A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
aula 01 OAB 2 Fase direito administrativo

Pré-visualização | Página 1 de 2

PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
www.pontodosconcursos.com.br 
Aula Demonstrativa 
 Prezado aluno, prezada aluna, 
 Daremos início, em breve, à preparação para a segunda fase do 
XIX Exame da OAB. 
 Assim, convidamos você a conhecer essa nova ferramenta de 
trabalho que o Ponto dos Concursos, experiente em aprovações em 
provas subjetivas da FGV, agora dispõe para você inovar a forma de 
pensar sua prova subjetiva e seguir mais seguro para o Exame de 
Ordem. 
 Você está convidado a ler esta aula demonstrativa para começar a 
compreender por que o Exame de Ordem reprova tantos candidatos, 
mesmo os mais hábeis e conhecedores dos conteúdos da prova, e por 
que há tantos recursos interpostos pelos candidatos contra a prova 
subjetiva e deferidos pela banca. 
O que haverá em nosso curso? 
1. As tradicionais orientações para a confecção de questões e de 
peças. 
2. Dicas sobre assuntos com maior probabilidade de serem cobrados 
em prova. 
3. Correção individual de duas questões e de duas peças, seguindo os 
moldes da FGV e alertando para as “manias” da banca. 
4. Aulas ao vivo, on-line, com professores para tirar dúvidas e para 
melhorar o desempenho textual. 
 
PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
5. Apoio gramatical e textual para quem tem dificuldade em elaborar 
textos e demonstra insegura linguística. 
Antes de seguir sua leitura, confira nossa agenda de trabalhos: 
AGENDA DAS AULAS EM PDF 
Aula/data Professor 
Aula 1 data a confirmar 
 
Profa. Tatiane Rocha 
Aula 2 data a confirmar Profa. Tatiane Rocha 
 
Aula 3 data a confirmar Profa. Tatiane Rocha 
 
Aula 4 data a confirmar Profa. Tatiane Rocha 
 
 
AGENDA DAS AULAS AO VIVO 
Aula/data Professor Assunto Reiteração 
das aulas 
Aula 1 
Data a confirmar 
 
 
Prof. Marco 
Antônio 
 
Português Jurídico 
Haverá 
repetição do 
conteúdo 
Aula 2 
Data a confirmar 
Profa. Tatiane 
Rocha 
Orientações para 
estudo. 
Haverá 
repetição do 
conteúdo 
 
 
 
PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
www.pontodosconcursos.com.br 
E POR QUE ESTUDAR COM OS PROFESSORES DO PONTO DOS 
CONCURSOS? 
1. Quebra de paradigma – modelo clássico de preparação a que se 
submete a maioria dos candidatos. 
A maioria dos cursos oferece uma preparação centrada 
basicamente no conteúdo das questões, na identificação das peças 
e do formato destas. Mas há aspectos de estruturação que são 
bastante importantes 
2. Exposição da verdade: quem, de fato, corrige sua prova na FGV; 
exposição da relação entre a realidade do que postula o 
Provimento 156/2013 e a prática das correções. 
3. Visão de prova diferenciada no mercado de preparatórios, já que o 
Ponto dos Concursos coleciona experiência exitosa, com notas 
altas e grande número de aprovados em provas subjetivas da FGV 
(vide concursos para tribunais de justiça, concursos para o Senado 
Federal etc.). 
4. Feedback do seu desempenho (retorno da correção dentro dos 
padrão típico das correções da banca). 
 Muitos cursos preparatórios para a OAB seguem o mesmo padrão: 
são feitos por professores que carregam consigo grande conhecimento 
jurídico. São juízes, procuradores, promotores etc. Não há nada de mal 
nisso, se, na prática, a correção das provas seguisse a realidade 
esperada pelo aluno. 
 Muitos candidatos, quando investidos em um processo seletivo ou 
em um exame para habilitação, por estarem imersos no sistema, não 
 
PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
conseguem racionar com clareza acerca do que parece ser um detalhe: 
quem de fato lê suas peças e questões? 
 90% dos candidatos que fazem a prova subjetiva pensam que suas 
provas são analisadas certamente por mestres e doutores, conforme 
consta no comunicado editalício da FGV e no provimento da OAB. 
 Na verdade, nem a FGV nem a OAB estão mentindo ou distorcendo 
acordos. O que há é uma má leitura, reiterada por alunos, cursos e 
professores, que faz com que a maioria simbolize um tipo de leitor que 
pode não estar do outro lado – nas correções. 
 Confiramos alguns trechos do edital e do Provimento 156 da OAB: 
Art. 8o. A Banca Examinadora da OAB será designada pelo 
Coordenador Nacional do Exame de Ordem. 
Parágrafo único. Compete à Banca Examinadora elaborar o Exame de 
Ordem ou atuar em conjunto com a pessoa jurídica contratada para a 
preparação, realização e correção das provas bem como homologar os 
respectivos gabaritos. 
Art. 10. Serão publicados os nomes daqueles que integram as Bancas 
Examinadora e Recursal designadas, bem como os dos coordenadores 
da pessoa jurídica contratada, mediante forma de divulgação definida 
pela Coordenação Nacional do Exame de Ordem. 
 Ora, compare os dois dispositivos do referido Provimento: no art.10 
consta que serão publicados os nomes dos que integram as bancas 
examinadoras e recursal. De fato, a FGV publicou esses nomes 
subsequentemente ao seguinte exposto: uma lista de “coordenadores” e 
outra lista de “professores avaliadores do banco de questões”. 
 
PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
www.pontodosconcursos.com.br 
 Veja que a palavra é “banco”, e não, banca. 
 Sabemos que tais palavras são designações muito diferentes uma 
da outra. Banco de questões é conjunto de questões. Sendo claros: a 
lista da FGV, embasada no art. 10, apresentou os nomes dos professores 
que selecionam e/ou avaliam a qualidade das questões que serão 
aplicadas no exame. 
 Isso quer dizer que a FGV burlou a regra do art.10? Não. De fato, 
ela não burlou, porque, além de estar na letra do art.10, o art.8o da 
referida norma chancela o direito de a banca a trabalhar dessa forma, já 
que expõe que a banca examinadora (a da OAB) elabora o exame ou 
atua em conjunto com a pessoa jurídica contratada para a preparação, 
realização e correção das provas. 
 Visto isso, comece a refletir sobre esse processo todo. Note que a 
FGV, contratada para cuidar do exame de ordem, possui livre arbítrio 
para contratar seus corretores de provas. Isso significa que não há 
necessariamente uma relação direta entre os nomes publicados no 
comunicado da FGV e reais corretores. 
 O problema é que essa má leitura, como dissemos, é reiterada por 
candidatos, professores e cursos preparatórios, presos ao paradigma da 
área jurídica. E, é, por isso, que agora começa a “acender uma luz” que 
leva você a compreender alguns porquês inauditos sobre o exame de 
ordem: 
1. Por que se reprovam tantos candidatos? 
Segundo dados da própria FGV, em cada 10 advogados, 9 são 
reprovados no exame de ordem. Isso é reprovação em massa. 
 
PREPARAÇÃO PARA A SEGUNDA FASE DA OAB 
 (com correção individual de questões e peças) 
Aula Demonstrativa 
Profs. Tatiane Rocha e Marco Antônio 
 
2. Por que há tantos recursos deferidos depois da prova subjetiva? 
Logicamente poderia haver mais deferimentos, até porque muitos 
candidatos não concordam com a forma como foram feitas as 
correções, mas a OAB já atingiu os milhares de provimentos de 
recursos. Isso é admissão de correção falha, pouco especializada.