A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Apol Sociedade Brasileira Contemporânea

Pré-visualização | Página 1 de 2

Questão 1/5 - Sociedade Brasileira Contemporânea
Leia o seguinte excerto de texto: 
“Aparentemente, a LOPP [Lei Orgânica dos Partidos Políticos] de 1979 significava um avanço na democratização do sistema político-eleitoral brasileiro, ao liberar a formação dos partidos políticos. Porém, ela expressou a tentativa calculada do governo de fragmentar e enfraquecer a frente de oposição unificada no MDB [...]. Da oposição [...], Leonel Brizola [...] deu origem ao [...] [Partido Democrático Trabalhista] (PDT) [...]. Em 1980, surgiu ainda o [...] [Partido dos Trabalhadores] (PT)”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: BAPTISTA, L. Entre a ilegalidade e a luta institucional: A atuação do PCB no Espírito Santo no contexto de abertura política (1978-1985). Dissertação de Mestrado em História. Centro de Ciências Humanas e Naturais, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2016. p. 167. 
Considerando essas informações e de acordo com os conteúdos do livro-base Sociedade brasileira contemporânea sobre o processo de abertura da ditadura civil e militar, marque a alternativa correta:
	A	Apesar da tentativa de manter o controle sobre a abertura política, a Aliança Renovadora Nacional (Arena) não conseguiu criar um novo partido para seus aliados devido ao desgaste do regime.
	B	A Lei Orgânica dos Partidos de 1979 foi mais um passo na lenta e controlada abertura política, em que os apoiadores do regime estiveram abrigados no novo Partido Democrático Social (PDS).
	C	Além de caminhar para a abertura política, estudiosos dizem que a LOPP serviu para enfraquecer o Movimento Democrático Brasileiro (MDB), que se dividiu em diversos partidos e deixou de existir.
	D	Durante a criação de novos partidos, houve a reedição do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), e o fato de Brizola criar o Partido Democrático Trabalhista (PDT) mostrava seu rompimento político com o seu legado trabalhista histórico.
	E	O PT, também conhecido como Partido Trabalhista, foi o herdeiro natural do legado de Vargas, João Goulart e Juscelino Kubitschek.
Questão 2/5 - Sociedade Brasileira Contemporânea
Atente para o seguinte trecho de texto:
“Em abril de 1974, o regime militar completava dez anos, com poucas ameaças no horizonte. Um simulacro de democracia era mantido, com eleições diretas apenas para deputados, senadores, vereadores e parte dos prefeitos [...]. O ano de 74 terminaria, porém, em desastre para o governo. Nas eleições [...], o MDB [...], partido da ‘oposição consentida’, se recuperou espetacularmente, elegendo 16 senadores, das 22 vagas”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: BRASIL. Senado 74: A eleição que abalou a ditadura.
 <https://www12.senado.leg.br/jornal/edicoes/especiais/2014/11/19/jornal.pdf>. Acesso em 14 jan. 2018. 
Considerando essas informações e conforme os conteúdos do livro-base Sociedade brasileira contemporânea sobre a distensão do regime militar, analise as seguintes proposições:
I. Apesar de Geisel anunciar uma abertura política “lenta, gradual e segura”, a vitória do MDB em 1974, partido de oposição que a ditadura consentia, acabou por apressar o processo de redemocratização.
PORQUE
II. A ditadura civil e militar buscou manter o controle da abertura política e assim garantir uma transição sem revanchismos e punições para os militares que fizeram parte do regime. 
A respeito dessas asserções, assinale a alternativa correta:
	A	As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da primeira.
	B	As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da primeira.
	C	A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
	D	A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
	E	As asserções I e II são proposições falsas.
Questão 3/5 - Sociedade Brasileira Contemporânea
Examine o seguinte fragmento de uma notícia: 
“Foi julgado [...] o caso do cancelamento do registro do PCB [Partido Comunista Brasileiro] [...]. O julgamento despertou [...] interesse [...] nos países continentais, que estavam em busca de uma orientação, que se uniformizará [...]. O Judiciário iria dispor [...] se o partido [...] chocava-se com normas [...] do regime democrático [...]. [O] PCB [...] não poderá funcionar nem difundir a [...] doutrina cosmopolita, de que se faz ardoroso intérprete”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: As Comunismo e democracia, Jornal do Brasil, 8 de maio de 1947. <https://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC&dat=19470508&printsec=frontpage&hl=pt-BR>. Acesso em 2 jan. 2018. 
Considerando essas informações e conforme os conteúdos do livro-base Sociedade brasileira contemporânea sobre a democratização do Brasil após o Estado Novo, é correto afirmar que:
	A	O fragmento da notícia acima mostra os limites da redemocratização do período após 1945, os quais forma impostos, também, pela nova configuração geopolítica mundial caracterizada pela Guerra Fria.
	B	A cassação do registro do PCB aconteceu pelo apoio que o partido havia dado a Getúlio Vargas no movimento Queremista, ligando-o ao Estado Novo.
	C	O PCB foi posto na ilegalidade, o que não representou grande alteração no cenário político, devido ao seu tamanho ínfimo e nenhum representante parlamentar.
	D	O trecho “despertou [...] interesse [...] nos países continentais, que estavam em busca de uma orientação, que se uniformizará” mostra o alinhamento da América do Sul com a União Soviética no cenário de Guerra Fria.
	E	O trecho “não poderá [...] difundir a [...] doutrina cosmopolita” refere-se ao comunismo, que se caracteriza pelo nacionalismo e, por isso, é também chamado de cosmopolita.
Questão 4/5 - Sociedade Brasileira Contemporânea
Analise o seguinte excerto de texto: 
“A bossa nova foi um movimento musical que surgiu no Rio em 1958 [...]. [O] momento era de mudança [...]. No governo JK [Juscelino Kubitschek], o país viveu a euforia desenvolvimentista, de crescimento espetacular (10% ao ano), de consumo desenfreado, e novos produtos das multinacionais invadiram nosso mercado. O automóvel era o símbolo de um ‘governo bossa nova’”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: DINIZ, A. e CUNHA, D. A república cantada: Do choro ao funk a história do Brasil através da música. Rio de Janeiro: Zahar, 2014. e-book. 
Considerando essas informações e de acordo com os conteúdos do livro-base Sociedade brasileira contemporânea sobre o governo de Juscelino Kubitschek, marque a alternativa correta:
	A	O apelido de “presidente bossa nova” dado a JK refere-se aos incentivos culturais que o Plano de Metas garantiu, ajudando a explodir a bossa nova no Brasil. 
	B	A frase “O automóvel era o símbolo de um ‘governo bossa nova’” refere-se à inflação que consumia a classe média, impedindo-a de alcançar o sonho de ter um carro.
	C	A euforia com sucesso inicial do Plano de Metas coincidiu com o estouro da bossa nova, fazendo com que JK recebesse o apelido de “presidente bossa nova”.
	D	O governo de JK garantiu crescimento econômico e controle da inflação, impedindo que as classes trabalhadoras fossem oneradas e por isso recebeu o apelido de “presidente bossa nova”.
	E	JK recebeu o apelido de “presidente bossa nova” devido à sua simpatia e ao seu carisma, mesmo tendo a inflação impedido o sucesso de sua política desenvolvimentista.
Questão 5/5 - Sociedade Brasileira Contemporânea
Atente para o trecho o texto a seguir: 
“Em artigo publicado na Tribuna da Imprensa [...], Carlos Lacerda propôs uma série de medidas [...]. Entre elas incluíam-se a instituição do parlamentarismo, cabendo a um chefe militar ocupar o primeiro gabinete, o adiamento das eleições presidenciais para ao menos 1º de janeiro de 1956, a dissolução do Congresso e a convocação, em fevereiro de 1956, de uma assembleia constituinte que votaria a nova Constituição”. 
Após

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.