A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
RESOLUÇÃO ATIVIDADE 2 E 4 CAPITULO 7

Pré-visualização | Página 1 de 1

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL 
 
 EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA 
 
 
CURSO: ADMINISTRAÇÃO - EAD 
DISCIPLINA: Administração de Processos Operacionais 
PROFESSOR(A): Nestor Alberto Rancich Fº 
 
RESOLUÇÃO ATIVIDADE 2) E 4) CAPITULO 7) 
 
2) O posto de trabalho B monta peças em que um dos componentes é produzido no posto A. A 
demanda, devidamente estabilizada, é de cinco unidades por minuto. Determinar o número de 
Kanbans para esse componente entre esses dois postos de trabalho, sabendo-se que não há estoque 
de segurança e que as peças são transportadas em containers,com capacidade para 150 peças. Os 
tempos, em minutos, para determinar o ciclo de produção, são dados a seguir: 
 
 
Qual o número de Kanbans? 
 
 
Primeiramente calcula-se o Tempo do ciclo TC pela formula 
 
Solução: 
 
Os valores dos tempos são: 
TPA = 6 min 
TPB = 6 min 
TOA = 0,2 min 
TOB = 0,6 min 
TEA = 10 min 
TEB = 20 min 
TMA = 10 min 
TMB = 7 min 
 
Aplicando-se na formula de TC, tem-se TC = (6+6) + 150 x (0,2 +0,6) + (10 + 20) + (10 + 7) 
 TC = 12 + 120 + 30 + 17 = 179 minutos 
 
 
Determina-se o número de Kanbans pela formula: 
 
 
aonde a demanda D = 5 unidades por minuto, TC = 179 minutos e C = 150 peças 
 
Nk = 
5 x 179
150
 NK = 5,97 ou seja 6 conteiners ou Kanbans 
 
 
 
4. Um sistema kanban será implantado em três postos de trabalho (A, B e C) consecutivos, isto 
é, A alimenta B e B alimenta C. A demanda prevista, devidamente estabilizada, é de 20 
unidades por hora. Os containers que circularão entre A e B tem capacidade de 25 unidades, 
e os que circularão entre B e C tem capacidade de 20 unidades. Os tempos em minutos para 
determinar o ciclo são: 
 
 
Determinar o número de containers necessário para operar entre A e B e entre B e C? 
 
SOLUÇÃO: 
 
Primeiramente calcula-se o Tempo do ciclo TC entre A e B pela formula 
 
Solução: 
 
Os valores dos tempos são: 
TPA = 6 min 
TPB = 12 min 
TOA = 0,25 min 
TOB = 0,30 min 
TEA = 5 min 
TEB = 8 min 
TMA = 3 min 
TMB = 2 min 
 
Aplicando-se na formula de TC, tem-se TCAB = (6+12) + 25 x (0,25 +0,30) + (5 + 8) + (3 + 2) 
 TCAB = 18 + 13,75 + 13 + 5 = 49.75 minutos 
 
 
Determina-se o número de Kanbans pela formula: 
 
 
 
aonde a demanda D = 20 unidades por hora ou 0,3333 unidades por minuto , TC = 49,75 minutos e C = 
20 peças 
 
NkAB = 
0,3333 x 49,75
25
 NKAB = 0,66 ou seja 1 conteiners ou Kanbans 
 
 
Calculo do TC entre B e C pela formula, semelhante ao calculo entre A E B 
 
TC = [(TPB + TPC) + C X (TOB + TOC) + (TEB +TEC) + (TMB +TMC) 
 
Solução: 
 
Os valores dos tempos são: 
TPB=12 min 
TPC = 8 min 
TOB = 0,30 min 
TOC = 0,20 min 
TEB = 8 min 
TEC = 10 min 
TMB = 6 min 
TMC = 5 min 
 
Aplicando-se na formula de TC, tem-se TCBC = (12+8) + 20 x (0,30 +0,20) + (8 + 10) + (6 + 5) 
 TCBC = 20 + 10 + 18 + 11 = 59 minutos 
 
 
Determina-se o número de Kanbans pela formula: 
 
 
 
aonde a demanda D = 20 unidades por hora ou 0,3333 unidades por minuto , TC = 59 minutos e C = 20 
peças 
 
NkBC = 
0,3333 x 59
20
 NKBC = 0,98 ou seja 1 conteiners ou Kanbans

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.