Guerreiro Ramos
134 pág.

Guerreiro Ramos


DisciplinaRacionalizacao do Trabalho13 materiais49 seguidores
Pré-visualização34 páginas
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:45 Page 1
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 2
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 3
RAMOS, Guereiro
Uma introdução ao histórico da organização racional do trabalho.
/ Guereiro Ramos. - Brasília : Conselho Federal de Administração,
2008. 
132 p. 
Tese apresentada ao concurso para provimentos em cargos da
carreira de Técnico de Administração do quadro permanente do
Departamento Administrativo do Serviço Público -1949 \u2013 enquadrada
na seção I\u2013Organização, item a da letra a, das instruções do referido
concurso.
Republicação do original publicado em 1950.
1- Eficiência industrial. 2- Sociologia industrial. I-Ramos, Alberto
Guereiro. II- Conselho Federal de Administração. III- Título. 
CDU 306.36
2009, Conselho Federal de Administração (CFA)
É proibido a duplicação ou reprodução deste volume, ou de parte do
mesmo, por quaisquer meios, sem autorização expressa do CFA.
Endereço para contato:
Conselho Federal de Administração (CFA)
SAUS, Quadra 1, Bloco L, Edifício CFA
70070-932 Brasília (DF)
1º Edição (2009) 2.500 exemplares
Projeto gráfico e diagramação:
Via Brasilia 
Supervisão:
Renata Costa Ferreira
Impressão:
Artes Gráficas e Editora Pontual LTDA - EPP
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 4
PARA
Rômulo de Almeida
Ottolmy Strauch
Jorge Lacerda
Efraín Tomás Bó
Abidias Nascimento
José Leite Lopes
Júlio Sá
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 5
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 6
Uma Introdução ao Histórico da
Organização Racional do Trabalho
(Ensaio de sociologia do conhecimento)
Tese apresentada ao concurso para provimentos em cargos
da carreira de Técnico de Administração do Quadro Perma-
nente do Departamento Administrativo do Serviço Público
\u2013 1949 \u2013 Enquadrada na Seção I \u2013 Organização, item a da
letra a, das Instruções do referido concurso.
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 7
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 8
Werkleute sind wir: Knappen, Jünger, Meister, und bauen
dich, du hohes Mittelschiff.
\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026\u2026.
Gott, du bist gross.
RAINER MARIA RILKE
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 9
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 10
11
PREFACIO .......................................................................................13
APRESENTAÇÃO.............................................................................15
PARTE I PLANO E JUSTIFICAÇÃO .....................................................17
PARTE II DESENVOLVIMENTO..........................................................19
CAPÍTULO I
O TRABALHO NAS SOCIEDADES PRIMITIVAS ..........................21
CAPÍTULO II
OS PRECONCEITOS ANTI-TRABALHISTAS
NA ANTIGUIDADE ..................................................................29
CAPÍTULO III
O trabalho na Idade Média e no Renascimento .....................35
CAPÍTULO IV
A RACIONALIZAÇÃO IN STATU NASCENDI..............................43
CAPÍTULO V
O AMBIENTE RACIONALIZADOR.............................................47
CAPÍTULO VI
O SISTEMA TAYLOR ................................................................53
CAPÍTULO VII
O SISTEMA FORD ...................................................................63
CAPÍTULO VIII
A METODOLOGIA DA ORGANIZAÇÃO EM
EMERGÊNCIA .........................................................................69
CAPÍTULO IX
A RACIONALIZAÇÃO DO TRABALHO NA
ALEMANHA............................................................................73
CAPÍTULO X
A FISIOLOGIA E A PSICOLOGIA APLICADAS
AO TRABALHO........................................................................79
CAPÍTULO XI
A RACIONALIZAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO
PÚBLICA.................................................................................85
CAPÍTULO XII
A SOCIOLOGIA DO TRABALHO .............................................101
PARTE III CONCLUSÕES.................................................................117
BIBLIOGRAFIA ..............................................................................119
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 11
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 12
13ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO
PREFACIO
Ao republicar o presente livro \u201cUma introdução ao Histórico da
Organização Racional do Trabalho\u201d de autoria de Alberto Guerreiro Ramos,
o CFA \u2013 Conselho Federal de Administração, pretende apresentar à
sociedade, e em especial a todos os que se interessam pela Ciência da
Administração uma ferramenta de desenvolvimento e progresso para o
país, um trabalho focado na inovação.
Esse livro não recebeu modificações do seu conteúdo original, o
mesmo que foi publicado em 1950, e, com toda certeza, vai revolucionar
os meios acadêmicos modernos. Apesar de ter sido escrito com foco em
uma administração federal do passado, quando os profissionais e técnicos
extraiam o saber administrativo dos modelos americanos, o livro será de
grande contribuição para os dias atuais. Alberto Guerreiro Ramos sempre
propunha algo diferente e inovador, e é exatamente isso que os leitores
poderão conferir nessa obra.
O autor foi também de grande importância para a elaboração do
ante \u2013 projeto original, feito para discussão pelos associados da ABAP \u2013
Associação Brasileira de Administração Pública em 1965 e que serviu de
fundamento teórico para a redação da Lei 4769/65 que regulamentou a
profissão de Administrador e criou os Conselhos Federal e Regionais de
Administração. Após ampla discussão entre a categoria, Guerreiro Ramos,
- então Deputado Federal - acrescentou diversas alterações que
melhoraram o texto antes de apresentá-lo ao Congresso Nacional.
No livro que ora é relançado, vale destacar os capítulos I \u2013 \u201cTrabalho
nas Sociedades Primitivas\u201d; II \u2013 \u201c Os Preconceitos Anti Trabalhistas na
Antiguidade \u201c ; III \u2013 \u201c O Trabalho na Idade Média e no Renascimento\u201d e
IV \u2013 \u201cA Racionalização in statu faciendi\u201d por serem de suma importância
para o entendimento crítico estabelecido nos capítulos que se seguem.
Não se vê nos livros de Teoria Geral da Administração tamanha
fundamentação teórica.
A crítica aos \u201chumanistas da administração\u201d, psicólogos e
sociólogos das correntes das Relações Humanas, Comportamentalista e,
até mesmo, Estruturalista estão bem colocadas, culminando com as
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 13
14 GUERREIRO RAMOS
propostas de modelos experimentados na estrutura administrativa federal
da época. 
Não é sem razão que o autor quando descreve seu pensamento diz
\u201cÉ, portanto perfeitamente justificável o nosso procedimento. De um lado,
porque a síntese deve suceder logicamente à análise; de outro lado,
porque uma visão de conjunto da Organização Racional do Trabalho
contribuirá para aqueles que a aplicam se tornem conscientes das
limitações históricas da referida tecnologia\u201d. 
O Conselho Federal de Administração coloca à disposição do mundo
acadêmico a republicação dessa obra e acredita que será de grande valia
para os que estudam a Administração. Como lembrete final, é importante
ler a continuidade desse grande pensador Guerreiro Ramos em outro livro
\u201cA Nova Ciência das Organizações\u201d, onde o autor trata da Teoria da
Delimitação dos Sistemas Sociais, onde propõe um novo modelo alocativo
de recursos e analisa criticamente o mercado sem regras, que acarreta o
caos da economia que estamos passando nesse momento de turbulência
em todos os mercados do mundo. 
Boa leitura a todos!
Project2:Layout 1 6/3/2009 14:46 Page 14
15ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO
APRESENTAÇÃO
É com muita satisfação que o Conselho Federal de Administração
republica o livro \u201cUma Introdução ao Histórico da Organização Racional
do Trabalho\u201d de autoria de Alberto Guerreiro Ramos, acreditando que esta
obra terá grande relevância para os teóricos comprometidos com as
mudanças