A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
APS ELETRICIDADE E SUSTENTABILIDADE

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIP - UNIVERSIDADE PAULISTA
Curso: Engenharia Civil
 
 
 
ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONAS
ELETRICIDADE, MAIS SUSTENTAVEL
 
 
 
 
	Nome dos integrantes do grupo:
	Matrícula 
	Turma 
	 Denny Wesley Boccardo da Silva
	 C1728F-2
	 EC7R15
 
 
 
 
BAURU – UNIP
10 DE MAIO DE 2018
Trabalho do curso de Engenharia Civil da Universidade Paulista – Bauru/SP, tratando-se do tema de eletricidade e sustentabilidade.
“Pequenas ações individuais é a maior força transformadora que se conhece. Ter uma atitude consciente em relação aos nossos hábitos de consumo é a melhor (e talvez única) maneira de se mudar o mundo. Economize água, luz, recicle seu lixo, faça a sua parte e ajude a construir um futuro para todos. 
 	Não apenas se limite a poupar materiais, mas, palavras e atitudes indesejadas, poupe mal vontade arregace a manga e salve o planeta, este maravilhoso organismo vivo que nós dá à possibilidade de experimentarmos a vida. Seja um humano da terra. A transformação começa dentro de você. Seja a mudança que gostaria de ver no mundo!”
INTRODUÇÃO
 	Vivemos em um planeta com recursos limitados e com um crescimento exponencial da população mundial. Portanto como utilizamos nossos recursos se torna cada vez mais importante. Utilizar a eletricidade de uma forma sustentável é um meio entre muitos outros para colaboramos com nosso planeta e futuras gerações. 	
Atualmente, a energia é um dos recursos mais importantes e ao mesmo tempo uma das preocupações mais relevantes em todo o mundo devido ao esgotamento rápido de combustíveis não renováveis, o aquecimento global e a mudança climática. (LIRA BARRAGAN et al., 2014)
 	Com as grandes necessidades do uso doméstico e também do uso industrial se torna cada vez mais importante as pesquisas e o desenvolvimento de métodos que levem a uma eficiência elétrica. É um dos meios de vital importância para conseguirmos atingir a resultados satisfatórios.
 	Transmitir informações sobre como se utilizar eletricidade ligado a sustentabilidade se tornou um fator muito importante no mundo de hoje, principalmente de forma clara e simples para a população, pois, é de fundamental importância a preservação de nossa natureza, 
OBJETIVOS
 	Elaborar teoria entre eletricidade e sustentabilidade e, expor meios básicos de aplicação de eletricidade sustentável em nossas vidas.
SUSTENTABILIDADE
 	A sustentabilidade abrange desde povos, culturas, ambientes, empregos, dinheiro, pessoas e etc. Pode se definir por uma habilidade ou capacidade de algo que deve-se ser mantido ou se sustentar. Visa-se a forma que devemos viver agora, como gastamos os recursos do planeta, onde tudo que fazemos hoje será deixado para as futuras gerações. Portanto deve-se utilizar os recursos de forma consciente, assim, se utilizarmos de forma sustentável os recursos, as futuras gerações não só terá um ambiente favorável mas também herdarão como costume a sustentabilidade, dando assim uma melhor de qualidade de vida a outras gerações e ainda estarão preservando o planeta.
 	A sustentabilidade foi definida a partir de um longo processo histórico, bem como, a tomada de consciência sobre os problemas ambientais, crises econômicas e desigualdades sociais. (SARTORI; LATRÔNICO; CAMPOS, 2014)
 	Figura 1 – Tripé da sustentabilidade:
Fonte: www.google.com.br
ELETRICIDADE SUSTENTAVEL
 	A eletricidade sustentável deve atender a todas as necessidades dessa geração sem prejudicar as futuras. Os recursos energéticos devem ser utilizados de forma que não causem grandes impactos no meio ambiente e que haja de maneira sustentável.
 	Os recursos naturais são necessários para o desenvolvimento e qualidade de vida da sociedade, onde, parar o desenvolvimento dos destes recursos levaria a degradação da sociedade, regredindo em termos tecnológicos e qualidade de vida a séculos passados. Os recursos naturais são limitados, em eras passadas esses recursos foram suficientes, mas, com 7 bilhões de habitantes no planeta esses recursos devem ser utilizados de forma inteligente, ainda mais com alguns destes recursos mostrando sinais que estão em extinção. Para um bom desenvolvimento da sociedade é de fundamental importância que continue avançando os meios sustentáveis.
 	Para se atingir a sustentabilidade energética deve-se criar um conjunto onde une-se a sociedade, economia e o meio ambiente. Os indivíduos que compõem a sociedade devem se respeitar e colaborar entre si, pois, não a como preservar o meio ambiente se não preservamos as nossas relações sociais.
 	Economia necessita dos recursos energéticos para se desenvolver e continuar seu crescimento, não havendo o mesmo teria se um declínio econômico sucessivamente uma queda na qualidade de vida. O atual sistema econômico, constituído sobre a ideia de crescimento perpetuo, baseia-se de forma desconfortável em um sistema ambiental que está restrito pelos limites biofísicos (UNEP, 2012; GEO 5, 2014).
 	Atingir a sustentabilidade energética é fator essencial para sermos sustentáveis.
 	Como indivíduos do planeta terra e até se olharmos por outra perspectiva somos seres integrados a natureza, no complexo natureza nós também estamos dentro, portanto, preservar nossos recursos é preservar nossas vidas.
 	Figura 2 – Gráfico de evolução das energias renováveis até 2016:
Fonte: www.google.com.br
EFICIENCIA ENERGETICA
 	O primeiro pilar da sustentabilidade energética é a eficiência energética, onde o foco e na utilização eficiente da energia. A eficiência energética está ligada diretamente no aproveitamento de energia que o aparelho tem para realizar a função que lê foi designada e a quantidade de energia consumida pelo mesmo, portanto, quanto menor for a energia gasta para seu funcionamento mais ele será eficiente.
 	Tudo que se utiliza energia elétrica à uma perda de energia, onde, parte desta energia se transforma em calor, acaba por assim não se utilizando efetivamente essa parcela de energia. Uma lâmpada incandescente transforma em luz 8% de sua energia, tendo assim uma eficiência de 8% onde todo o resto consumido vira calor. Já uma lâmpada fluorescente transforma em luz 32% de sua energia, tendo assim sua eficiência de 32%, portanto, a lâmpada fluorescente é mais eficiente que a incandescente.
 	Olhando dessa forma parece ser ínfimo e não causar impacto no nosso meio, mas, vejamos por outras perspectivas, sendo que tem milhões se não bilhões de lâmpadas ou quaisquer outros equipamentos que utilize a energia elétrica, se colocarmos essa gigante rede quanto pode-se melhorar em termos de eficiência energética e colaborar para a sustentabilidade energética.
 	Em 1993 no Brasil foi criado o selo Procel, a partir do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica. O selo foi criado para classificar os aparelhos de acordo com seu consumo e sua eficiência energética, assim, causando um estimulo para o consumidor economizar no consumo de eletricidade e levando as industrias a produzirem equipamento com um maior índice de eficiência energética. Já o conceito URE abrange as atividades do dia-a-dia, onde, não só os aparelhos e equipamentos deve colaborar mas os atos do consumidor também deve colaborar para evitar desperdícios.
 	O segundo pilar define-se pelas fontes renováveis onde o foco é na forma e nos métodos empregados na produção de energia. Os recursos naturais são as fontes utilizadas para as energia renováveis, pois, esses recursos são produzidos constantemente e naturalmente pelo planeta, sem a necessidade que os seres humanos intervenha. As formas que são mais empregadas são a eólica, solar e hidráulica. Mas a diversas outras formas de se produzir energia, como a biomassas, geotérmicas e maremotriz.
 	Não existe uma pior ou uma melhor, cada uma tem sua vantagem especifica e se adequa ao local e aos custo de quem for produzi-la. É uma escolha devido as

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.