resumo NP1 PPIS
12 pág.

resumo NP1 PPIS


DisciplinaPolíticas Públicas e Inclusão Social148 materiais169 seguidores
Pré-visualização6 páginas
Plutocracia 
- Teocracia 
- Tirania 
- Totalitarismo  
 
Exercício 1: Sobre a origem da palavra \u201cPolítica\u201d é incorreto afirmar:
D - Teve origem na forma de organização social partidária. 
Exercício 2: Sobre a origem do termo \u201cEstado\u201d é correto afirmar:
C- Se impôs por meio da difusão e pelo prestígio da obra \u201cO Príncipe\u201d de Maquiavel. 
Exercício 3: Sobre a definição de \u201cEstado\u201d em seu sentido político, assinale a alternativa correta.
B - É uma instituição organizada política, social e juridicamente, ocupa um território definido e, na maioria das vezes, sua lei maior é uma Constituição. 
Exercício 4:Sobre o conceito de \u201cPolítica\u201d é incorreto afirmar:
D - Refere-se exclusivamente às relações partidárias no exercício e na disputa pelo poder na gestão pública. 
Exercício 5: Para BOBBIO (2001; 2000) \u201cse a teoria do Estado pode ser considerada como uma parte da teoria política, a teoria política pode ser por sua vez considerada como uma parte da teoria do poder\u201d. Sobre relação entre \u201cpolítica\u201d e \u201cpoder\u201d está incorreto afirmar:
C - O processo político na gestão pública não implica em relações de \u201cpoder\u201d. 
Exercício 6: \u201cA teoria do Estado apóia-se sobre a teoria dos três poderes e das relações entre eles\u201d. Segundo a Constituição da República Federativa do Brasil \u201csão Poderes da União, independentes e harmônicos entre si\u201d:
B - o executivo, o legislativo, o judiciário. 
Exercício 7: Para BOBBIO (2001) \u201ca finalidade ou fim da política não pode se resumir apenas em um aspecto, pois [...] os fins da política são tantos quantas forem as metas a que um grupo organizado se propõe, segundo os tempos e as circunstâncias\u201d. Selecione a opção que corresponde à definição correta de \u201cPoder Político\u201d na perspectiva da gestão pública.
A - Uma exclusividade de poder que pode ser exercida sobre um determinado grupo social, em determinado território. 
Exercício 8: Para FILOMENO (1997) \u201co Governo é a organização necessária para o exercício do poder político do Estado\u201d. Um Governo é definido enquanto sua \u201cforma\u201d, \u201csistema\u201d e \u201cregime político\u201d. Assinale a alternativa que corresponde corretamente à organização do Governo no Estado brasileiro.
E - Forma de Governo: República; Sistema de Governo: Presidencialismo; Regime Político: Democracia.
SOCIEDADE CIVIL
Sociedade civil é o lugar onde surgem e se desenvolvem os conflitos econômicos, sociais, ideológicos, religiosos, que as instituições estatais têm o dever de resolver através da mediação ou através da repressão.
Sujeitos desses conflitos e portanto da sociedade civil exatamente enquanto contraposta ao Estado são as classes sociais, ou mais amplamente os grupos, os movimentos, as associações, as organizações que as representam ou se declaram seus representantes; ao lado das organizações de classe, os grupos de interesse, as associações de vários gêneros com fins sociais, e indiretamente políticos, os movimentos de emancipação de grupos étnicos, de defesa dos direitos civis, de libertação da mulher, os movimentos de jovens etc.
Os partidos têm um pé na sociedade civil e um pé nas instituições, tanto que chegou a ser proposto um enriquecimento do esquema conceituai dicotômico através da interposição, entre os conceitos de sociedade civil e de Estado, do conceito de sociedade política, destinado a compreender exatamente o fenômeno dos partidos, que de fato não pertencem por inteiro nem à sociedade civil nem ao Estado.
Na verdade, um dos modos mais freqüentes de definir os partidos políticos é o de mostrar que eles cumprem a função de selecionar, portanto de agregar e de transmitir, as demandas provenientes da sociedade civil e destinadas a se tornar objeto de decisão política.
Nas mais recentes teorias sistêmicas da sociedade global, a sociedade civil ocupa o espaço reservado à formação das demandas (input) que se dirigem ao sistema político e às quais o sistema político tem o dever de responder (output): o contraste entre sociedade civil e Estado põe-se então como contraste entre quantidade e qualidade das demandas e capacidade das instituições de dar respostas adequadas e tempestivas. O tema hoje tão debatido da governabilidade das sociedades complexas pode ser interpretado também nos termos da clássica dicotomia sociedade civil/Estado: uma sociedade torna-se tanto mais ingovernável quanto mais aumentam as demandas da sociedade civil e não aumenta correspondentemente a capacidade das instituições de a elas responder.
A sociedade civil representa o lugar onde se formam, especialmente nos períodos de crise institucional, os poderes de fato que tendem a obter uma legitimação própria inclusive em detrimento dos poderes legítimos \u2014 o lugar onde, em outras palavras, desenvolvem-se os processos de deslegitimação e de relegitimação.
Daí a freqüente afirmação de que a solução de uma grave crise que ameaça a sobrevivência de um sistema político deve ser procurada, antes de tudo, na sociedade civil, na qual podem ser encontradas novas fontes de legitimação e portanto novas áreas de consenso. Enfim, na esfera da sociedade civil inclui-se habitualmente também o fenômeno da opinião pública, entendida como a pública expressão de consenso e de dissenso com respeito às instituições, transmitida através da imprensa, do rádio, da televisão etc. De resto, opinião pública e movimentos sociais procedem lado a lado e se condicionam reciprocamente. Sem opinião pública \u2014 o que significa mais concretamente sem canais de transmissão da opinião pública, que se torna "pública" exatamente enquanto transmitida ao público \u2014, a esfera da sociedade civil está destinada a perder a própria função e, finalmente, a desaparecer.
No limite, o Estado totalitário, que é o Estado no qual a sociedade civil é inteiramente absorvida pelo Estado, é um Estado sem opinião pública (isto é. com uma opinião apenas oficial).(BOBBIO, 2001)
Entende-se por Sociedade Civil Organizada a Sociedade Civil quando se expressa politicamente.
Para MARX (2006) Sociedade Civil Organizada é a parcela da Sociedade Civil que se constitui e se organiza atuando como força política na procura de soluções para os conflitos sociais. É a estrutura moldando-se em superestrutura para defender interesses da maioria, ou mesmo parciais, atuando em conjunto com o Estado e as forças de mercado, na \u2018busca maior\u2019, qual seja, a de uma melhor simbiose com a Sociedade civil".
POLÍTICAS DE ESTADO X POLÍTICAS DE GOVERNO
Políticas de governo são aquelas que o Executivo decide num processo bem mais elementar de formulação e implementação de determinadas medidas para responder às demandas colocadas na própria agenda política interna.
Políticas de Estado passam pelo Parlamento ou por instâncias diversas de discussão, depois que sua tramitação dentro de uma esfera (ou mais de uma) da máquina do Estado envolveu estudos técnicos, simulações, análises de impacto horizontal e vertical, efeitos econômicos ou orçamentários, quando não um cálculo de custo-benefício levando em conta a trajetória completa da política que se pretende implementar. O trabalho da burocracia pode levar meses, bem como o eventual exame e discussão no Parlamento (Senadores e Deputados), pois políticas de Estado, que respondem efetivamente a essa designação, geralmente envolvem mudanças de outras normas ou disposições pré-existentes, com incidência em setores mais amplos da sociedade.
POLÍTICAS PÚBLICAS
As políticas públicas são mediadoras da relação entre o estado e a Sociedade. (FLEURY, 1994)
Políticas públicas são ações governamentais que interferem na vida dos cidadãos visando à melhoria de vida de toda a coletividade e a garantia do interesse público.
É necessário manter a diferenciação entre Política Pública e política partidária. A Política Pública constitui um termo de significado mais amplo, compreendida a ideia de política como atividade de conhecimento, organização do poder e de instrumento de ação de governos.
Podemos dizer que as políticas públicas servem de orientação para a ação dos indivíduos, de organizações e do próprio
Roseane
Roseane fez um comentário
Tem NP2?
0 aprovações
Carregar mais