Plano de Estagio 1 CRAS UNOPAR
11 pág.

Plano de Estagio 1 CRAS UNOPAR


DisciplinaServiço Social30.896 materiais117.973 seguidores
Pré-visualização2 páginas
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL
PRODUÇÃO TEXTUAL AVALIATIVA DO ESTAGIO EM SERVICO SOCIAL I
LAUREN AVILA DE MOURA
CARACTERIZAÇÃO SOCIO INSTITUCIONAL 
 Santa Vitória do Palmar
 2018
LAUREN AVILA DE MOURA
PRODUÇÃO TEXTUAL AVALIATIVA DO ESTAGIO EM SERVICO SOCIAL I
CARACTERIZAÇÃO SOCIO INSTITUCIONAL 
Trabalho apresentado ao curso de Serviço Social da Universidade do Norte do Paraná- Unopar pertinente ao estagio curricular obrigatório I, cursado como Dependência Especial do 7o semestre.
	
 Santa Vitória do Palmar
 2018
RESUMO
 O estagio curricular I de Serviço Social, supervisionado pela assistente social do CRAS é de grande importância, pois permite ao aluno- estagiário ter uma visão da realidade que é estudada durante o curso.
 Os métodos aplicados, a forma de atendimento e acolhimento, as visitas domiciliares e o contato direto com as questões reais das pessoas, além de estar dentro da instituição conhecendo o trabalho na prática, faz com que o acadêmico adquira grande conhecimento que levará para a vida profissional.
Palavra- chave: estágio, Serviço Social
ABSTRACT
 The Social Work curriculum internship I, supervised by the social worker of the CRAS is of great importance, as it allows the trainee student to have a vision of the reality that is studied during the course.      
 The applied methods, the form of care and welcome, the home visits and the direct contact with the real issues of the people, besides being within the institution knowing the work in practice, causes the academic to acquire great knowledge that will lead to life professional.
 Keyword: Internship, Social Work
SUMARIO
1 INTRODUÇÃO..........................................................................................................5
2 CONTEXTUALIZAÇÃO HISTÓRICA DA INSTITUIÇÃO.........................................6
2.1 IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO......................................................................6
2.2 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL........................................................................6
3 OBJETIVO INSTITUCIONAL....................................................................................7
3.1 NATUREZA DE PROGRAMAS E PROJETOS......................................................7
3.2 RECURSOS FINANCEIROS..................................................................................7
4 AMBITO INSTITUCIONAL.......................................................................................8
4.1 CARACTERIZAÇÃO DA POPULAÇÃO.................................................................8
4.2 PROCESSO DECISORIO......................................................................................8
4.3 SERVIÇO SOCIAL NA INSTITUIÇÃO...................................................................8
4.4 COTIDIANO DO EXERCICIO PROFISSIONAL....................................................8
5 CONCLUSÃO.........................................................................................................10
REFERENCIAS..........................................................................................................11
1 INTRODUÇÃO
 O Centro de Referencia de Assistência Social- CRAS é uma ferramenta desenvolvida pelo governo brasileiro com o intuito de tornar acessíveis os serviços de proteção social, que vão de assistência financeira ao planejamento familiar.
 O presente trabalho tem como objetivo permitir ao aluno-estagiário conhecer o cotidiano e a realidade do campo onde está estagiando. Possibilita ter uma visão prática, junto com o assistente social e os demais profissionais que compõem a equipe, das questões que são estudadas no decorrer do curso.
 A observação, nesse primeiro estágio é de grande importância na formação do profissional em Serviço Social, pois concede o contato direto e conhecimento na área de atuação.
2 CONTEXTUALIZAÇÃO HISTÓRICA DA INSTITUIÇÃO
2.1Indetificação da Instituição
 O CRAS- Centro de Referencia de Assistência Social é uma unidade publica descentralizada da politica de assistência social, responsável pela proteção social básica nas áreas de risco social no município, ou seja, onde abrange mais casos de relações sociais, servindo para as famílias como porta de entrada para o acesso aos direitos sócios assistenciais.
 É um serviço oferecido pelo sistema governamental para famílias necessitadas para que possam ter no mínimo uma vida mais adequada. Tem um plano de trabalho que, oferecendo medidas qualificadas e profissionais responsáveis, não precisa, necessariamente, ser pelo MDS- Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.
 A instituição de localiza no centro de maior vulnerabilidade, com o objetivo de prevenir situações de risco, fortalecer vínculos familiares desenvolvendo um atendimento de qualidade. 
 No entanto, a pessoa mais qualificada na instituição deve ser o coordenador do CRAS. Ele precisa ter boa comunicação, capacidade de gestão, participar de reuniões, ter controle da situação, ter nível superior e experiência na área de realização de projetos com famílias e crianças. 
 Além disso, o conhecimento da legislação é fundamental para a equipe. A Constituição de 1988, Estatuto da Criança e Adolescente- ECA (1990), Lei Orgânica do Assistente Social- LOAS (1993), Estatuto do Idoso, por exemplo, são instrumentos fundamentais para o trabalho dos profissionais do CRAS.
2.2 Estrutura Organizacional
 O Centro de Referencia de Assistência Social, localizado na Rua Gustavo Adolfo Farias no 418 no bairro Jacinto, Santa Vitoria do Palmar-RS, oferece um lugar amplo com recepção, sala de atendimento, sala para atividades, banheiros, sala administrativa e acessibilidade para pessoas idosas e portadoras de deficiência. Um ambiente que possibilita que as pessoas se sintam acolhidas de forma agradável.
 Hoje o CRAS é composto por coordenador, assistente social, psicólogo, agente social, artesão, monitor de percussão e monitor de recreação e pertence à Prefeitura Municipal de Santa Vitoria do Palmar. Assim, fica responsável por essa instituição a Secretaria da Assistência Social, dirigida por Tailerise Bacelo, que junto com sua equipe tem a função de articular as ações junto à politica de Assistência Social.
 A instituição atende famílias com problemas de envolvimento com álcool, drogas, depressão, encaminhamentos do Conselho Tutelar para inserção de crianças nas atividades de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos- SCFV, adolescentes em cumprimento de pena socioeducativa encaminhados pelo Poder Judiciário, e demais crianças, jovens, adultos, idosos e gestantes que necessitem de atendimento.
 A unidade possui uma equipe de trabalhadores da politica de assistência social que é responsável pelo projeto PAIF- Programa de Atenção Integral às Famílias. Realizam visitas domiciliares, entrevistas familiares, palestras para a comunidade, campanhas sócio educativas, fortalecimento de grupos sociais. Deve-se deixar claro, CRAS é a instituição e PAIF é um projeto que faz parte dessa instituição.
 Através do Cadastro Único, programa social do Governo Federal que contem informações de famílias de extrema pobreza, que permite aos cadastrados ingressarem nos programas sociais, como Bolsa Família.
 Essas e outras ações oferecidas pelo CRAS mobilizam as pessoas, fortalece vínculos familiares e com a escola, permite a inclusão em programas, além de contribuir para garantia de direitos e inclusão social.
3 OBJETIVO INSTITUCIONAL
3.1 Natureza de Programas e Projetos
 O CRAS tem a finalidade de trabalhar como grupo de apoio junto com as famílias através de atividades como artesanatos