Administração de Produção e Logística
47 pág.

Administração de Produção e Logística


DisciplinaAdministração da Produção e Logística162 materiais2.086 seguidores
Pré-visualização1 página
Curso: Administração
Funções e Conceitos de Logística
Disciplina: Administração de Produção e Logística
TA 1
Prof. Me. Aleksander Roncon
Resumo
Conceitos Logísticos
Integração Logística e seus Subsistemas
Logística Reversa e Logística Verde
Logística e o Valor para o Cliente
Níveis de Serviços Logísticos
Desafios Logísticos
Conceitos Logísticos
\u201cO processo de planejamento, implementação e controle 
do fluxo e armazenamento eficiente e econômico de 
matérias primas, materiais semiacabados e produtos 
acabados, bem como as informações a eles relativas, 
desde o ponto de origem até o ponto de consumo, com o 
propósito de atender às exigências dos clientes\u201d.
Council of Logistics Management (2016, [s.p.])
Logística
Logística
\u201cCadeia de suprimentos é o conjunto de todos os 
processos de negócios e organizações, associados 
desde o fornecedor até o consumidor final referente a 
um bem de consumo ou serviço\u201d.
Ballou (2007). 
Cadeia de Suprimentos
Fonte: ttps://pixabay.com
Cadeia de Suprimentos x Logística
Cadeia de Suprimentos x Logística
Planejar um sistema.
Treinar e capacitar o pessoal.
Definir níveis de serviços.
Segmentar, planejar e executar os serviços.
Controlar custos
Realizar previsões. 
Adotar indicadores de desempenho.
Sistemas Logísticos
Integração Logística e seus 
Subsistemas
Integração Logística
É responsável pela entrada dos suprimentos 
(todos os insumos/necessidades do processo 
produtivo) até liberação para a produção. Envolve 
as atividades de: Aquisição, Seleção de 
fornecedores, Transporte, Armazenagem, Gestão 
de Estoques e Informações.
Logística de Suprimentos
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
É a que garante a produção propriamente dita, 
sendo ela de bens ou serviços. Envolve as 
atividades de: Planejamento, Programação e 
Controle da Produção, Abastecimento das linhas 
e Movimentação no processo de produção.
Logística de Produção
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Envolve desde o recebimento do produto 
acabado, ou disponibilização da produção, até a 
distribuição para os canais de distribuição e/ ou 
consumidor final. 
Logística de Distribuição
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Como o próprio nome descreve, é responsável 
pelo fluxo reverso, seja do cliente para o início da 
cadeia. Para Stock (1998), logística reversa refere-
se ao papel da área no retorno de produtos, 
redução na fonte, reciclagem, substituição de 
materiais, reúso de materiais, disposição de 
resíduos, reforma, reparação e remanufatura.
Logística Reversa
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Integração Logística
Logística de 
Suprimentos
Logística de 
Produção
Logística de 
Distribuição
Logística 
Reversa
Logística Reversa e 
Logística Verde
Compreende o ciclo inverso da logística 
empresarial.
A logística reversa é realizada com o material 
residual do produto consumido.
Tem por finalidade recolher este material residual 
e dar nova vida útil ao produto.
Logística Reversa
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Ciclo da Logística Reversa
Preservação dos recursos naturais. 
Sustentabilidade.
Lei 12.305/2010 (Política Nacional dos Resíduos 
Sólidos).
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-
2010/2010/lei/l12305.htm
Recursos Naturais
Conjunto de atribuições individualizadas e 
encadeadas dos envolvidos, para minimizar o 
volume de resíduos sólidos e rejeitos gerados, 
bem como para reduzir os impactos causados à 
saúde humana e à qualidade ambiental 
decorrentes do ciclo de vida dos produtos, nos 
termos desta Lei. 
Lei 12.305, Art. 3º, XXVII.
Responsabilidade Compartilhada
Resíduo: qualquer material líquido, sólido ou 
gasoso que sobra de um processo de 
industrialização, beneficiamento ou consumo de 
produtos e serviços. Ex.: copos plásticos, aparas 
de papel, caixas, sobras de alumínio, sobras de 
madeira, pós de serra, etc.
Rejeito: Material não passível de tratamento ou 
recuperação, a única destinação 
possível são os lixos/aterros 
sanitários.
Resíduo x Rejeito
Logística reversa x Logística 
Verde.
A logística verde se 
fundamenta na seleção do 
melhor meio de transporte, 
ou no plano de entrega mais 
eficiente, que minimize de 
forma geral os impactos sobre 
o meio ambiente. 
Logística Verde
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Logística verde é uma forma de economia de 
recursos, evitando a geração do resíduo, ou do 
rejeito. Suas atividades incluem redução do 
consumo de energia nas atividades logísticas, 
redução de consumo de materiais, otimização do 
plano de entregas e a certificação ISO 14000. 
Moura (2006).
Logística Verde
Logística Verde \u2013 O caso Ambev
A frota da Ambev tem idade média de 3,7 
anos, contra 20 anos da média brasileira, o 
que gera uma queda significativa na emissão 
de CO2.
Logística e o Valor para o 
Cliente
Cadeia de Valor
Valor
Valor 
agregado
Cadeia 
de valor
Para o conjunto de processos que adicionam valor aos produtos e 
serviços de uma organização é dado o nome de cadeia de valor.
Cadeia de valor genérica
Atividades Operacionais
Atributos Ganhadores de Pedidos
Agilidade de 
entrega
Confiabilidade 
do prazo de 
entrega
Preço
Apoio pós-
entrega
Atributos Ganhadores de Pedidos
Disponibilidade dos produtos e 
serviços
Confiança e conhecimento da 
equipe de contato com o cliente
Comunicação
Atributos Ganhadores de Pedidos
Atributos
Rastreabilidade
Recuperação 
de falhas
Flexibilidade
Atributos Ganhadores de Pedidos
Entrega sem 
danos ao 
produto
Confiabilidade 
do produto 
correto
Confiabilidade 
da quantidade 
correta
Níveis de Serviços Logísticos
Valor para o Cliente
Envoltório 
do 
produto
Núcleo 
do 
Produto
Elementos tangíveis:
Qualidade.
Características do produto.
Tecnologia.
Durabilidade.
Elementos intangíveis:
Frequência do serviço de entrega.
Confiabilidade e consistência de 
entrega.
Ponto único de contato.
Facilidade de fazer negócio.
Apoio pós-vendas.
Dinâmica de nível de serviço logístico
Dinâmica
Sortimento 
de itens 
Pedidos de 
clientes
Tempo
Flexibilidade
Elementos de nível de serviço logístico
\u201cO nível de serviço é um importante elemento de 
satisfação do consumidor, dessa forma o cliente é 
influenciado pelos vários níveis de serviço logísticos 
oferecidos\u201d.
Ballou (2007).
Importância de Níveis de Serviço
G
o
o
gl
e 
Im
ag
en
s 
(2
0
1
8
).
Relação do Custo x receita
Segmentação de Clientes de Serviços Logísticos
Volume e/ou 
frequência de 
compras
Itens que 
compram
Parâmetros de 
serviço
Desafios Logísticos
Desafios Logísticos
Desafios Logísticos
Desafios Logísticos
Desafios Logísticos
Problematizando a Situação-Problema 4
Perguntas