aula 7 leis de newton
21 pág.

aula 7 leis de newton


DisciplinaFísica I25.107 materiais881.919 seguidores
Pré-visualização1 página
CCE0847\u2013 FÍSICA TEÓRICA EXPERIMENTAL I 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Física teórica experimental I 
Conteúdo desta Aula 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
RELACIONAR DAS LEIS DE 
NEWTON COM OS MOVIMENTOS 
1 
APLICAR AS FORÇAS PESO, 
NORMAL E TRAÇÃO 
2 
PRÓXIMOS 
PASSOS 
APLICAR AS 
LEIS DE NEWTON 
3 
Física teórica experimental I 
Conteúdo desta Aula 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
\u2022 Relacionar das Leis de Newton com os 
movimentos; 
 
\u2022 Aplicar as forças Peso, Normal e Tração; 
 
\u2022 Aplicar as Leis de Newton. 
Física teórica experimental I 
Forças 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Contato 
Campo 
A FORÇA É REPRESENTADA POR UM VETOR 
Física teórica experimental I 
As leis de Newton 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
INÉRCIA: TENDÊNCIA NATURAL DE TODO CORPO PERMANECER EM SEU ESTADO 
1ª Lei da Inércia: Todo corpo permanece 
em seu estado de repouso ou de 
movimento uniforme em linha reta, a 
menos que seja obrigado a mudar seu 
estado por forças impressas nele. 
Física teórica experimental I 
As leis de Newton 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
AÇÃO E REAÇÃO SÃO FORÇAS ATUANDO EM CORPOS DIFERENTES 
 
2ª Principio da dinâmica: A mudança de movimento é 
proporcional à força motora imprimida, e é produzida 
na direção de linha reta na qual aquela força é 
imprimida. 
 
3ª Lei da Ação e Reação: A toda ação há sempre uma 
reação em sentido oposto e de igual intensidade. 
Física teórica experimental I 
Força Peso 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Simplificação da Força de Campo 
Gravitacional 
 
Na superfície da Terra, o módulo da 
força Peso é determinado pela massa 
do corpo multiplicada pela aceleração 
da gravidade na Terra. 
Física teórica experimental I 
Força Normal 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Força de contato\uf0e0 Depende do 
contato com uma superfície. 
 
É sempre perpendicular à superfície de 
contato com sentido da superfície para 
o corpo. 
Física teórica experimental I 
Força Normal 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Força de contato\uf0e0 Depende do 
contato com uma superfície. 
 
É sempre perpendicular à superfície de 
contato com sentido da superfície para 
o corpo. 
ATENÇÃO: PESO E NORMAL NÃO FORMAM UM PAR AÇÃO E REAÇÃO 
Física teórica experimental I 
Força de Tração 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Força de contato\uf0e0 existência de fios que 
seguram ou unem corpos. 
 
Uma força T age em um dos corpos e, 
consequentemente, uma força \u2013 T \u2013 atua 
sobre o outro corpo (ação e reação). 
Física teórica experimental I 
Equilíbrio 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
Equilíbrio Estático 
Equilíbrio 
Estático 
Corpo em 
Repouso 
Velocidade 
igual à zero Equilíbrio Dinâmico 
Equilíbrio 
Dinâmico 
Corpo em 
movimento 
uniforme 
Velocidade 
EQUILÍBRIO: FORÇA RESULTANTE QUE ATUA SOBRE UM CORPO = ZERO 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP) Um corpo de 5 kg descreve uma trajetória retilínea que obedece à seguinte equação 
horária S = 3t2 + 2t + 1, onde S é medido em metros e t em segundos. Determine o módulo da 
força resultante sobre o corpo. 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP) Um corpo de 5 kg descreve uma trajetória retilínea que obedece à seguinte equação 
horária S = 3t2 + 2t + 1, onde S é medido em metros e t em segundos. Determine o módulo da 
força resultante sobre o corpo. 
1) Calcular a aceleração 
1. derivar \uf0e0 equação da velocidade 
 
 V = 2.3 t + 2 = 6t + 2 
2. Derivar \uf0e0 aceleração 
 
 V = 6t + 2 
 a = 6 m/s2 
2) Segunda Lei de Newton 
 
 F = m. a = 5 . 6 = 30 N 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(PUC-RJ) Existem bolas de boliche de diversas massas. Suponha que você jogue, com forças iguais, 
três bolas, uma de cada vez. A primeira tem massa m1=m, a segunda m2=m/2 e a terceira 
m3=2m. Suas respectivas acelerações são: 
a) a2=2.a1, a3=a1/2 
b) a2=a1/2, a3=2.a1 
c) a1=a2=a3 
d) a2=a1/3, a3=2.a1/3 
e) a2=3.a1, a3=3.a1/2 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(PUC-RJ) Existem bolas de boliche de diversas massas. Suponha que você jogue, com forças iguais, 
três bolas, uma de cada vez. A primeira tem massa m1=m, a segunda m2=m/2 e a terceira 
m3=2m. Suas respectivas acelerações são: 
a) a2=2.a1, a3=a1/2 
b) a2=a1/2, a3=2.a1 
c) a1=a2=a3 
d) a2=a1/3, a3=2.a1/3 
e) a2=3.a1, a3=3.a1/2 
F = m1 a1 
F = m2 a2 
F = m3 a3 
 
1) Substituindo as massas 
 
F = m a1 
F = m/2 a2 
F = 2m a3 
2) Igualando as Forças 
Para a2: 
m a1 = m/2 a2 
a1 = a2/2 ou a2 = 2a1 
Para a3: 
m a1 = 2m a3 
a1 = 2a3 ou a3 = a1/2 
 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP-010) Uma pessoa pendurou um fio de prumo no interior de um vagão de trem e 
percebeu, quando o trem partiu do repouso, que o fio se inclinou em relação à vertical. 
Com auxílio de um transferidor, a pessoa determinou que o ângulo máximo de inclinação, na 
partida do trem, foi 14o. 
 
Nessas condições: 
 
a) Represente as forças que agem na massa presa ao fio. 
b) Indique o sentido de movimento do trem. 
c) Determine a aceleração do trem. 
 
NOTE E ADOTE: tg 14° = 0,25 g = 10 m/s2. 
 
 
 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP-010) Uma pessoa pendurou um fio de prumo no interior de um vagão de trem e 
percebeu, quando o trem partiu do repouso, que o fio se inclinou em relação à vertical. 
Com auxílio de um transferidor, a pessoa determinou que o ângulo máximo de inclinação, na 
partida do trem, foi 14o. 
 
Respostas: 
 
a) 
 
 
 
 
 
 
 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP-010) Uma pessoa pendurou um fio de prumo no interior de um vagão de trem e 
percebeu, quando o trem partiu do repouso, que o fio se inclinou em relação à vertical. 
Com auxílio de um transferidor, a pessoa determinou que o ângulo máximo de inclinação, na 
partida do trem, foi 14o. 
 
Respostas: 
 
b) 
 
 
 
 
 
 
 
Física teórica experimental I 
Leis em ação 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
(FUVEST-SP-010) Uma pessoa pendurou um fio de prumo no interior de um vagão de trem e 
percebeu, quando o trem partiu do repouso, que o fio se inclinou em relação à vertical. 
Com auxílio de um transferidor, a pessoa determinou que o ângulo máximo de inclinação, na 
partida do trem, foi 14o. 
 
Respostas: 
 
c) Eixo x: a aceleração é no sentido positivo do eixo x: 
 Tx = max 
 Eixo y: não há movimento\uf0e0 Fy = 0: 
 Ty \u2013 P = 0 
 Ty = P = mg \uf0e8 não temos a massa mas sabemos o ângulo 
 tg 140 = cateto oposto/ cateto adjacente 
 tg 140 = Tx/Ty e Tx = max e Ty = mg 
 tg 140 = max/mg = a/g \uf0e8 0,25 = a/10 \uf0e8 a = 2,5 m/s
2 
 
Física teórica experimental I 
Resumindo 
Aula 7 \u2013 Leis de Newton 
As Leis de Newton descrevem os corpos em 
movimento: 
 
\u2022 Principio da Inércia; 
\u2022 Principio da Dinâmica; 
\u2022 Principio da Ação e Reação.