMESTRE DEVE AUMENTAR, SEGUNDO A FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION OF THE UNITE NATIONS (FAO), 2001, EM CERCA DE: 
		
	
	475 Kg/dia 
	
	345 Kg/dia 
	
	123 Kg/dia 
	
	275 Kg/dia 
	
	300 Kg/dia 
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201404093282)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	No consultório, a nutricionista recebe a paciente M.R.S., 20 anos, G1,P0,A0, na 21ª SG, em terceira consulta ao serviço pré-natal, empregada doméstica, renda familiar mensal 3 SM, reside com marido, em casa

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.