A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
10 pág.
Resumo sobre a Tcc e a forma que de trabalho e sua eficácia22

Pré-visualização | Página 2 de 3

de agenda e feedeback par maximizar a eficiência das sessõesde aprendizado ajudar os pacientes a organizar seus esforços em direção a recuperação e intensificar o aprendizado,a agenda da sessão é feita de forma a dar um direcionamento claro a sessão e permitir a mensuração do progresso,itens bem articulado na agenda podem desenvolver varias questões como plano para voltar ao trabalho,reduzir tensões nos relacionamentos,encontrar maneiras de superar dificuldades produtivamento explorando tópicos importantes e tentando evitar disgressões que tem poucas chances de ajudar tentar atingir os objetivos de tratamento ou se o fato de permanecer na agenda atual não estiver atingindo o resultado esperado,tanto o paciento quanto o terapeuta dão e recebem feedback para confirmar a compreenção e para moldar o direcionamento da sessão.a estratégia da estruturação é identificar os pensamentos automáticos e esquemas e ensinar habilidades para mudar as cognições e fazendo o paciente realizar uma série de exercícios repetitvos e planejados para expandir os aprendizados na terapia para o mundo real.isso associa-se a melhor perspctiva cognitiva como:
- Romper padrões de evitação e desesperança
- Enfrentar gradativamente situações terminadas
-Desenvolver habilidades de enfrentamento
- Reduzir emoções dolorosas ou excitação autômica
Técnicas TCC
QUESTINAMENTO SOCRÁTICO:
È baseado em uma relação impírica colaborativa e tem como objetivo de ajudar o paciente a reconhecerem e modificar os pensamentos desadapitativos,ele consiste em fazer o questionamento que estimulam a curiosidade e o desejo de inquirir,o terapeuta tenta fazer com que o paciente se envolva no processo de aprendizagem e também fazem uma serie de perguntas indutivas conhecida como descoberta guiada,para revelar padrões disfuncionais de pensamentos ou comportamentos.
PSICOEDUCAÇÃO:
As experiências de ensino nas sessões normalmente costuma usar situações de vida do paciente para ilustrar os conceitos,dando breves explicações e acompanhando com perguntas que promovem o envolvimento do paciente no processo de aprendizagem dentre outras ferramentas disponíveis para auxiliar a promover a psicoeducação,como leitura de livros de auto ajuda,apostilas dentre outros.
RELAXAMENTO
Tem como objetivo ajudar os pacientes atingir uma resposta de relaxamento com um estado de calma mental e física,pois o relaxamento muscular é um dos principais mecanismo para atingir a resposta de relaxamento isso faz com que o paciente libera sistematicamente a tensão em grupos musculares por todo o corpo e a medida que a tensão muscular diminui o sentimento subjetivo de ansiedade normalmente se reduz
EXPOSIÇÃO E DISSENSSIBILIZAÇÃO
O paciente é auxiliado a confrontar situações estressantes em alguns sintomas de ansiedade como fobia simples onde o paciente é encorajado a enfrentar diretamente o estimulo temido enquando o terapeuta modela o enfrentamento da situação de forma a organizar o protocolo de exposição gradual para superar a ansiedade um passo de cada vez.
RELAÇÃO TERAPEUTICA e SUA COMUNICAÇÃO 
Uma das características TCC é um estilo de relação terapêutica colaborativa,simples e voltada para ação, uma boa aliança de trabalho é uma parte essencial importante do tratamento,o terapeuta cognitivo assim como outros terapeutas de outras abordagens de psicoterapia,buscam proporcionar um ambiente com alto grau de autenticidade,afeto,consideração positiva empatia,além de caracterizar uma aliança de trabalho de empirismo colaborativo,que se refere ao direcionamento para a promoção da mudança cognitiva comportamental.Essa aliança terapeuta e paciente ela é um fator primordial nas sessões de psicoterapia,um dos desafios na terapia é a construção dessa aliança.Empatia ela vai envolver a capacidade de se colocar no lugar do paciente de modo que o terapeuta seja capaz de intuir o que ele esteja sentindo e pensando e ao mesmo tempo discernir possíveis distorções,raciocínio ilógico ou comportamentos desadaptativos que possam estar contribuindo para o problema.
Se o terapeuta é visto pelo paciente como distante frio e despreocupado as perspectiva de um bom resultado elas diminuirão,podendo não da prosseguimento,o paciente tem que se sentir confortável confiante em sair de uma sessão querendo voltar,assim como o esforço para ser afetuoso e empático agradador, também pode haver evento contrário,devemos ter um equilíbrio, é uma relação que envolve muita percepção e cuidado com tudo que esta o paciente está,pois cada paciente é único a expectativa que ele tem em relação a terapia são particular de cada um,envolve sensibilidade,flexibilidade,questões socioculturais,que são importantes,o terapeuta não tem todas as respostas mas nada impede de buscarmos conhecimento de algo que esta sendo trazido pelo paciente,o ambiente de trabalho,sala de espera não deixar possíveis influências que pode deixar o paciente desconfortáveis alguma influência negativa,algo relacionado a preconceito violência,alguns cuidados que são imprtantes,a preparação para atender a todos os tipos de pessoas,cuidados que estes devemos ter com paciente a ética,o meu comportamento não verbal ele pode influenciar na relação terapêutica como balançar a cabeça negativamente ou positivamente eu posso esta reforçando alguma questão que ele possa esta trazendo ser imparcial mas diretivo e tentar ser acertivo ser honesto e ético em caso que eu vejo que não vou dar conta.
Empirismo colaborativo também é importante na relação terapêutica na aliança de trabalho.Pois envolve o paciente no processo altamente colaborativo a responsabilidade compartilhada de metas e agendas feedebak a troca onde são enxergados a distorções cognitivas e as crenças centrais,construindo uma relação sólida de relacionamento que permitirá que esse paciente tenha progresso na redução de suas queixas .
CONSIDERAÇÔES FINAIS
Através da literatura que busquei compreender e perceber que primeiramente um grande vinculo facilitador de mudança que conduz ao crescimento e o bem estar em relação terapêutica é caracterizada pela empatia ,aceitação, congruência ,ajuda muito os clientes se sentirem seguros para abertura de seus sentimentos mais temíveis e dolorosos que possa enfrentar,confiar no outro seus medos suas inseguranças suas neuroses requer muito além de uma aliança é você sentir suficiente seguro a ponto de se abrir seus sentimentos,pois terapeuta vai conduzir o cliente em uma direção a novos modos de processar a emoção,pensamentos disfuncionais,suas crenças centrais,para que esse cliente fique consciente fazendo sua reflexão e que transforme de forma positiva suas emoções,e uma boa aliança terapêutica irá conduzir para isso.Pois a forma como é conduzidas as sessões estruturadas,com plano de ação bem elaborado,as técnicas usadas ajudam o paciente a ser colaborativo nesse plano de ação.
Percebo que o terapeuta e cliente trabalham juntos como uma equipe,escolhendo metas,construindo uma conceituação adequada de seus problemas e desenvolvendo plano de mudanças,requerendo que terapeuta e cliente sejam ativos e interativos dentro desse relacionamento terapêutico,visando que ambos deem e recebam feedbacks entre si.Percebo o quanto o paciente deve ser ativo fora da sessão,pois a intenção é que o cliente seja o seu próprio terapeuta,reduzindo a dependência da terapia e do próprio terapeuta.
Essa relação terapeuta e cliente é muito transparente como deve ser qualquer relacionamento onde a liberdade de expressar a comunicação entre eles seja confortável de que se algo não esta claro por ambas as partes colocar cada ponto desconfortável caso houver, tipo as expectativas do cliente não estão sendo correspondida,ou até mesmo algo que o cliente não esteja entendendo a colocação do terapeuta,tudo se começa na comunicação na relação aliança e terapêutica.
O terapeuta vai ser o condutos o professor treinador desse cliente,que Por sua vez se torna pro-ativo em cada sessão como a organização da agenda tarefas exercícios que o tempo todo é voltado para ação muda o