A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
Absentismo

Pré-visualização | Página 1 de 3

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE MOÇAMBIQUE 
FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÓMICAS E SOCIAIS 
LICENCIATURA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ABSENTISMO 
 
 
Fátima Sancumba 
 
 
 
 
Maputo, Março de 2018 
ii 
 
 
 
UNIVERSIDADE TÉCNICA DE MOÇAMBIQUE 
FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÓMICAS E SOCIAIS 
LICENCIATURA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS 
 
 
 
 
 
 
 
 
ABSENTISMO 
 
 
 
 
Discente: Fátima Sancumba 
Docente: Dr Fenias Sigaúque 
 
 
 
Maputo, Março de 2018 
iii 
 
ÍNDICE 
 
1. INTRODUÇAO ....................................................................................................................... 1 
1.1. Justificativa....................................................................................................................... 2 
1.2. Descrição do Problema.................................................... Error! Bookmark not defined. 
1.3. Hipóteses ......................................................................... Error! Bookmark not defined. 
1.4. Objectivos......................................................................................................................... 3 
1.4.1. Objectivo Geral ......................................................................................................... 3 
1.4.2. Objectivos Específicos .............................................................................................. 3 
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.......................................................................................... 11 
 
1 
 
1. INTRODUÇAO 
Para Soares e Silva (2007) o absenteísmo é palavra pouco utilizada e desconhecida por muitas 
pessoas, é uma palavra de origem latina e significa "estar fora, afastado ou ausente". Este 
absenteísmo tem sido uma das causas de maiores perdas de receita e retrocesso nos lucros de 
empresas ou pequenos empreendimentos. 
É necessário que se repare que o absenteísmo deriva não só de factores externos como externos, 
sendo necessário que o corpo administrativo da empresa ou os recursos humanos trabalhem 
arduamente para que se reduzam as taxas de absenteísmo dentro da empresa. 
A análise do absenteísmo na empresa auxilia no conhecimento do estado de saúde dos 
trabalhadores, e principalmente o nível de satisfação dos próprios trabalhadores, porque a empresa 
não deve se preocupar somente em satisfazer os compradores ou utilizadores dos seus serviços 
mas também com a satisfação de quem ajuda a proporcionar esses serviços, é responsabilidade da 
parte administrativa ou dos recursos humanos manter políticas internas que também motivem os 
trabalhadores diariamente Bardin (1977, p.42). 
2 
 
1.1. Justificativa 
O presente trabalho tem como objectivo e estudo a analise e pesquisa da disciplina de Manutenção 
de Recursos Humanos. e tendo como tema Gestão do Absentismo na empresa no qual pretendemos 
fazer a abordagem analítica e exploratória do absentismo na empresa. 
Segundo (CURADO et al., 1995, p.6-8) o absenteísmo tem sido um problema crítico para as 
organizações e para os administradores. É complexo e pode ter como causas e consequências 
diversos factores. Preocupa as organizações, pois, gera atrasos no andamento dos trabalhos, 
sobrecarrega os trabalhadores que estão presentes, afecta significativamente a produtividade e 
consequentemente, diminui a qualidade de serviços prestados aos seus clientes. 
As ausências no trabalho acarretam diversos problemas para a organização e, na maioria das vezes, 
indica a existência de problemas relacionados às condições de saúde do trabalhador, a falta de 
condições de higiene e segurança no trabalho, que provocam acidentes de trabalho e, ainda, a 
insatisfação dos trabalhadores com as condições de trabalho. 
 
3 
 
1.2. Objectivos 
1.2.1. Objectivo Geral 
Estudar as possíveis causas da rotatividade e do absentismo na empresa. 
 
1.2.2. Objectivos Específicos 
• Identificar características desejáveis; 
• Analisar os factores que influenciam o absenteísmo; 
• proporciona informações a respeito do absentismo. 
 
4 
 
2. ABSENTEÍSMO EMPRESARIAL 
Consiste na ausência de trabalhadores no local de trabalho em que devia desempenhar a actividade 
durante o período normal do trabalho diário, segundo Costa (1971, p.842). 
O absenteísmo é a ausência do funcionário no ambiente de trabalho, seja por faltas, saídas ou 
atrasos, justificados ou não, afectando a eficácia e eficiência da empresa. O absenteísmo na 
práctica, refere-se ao número de horas de trabalho perdidas. 
Em uma empresa, cada trabalhador desempenha uma função, a presença de todos trabalhadores é 
necessária, quando colaborador se abstém de executar suas atividades ou funções laborais . 
 
2.1. TIPOS DO ABSENTISMO EMPRESARIAL 
Para Chiavenato (2004) Os mais importantes dos diversos tipos de absentismo são: 
- Absentismo legal; 
- Absentismo voluntario; 
- Absentismo doença; 
- Absentismo patologia profissional; 
- Absentismo compulsório. 
 
2.1.1. Absentismo Legal 
O absentismo Legal consiste na falta ao serviço, comparadas em leis como licença de maternidade. 
 
2.1.2. Absentismo Voluntario 
O absentismo voluntario consiste na ausência do trabalhador por razões particulares, trata -se da 
ausência não justificada sem amparo legal de exclusiva responsabilidade do trabalhador. 
 
2.1.3. Absentismo de Doença 
O absentismo de doença inclui todas as ausências por doenças diagnosticada por procedimento 
medico. 
5 
 
2.1.4. Absentismo Patológico Profissional 
 O absentismo patológico profissional consiste na ausência por doenças de acidente de trabalho ou 
doença profissional. 
 
2.1.5. Absentismo Compulsório 
O absentismo compulsório consiste na falta de trabalho por imperativo de ordem legal ainda que 
o trabalhador não deseje, tais como: suspensão imposta pelo chefe, prisão, etc... 
 
2.2. CAUSAS DO ABSENTISMO 
As causas do absentismo empresarial são, as doenças, atrasos de horários, problemas com 
transportes. 
 
2.3. FACTORES ORGANIZACIONAIS 
Consiste no aspecto inerente a organização como folha na motivação dos participantes, acidentes 
causados por falta de supervisão. 
 
2.3.1. FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O ABSENTEÍSMO 
 
 Os funcionários que se sentem “amarrados” na execução de suas actividades, por não disporem 
de recursos mínimos para tal, devido a uma inadequada infraestrutura que os dê suporte, são fortes 
candidatos ao absenteísmo. 
O estabelecimento de metas, geralmente, já é o suficiente para causar grande estresse nos 
colaboradores. Quando essas metas são impossíveis de se alcançar, então, podem oprimir os 
colaboradores da empresa e, neste momento, talvez por não saberem lidar com a situação, fogem 
do ambiente de trabalho Jucius (1979). 
 
6 
 
Qualquer comunicação ineficiente ou até mesmo a falta de comunicação na empresa leva os 
funcionários a fazerem interpretações errôneas sobre determinadas situações. Esta situação leva os 
integrantes da empresa a se sentirem desestimulados enquanto funcionários e, consequentemente, 
aumenta o número de absenteísmo na empresa. 
A comunicação interna de uma empresa deve ser clara e objectiva. Quanto mais ineficiente, maior 
é a taxa de absenteísmo dos funcionários Nascimento (2003). 
Funcionários desmotivados, devido a brigas, clima ruim entre seus companheiros, falta de 
pagamento, por falta de feedback de seus líderes, imaturidade profissional, ou outros motivos mais, 
tendem a faltar ao trabalho. 
O exercício da actividade profissional de forma inadequada faz com que o organismo do 
trabalhador seja agredido,