Pro inter Final
13 pág.

Pro inter Final

Disciplina:Projeto Interdisciplinar 216 materiais186 seguidores
Pré-visualização1 página
4

UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP

Curso de Tecnologia em Processos gerenciais

ACADÊMICO: Adriana Sonia Silva – RA: 3399637114

PROINTER IV– RELATÓRIO FINAL

HORTOLANDIA SP
05/2018

ACADÊMICO: Adriana Sonia Silva – RA: 3399637114
TUTOR A DISTÂNCIA: Elvio Soares Viana Junior

PROINTER IV– RELATÓRIO FINAL
Trabalho apresentado ao Curso de Tecnologia em Processos gerenciais do Centro de Educação a Distancia-CEAD da Universidade Anhanguera UNIDERP, como requisito parcial para obtenção de nota na disciplina Prointer – Projeto Interdisciplinar.

HORTOLANDIA SP
05/2018

SUMÁRIO

1	INTRODUÇÃO 	4
2	LEVANTAMENTO DE CAMPO	5
2.1	Politica de cargos e salário e inclusão	5
3	PROPOSTAS DE MELHORIAS	6
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS .............................................................................................................................7
5 RFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.................................................................................................................8

INTRODUÇÃO

Saber administrar muitas vezes é um dom, mas também pode ser adquirido com estudos e pesquisas, para se ter um sucesso em um empreendimento, é preciso planejamento de negócios, estratégias, pesquisar, analisar, todos os pós e contras voltado para o ramo que se quer entrar, para que o projeto ocorra de maneira satisfatória. O plano de negócios é muito importante para que empreendedor tenha certeza que conhece o negocio em que quer atuar, ter clareza, pesquisar ter os pés no chão, objetivos, metas, saber onde quer chegar, ter estratégia, plano financeiro. Fazer uma analise chamada SWOT, força, fraquezas, oportunidades e ameaças, é muito importante essa analise para traçar exatamente situação atual em que o negocio se encontra. As Forças são as vantagens da empresa junto aos concorrentes, informações completas do serviços prestados aos clientes, solidez financeira, produtos de qualidade, ética etc. As Fraquezas são as desvantagens em relação as concorrentes, altos custos, má imagem, má localização, produtos não tão bons etc. As Oportunidades, bons preços e produtos de qualidade, falência do concorrente, aspectos mudanças nos gostos dos clientes. As Ameaças – novos competidores, baixo preços nos concorrentes, aumento excessivos das mercadorias, crise da economia. Para se ter sucesso é preciso fazer um plano de negócios, identificando os pontos fortes para o novo empreendimento, localização , saber qual o público alvo a ser conquistado, ter um bom atendimento, um bom relacionamento com clientes, fornecedores e colaboradores. Os fracos que é a falta de profissionais preparados, má localização, preços altos, mau atendimento.

LEVANTAMENTO DE CAMPO

2.1	Politica de cargos e salário e inclusão:

O Embracon oferece aos seus colaboradores possibilidade de crescimento profissional e pessoal em um ambiente agradável, dinâmico e colaborativo. Fomos premiados por quatro anos consecutivos como uma das "100 Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil.
A nossa política de contratação consiste em oferecer a oportunidade de emprego para profissionais de vendas nas regiões onde o Embracon possuí filial comercial, onde os mesmos irão atuar comercializando cotas de consórcios de imóveis, automóveis e motos.
O salário fixo, ajuda de custos e comissionamento sobre vendas serão compatíveis com a função e o mercado. Os ganhos de um vendedor de consórcio variam conforme seu esforço e disponibilidade e dependem unicamente de quanto e como ele se relaciona com os clientes e fecha negócios.

O Consórcio Nacional Embracon preza pela qualidade de vida dos seus colaboradores, oferecendo benefícios exclusivos e condições diferenciadas de trabalho. Ótimas comissões, premiações, convênio médico e odontológico, seguro de vida, vale-alimentação e vale-transporte, treinamentos e plano de carreira também são oferecidos.

PROPOSTAS DE MELHORIAS

melhor aproveitamento do tempo
ganhar velocidade
melhorar a integração entre as diversas áreas da empresa
ganhar qualidade no produto/serviço
maior assertividade na tomada de decisões
melhor priorização das atividades
maior flexibilidade no direcionamento de demandas entre as áreas da empresa
monitoramento mais efetivo dos indicadores de performance

De acordo com Campos (1992), a utilização das melhorias constitui-se no método de solução de problemas, também conhecido no Japão por QC STORY, Este método é um dos mais importantes dentro do TQC – Controle da Qualidade Total, e precisa ser conhecido e dominado por todas as pessoas da organização, em todos os níveis hierárquicos. Este método é a arma mais importante para a alta direção da empresa e a base para realização das diretrizes colocadas pelo planejamento estratégico.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A gestão de recursos humanos vem ganhando cada vez mais atenção nas empresas,
deixando de ser uma área que cuida exclusivamente de aspectos trabalhistas e de remuneração
para ser um setor estratégico, buscando identificar formas de valorizar o seu colaborador.
Sabe-se que um funcionário que se sente valorizado dentro do seu ambiente de trabalho tende
a apresentar resultados e desempenhos melhores, então, a administração de cargos e salários
tem grande contribuição nesse processo de valorização.
Como sugestões para próximas pesquisas o presente trabalho e a empresa Embracon sugere três tipos de estudos:
a) Análise do processo de implantação do PCS – Esse tipo de estudo mostra-se
importante, pois a maioria dos trabalhos desenvolvidos nesse tema trata-se da
elaboração de um PCS, sendo raros os trabalhos que analisam o processo de
implantação do mesmo.
b) Análise dos impactos da implantação do PCS – Sabe-se que a implantação de um
PCS causa impactos em termos financeiros e de reestruturação de cargos e tarefas,
assim é importante estudar como esses impactos acontecem e em que proporção.
c) Análise da percepção dos funcionários após a implantação do PCS – Um dos
benefícios do PCS apresentado por vários autores é da valorização dos
funcionários, então um estudo sobre como os funcionários percebem as mudanças
advindas da implantação do plano é relevante, visando identificar se os benefícios
propostos realmente são percebidos pelos colaboradores.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

BERTEQUINI, Flávio Cesar Marçal. O plano de cargos e salários e a remuneração
variável. 2010. 120 f. TCC (Graduação)
CHIAVENATO, Idalberto. Remuneração, benefícios e relações de trabalho: como reter
talentos na organização. 6. ed. Barueri: Manole, 2009.
KRETZER, Kristiano. Criação de um plano de cargos e salários para a Empresa
Automatiza. 2007. 149 f. TCC (Graduação) - Curso de Adminstração, Universidade Federal
de Santa Catarina, Florianópolis, 2007.
FERNANDES, Eda. Qualidade de vida no trabalho; como medir para melhorar. Salvador: Casa da Qualidade, 1996.