Coleta de material biológico em grandes animais
33 pág.

Coleta de material biológico em grandes animais


DisciplinaPráticas Veterinárias I163 materiais2.666 seguidores
Pré-visualização1 página
Disciplina de Práticas Veterinárias I 
Profa. Dra. Vanessa M Storillo 
http://www.biologico.sp.gov.br/uploads/files/exames
_triagemanimal/manual_veterinario.pdf 
Técnicas utilizadas para a obtenção de amostras 
de fluídos, secreções e tecidos para fins 
diagnósticos e terapêuticos 
 
Auxiliar na realização de exames e procedimentos 
 
Preparo do local de coleta 
 
Identificação da amostra é FUNDAMENTAL!!! 
 
 
 
Hemograma, Leucograma e Bioquímicos 
 
Sorologia 
 
Teste de tempo de coagulação, compatibilidade 
 
Locais Ruminantes: veia jugular, coccígea média e 
mamária. 
Equinos: veia jugular. 
Coleta da veia coccígea em vaca 
https://www.youtube.com/watch?v=Ylfip7tolT0 
 
 
 
Sangue = 8% do peso corporal de um 
animal. 
Análises no sangue: plasma, soro ou 
sangue total ? 
Hematologia: 
Sangue total = anticoagulante 
Bioquímica: Soro = sem anticoagulante 
 Plasma = anticoagulante 
 
 
 
 
 
Tubos variam de acordo com o tipo de 
exame/amostra 
Com anticoagulante: 
Homogeneizar 
Imediatamente 
após a coleta. 
 
 
 
Pode ser colhido com seringa e agulha e 
transferido para os tubos (retirar a agulha). 
Ou colhido em tubos a vácuo - garantem a 
esterilidade da amostra. 
Tampa 
Amarela Gel separador com 
ativador de coágulo 
Bioquímica e 
sorologia 
Vermelha Siliconizado 
sem anticoagulante 
Bioquímica e 
sorologia 
Roxa Anticoagulante 
EDTA 
Hematologia 
Cinza Anticoagulante 
Fluoreto de sódio + 
EDTA 
Bioquímica 
Azul Anticoagulante 
Citrato de sódio 
Hematologia 
(coagulação) 
\uf071 Refrigerar 
\uf071 Chegar em até 48h no laboratório 
\uf071 Hemólise 
 
 
 
Coleta de urina 
https://www.youtube.com/watch?v=lJ__wNhb
Wn0 
 
 
 
 
 
 Frascos 
 seringa (cultura e antibiograma) 
 Coletor universal 
 
 Volume 
 3ml \u2013 10ml 
 
Conservação da amostra 
 Refrigeração 
 12 horas 
 
 
 
Vídeo 0:33 
Exame coproparasitológico 
Coleta 
Diretamente do reto 
Espontânea 
Acondicionamento 
Coletor Universal 
Sacos plásticos e outros frascos 
Manter refrigerado (até 24h) 
Parasitas intestinais 
Digestibilidade 
Sangramento de trato digestório 
Pesquisa de sangue oculto nas fezes 
 
\uf09e Raspado de pele 
\uf09e Tricograma 
\uf097 Crescimento dos pelos 
\uf097 Cultura e antibiograma (fungos) 
\uf09e Cultura e antibiograma 
 
 
 
\uf0a8 Citologia de pele 
\uf0a4 Secreção otológica 
\uf0a4 Exsudativas 
\uf06e Fungos 
\uf06e Bactérias 
\uf097 Toracocentese 
\uf097 Paracentese /Abdominocentese 
\uf097 Pericardiocentese 
\uf09e Material 
\uf097 Cateter 
\uf097 Agulha 
\uf097 Seringa 
\uf097 Tubos 
\u25cbSeco 
\u25cbEDTA 
\uf09e Tricotomia e Assepsia local 
\uf0a8 Coleta 
\uf0a4Toracocentese 
\uf0a4Método diagnóstico 
\uf0a4Método terapêutico 
\uf0a8 Coleta 
\uf0a4Toracocentese 
\uf0a46 ao 8 EIC 
\uf0a8 Coleta 
\uf0a4Paracentese /Abdominocentese 
\uf0a4Diagnóstica e terapêutica 
\uf0a4Assepsia 
\uf0a8 Coleta 
\uf0a4Linfonodos 
\uf0a4Aumento de volume, formações 
\uf0a4Vaginal 
\uf0a4Otológica e pele 
 
CAAF 
ESFOLIATIVA 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Proestro 
 
file:///C:/Users/Micro%20Win%2010/Downloads/Dialnet-
EstimativaDaFaseDoCicloEstralPorCitologiaVaginalEm-4027902.pdf 
\uf0a8 É mais fácil de se obter. 
\uf0a8 É menos desconfortável para o paciente. 
\uf0a8 É menos provável de apresentar complicações. 
\uf0a8 Os custos são menores 
 
\uf0a8 A desvantagem é que, em alguns casos, o resultado 
da biópsia de tecido é mais precisa 
\uf0a8 Histopatológico 
\uf0a4Formações 
\uf0a4Fragmentos 
cutâneos 
\uf0a4Óssea 
 
\uf0a8 Pesquisa direta do agente - refrigerado 
\uf0a8 Histopatológico \u2013 Formol tamponado 10% 
Volume 10x maior que o volume do tecido a ser 
fixado