3. Avaliação Final (Discursiva)   Individual e sem Consulta  Fundamentos do Processo Educativo no Contexto Histórico Filosófico
2 pág.

3. Avaliação Final (Discursiva) Individual e sem Consulta Fundamentos do Processo Educativo no Contexto Histórico Filosófico

Pré-visualização1 página
3. Avaliação Final (Discursiva) - Individual e sem Consulta -Fundamentos do Processo Educativo no Contexto Histórico-Filosófico 
QUESTÃO:
1. Existe uma relação histórica entre a consciência religiosa, a mitologia da Idade Antiga e o cristianismo medieval. Assim, o conhecimento religioso está fundamentado em uma postura chamada dogmática, ou seja, um saber que seja revelado e inquestionável. Neste sentido, disserte sobre as diferenças da consciência religiosa frente à consciência racional.
RESPOSTA ESPERADA:
A consciência religiosa enfatiza os dados revelados através de documentos religiosos, enquanto a razão concentra-se em explicações lógicas e verificáveis. A consciência religiosa é predominante durante a Idade Média e tem como base a dimensão da fé como aceitação e validação dos saberes, diferente da consciência racional fundamentada em aspectos lógicos científicos ou em verdades que passam pela via da crítica. O conhecimento da consciência religiosa se estabelece como um conhecimento revelado e de aceitação de doutrinas e não de questionamento ou racionalidade. Tipo de consciência que se aproxima com a mitologia, por validar uma fonte de conhecimento como crença em algo superior ou com elementos sobrenaturais. Nesta modalidade, o intelecto está subordinado à fé, e os indivíduos estão subordinados a um ser superior. Logo, o conhecimento passa primeiro pela crença e depois pela compreensão.
QUESTÃO:
2. A educação patrística constituiu e definiu o pensamento cristão, assim como consolidou as doutrinas da Igreja. Consistia na elaboração doutrinal das verdades de fé do cristianismo e na sua defesa contra as heresias e ataques dos \u201cpagãos\u201d. Nesse contexto, descreva dois fundamentos históricos ou teológicos da educação patrística.
RESPOSTA ESPERADA:
A patrística é a filosofia e a teologia cristã nascida nos primórdios da Igreja; o termo patrística deriva do fato dos primeiros líderes cristãos serem chamados de pais da Igreja; esse movimento nasceu da necessidade do cristianismo de firmar-se como doutrina contra as heresias; também deveria firmar-se como filosofia que superasse o paganismo que os cristãos combatiam; a educação patrística é apologética (parte da teologia destinada a defender a religião contra os ataques dos adversários); definiu o pensamento cristão e consolidou a doutrina da Igreja Cristã; a educação patrística visava amadurecer os conceitos fundamentais de teologia cristã.
QUESTÃO:
3. Os "otimistas" afirmam que, da forma como utilizamos as tecnologias, caminhamos para a libertação do ser humano. Já os "pessimistas" afirmam que, com o progresso da tecnologia, será diminuída a condição de liberdade. Nesse contexto, disserte sobre as ideias anunciadas pelos "pessimistas" com relação ao uso das tecnologias a serviço da humanidade.
RESPOSTA ESPERADA:
Argumentam que o futuro da tecnologia proporcionará a invasão de privacidade pelas câmeras, mídias eletrônicas, em especial, no monitoramento de centros comerciais, ruas e áreas públicas em geral. Afirmam que é preocupante a maneria com que o ser humano estará mais escravo e dependente das máquinas e da condição tecnológica. Os pessimistas anunciam fatores negativos pelo exagero das exigências econômicas, de mercado, de consumo e de lucratividade. Esse contexto contribuirá para a desumanização das relações sociais. Consideram que um mundo rodeado de tecnologia está cada vez mais refém da insensibilidade das máquinas e dos sistemas tecnológicos, reduzindo a criatividade e o contato das relações humanas.