EXERÍCIO DE DEMONSTRAÇÕES E ICMS
9 pág.

EXERÍCIO DE DEMONSTRAÇÕES E ICMS


DisciplinaContabilidade e Gestão Tributária II1.428 materiais9.393 seguidores
Pré-visualização3 páginas
FACULDADE ESTÁCIO
DISCIPLINA: CONTABILIDADE E GESTÃO TRIBUTÁRIA II
PROFESSORA BRASILIANA SULAMITA
EXERCÍCIO DE APRENDIZAGEM
1. Uma empresa comercial apresentou, em 31-12- XA, antes do encerramento das contas de resultado, os seguintes saldos:
	
	$ (000)
	Vendas canceladas de mercadorias
	 2.000
	Receitas Brutas com Vendas de Mercadorias, incluindo ICMS
	22.000
	Abatimentos Incondicionais sobre Vendas de Mercadorias
	 1.000
	ICMS sobre Vendas de Mercadorias
	 3.000
	Outros Impostos sobre Vendas de Mercadorias	
	 1.500
	Custo dos Produtos ou Mercadorias Vendidos	
	11.500
	Variações Monetárias Ativas	
	 700
	Receitas Financeiras	
	 800
	Despesas Financeiras	
	 500
Considerando os saldos acima, o Lucro Bruto corresponde a:
a) $ 3.500; b) $ 3.000; c) $ 4.000; d)$ 2.000; e)$ 5.000
2. Uma empresa comercial e prestadora de serviços apresentou, em 31-12-XA, antes do encerramento das contas de resultado, os seguintes saldos:
	
	$ (000)
	Receitas Brutas com a Prestação de Serviços
	15.000
	Vendas Canceladas de Mercadorias
	2.000
	Receitas Brutas com Vendas de Mercadorias, incluindo ICMS
	45.000
	Abatimentos Incondicionais sobre Vendas de Mercadorias
	1.000
	ICMS sobre Vendas de Mercadorias
	5.000
	Outros Impostos sobre Vendas de Mercadorias
	1.500
	Imposto sobre Serviços
	500
	Custo dos Produtos ou Mercadorias Vendidos
	11.500
	Variações Monetárias Ativas
	700
	Receitas Financeiras
	800
	Despesas com Comissões de Vendas
	900
	Despesas Financeiras
	500
	Custo dos Serviços Prestados
	6000
Considerando os saldos acima, o Lucro Bruto foi de:
	 
a) $ 30.000; b)$ 35.000; c) $ 32.500; d) $ 31.000; e) $ 34.000.
3. A Lei no 6.404/76 \u2013 Lei das Sociedades Anônimas \u2013, atualizada pela Lei no 11.638/07, estabelece que o exercício social devera\u301 ter a duração de um ano e devera\u301 constar no estatuto a data do:
a) ini\u301cio do exerci\u301cio social; 
b) ini\u301cio e do te\u301rmino do exerci\u301cio social; 
c) ini\u301cio do ano civil; 
d) ini\u301cio e do te\u301rmino do ano civil; 
e) te\u301rmino do exerci\u301cio social.
4. De acordo com as determinac\u327o\u303es da Lei no 6.404/76, com a redação dada pelas Leis nos 9.457/97, no 10.303/01 e no 11.638/07, os direitos que tenham por objeto bens incorpo\u301reos destinados a\u300 manutenc\u327a\u303o da companhia ou exercidos com essa finalidade, inclusive o fundo de come\u301rcio adquirido, devem ser classificados no:
a) Ativo Circulante; 
b) Ativo Realiza\u301vel a Longo Prazo; 
c) Intangi\u301vel; 
d) Ativo Imobilizado; 
e) Diferido.
5. A Lei no 11.638, sancionada em 28-12-2007, alterou dispositivos relativos a\u300 elaborac\u327a\u303o e divulgac\u327a\u303o das demonstrac\u327o\u303es financeiras. A principal alterac\u327a\u303o em relac\u327a\u303o a\u300s disposic\u327o\u303es para a elaborac\u327a\u303o das demonstrac\u327o\u303es financeiras foi a:
a) obrigatoriedade da elaborac\u327a\u303o da demonstrac\u327a\u303o do valor adicionado para todas as companhias e sociedades limitadas;
b) liberac\u327a\u303o da exige\u302ncia de elaborac\u327a\u303o da demonstrac\u327a\u303o das origens e aplicac\u327o\u303es de recursos, passando a ser exigida a demonstrac\u327a\u303o dos fluxos de caixa e, em caso de companhia aberta, a demonstrac\u327a\u303o do valor adicionado;
c) decisa\u303o pela na\u303o obrigatoriedade da elaborac\u327a\u303o das demonstrac\u327o\u303es do fluxo de caixa, sendo exigida, em caso de companhia aberta, a elaborac\u327a\u303o da demonstrac\u327a\u303o das origens e aplicac\u327o\u303es de recursos;
d) liberac\u327a\u303o da exige\u302ncia de elaborac\u327a\u303o das mutac\u327o\u303es do patrimo\u302nio liquido, sendo subs- titui\u301da pela demonstrac\u327a\u303o dos fluxos de caixa e pela demonstrac\u327a\u303o do valor adicionado;
e) obrigatoriedade de elaborac\u327a\u303o das demonstrac\u327o\u303es dos fluxos de caixa e do valor adicio- nado, facultando a\u300 companhia a elaborac\u327a\u303o da demonstrac\u327a\u303o dos lucros ou prejuízos acumulados.
6. A Companhia Delta, no encerramento do exerci\u301cio de 2011, obteve as seguintes informac\u327o\u303es, conforme segue: Valores em $
\u2022 Capital Social 1.000.000,00
\u2022 Financiamentos 50.000,00
\u2022 Lucro Antes do Imposto de Renda 300.000,00
\u2022 Prejui\u301zos Acumulados 70.000,00
\u2022 Provisa\u303o para Imposto de Renda e Contribuic\u327a\u303o Social sobre o Lucro Li\u301quido 90.000,00
Estatutariamente as participac\u327o\u303es no resultado sa\u303o: empregados 10%; administradores 10%. Assinale o valor do Lucro Li\u301quido do Exerci\u301cio.
Lucro Líquido do Exercício Valores em $: 
a) 183.400,00; b) 170.100,00; c) 168.000,00; d) 153.000,00; e) 150.000,00.
Respostas:
Lucro Antes do Imposto de Renda ............300.000,00
Provisão para IR e CSLL ..........................(90.000,00)
Lucro do Exercício ................................. 210.000
Participações
empregados 10%................................... (21.000)
= .................................................. ......189.000
administradores 10% ...............................(18.900)
=Lucro Líquido ........................................170.100
7. Pode-se afirmar sobre os cre\u301ditos escriturais do imposto sobre circulac\u327a\u303o de mercadoria e ser- vic\u327os (ICMS) que:
a) na\u303o incide correc\u327a\u303o moneta\u301ria apenas nos casos em que a escriturac\u327a\u303o ocorrer dentro do prazo;
b) incide correc\u327a\u303o moneta\u301ria, conforme o princi\u301pio constitucional da isonomia, se a escriturac\u327a\u303o ocorrer fora do prazo da apurac\u327a\u303o mensal;
c) os contribuintes do ICMS te\u302m direito a corrigi-los monetariamente, quando a escritura- c\u327a\u303o for efetuada de acordo com os crite\u301rios fixados no RICMS;
d) para fins de apropriac\u327a\u303o do cre\u301dito do ICMS, a escriturac\u327a\u303o deve ser efetuada pelo valor nominal, o que significa dizer pelo valor destacado no documento fiscal, na\u303o sendo admitida a atualizac\u327a\u303o do referido valor;
e) e\u301 permitida a correc\u327a\u303o moneta\u301ria, nos casos em que o contribuinte apurar saldos credores por mais de tre\u302s meses.
8. Assinale a afirmativa falsa, com relac\u327a\u303o a\u300s disposic\u327o\u303es do Co\u301digo Tributa\u301rio Nacional (CTN) com relac\u327a\u303o ao ICMS:
a) o ICMS incide tambe\u301m no fornecimento de mercadorias com prestac\u327a\u303o de servic\u327os na\u303o compreendidos na compete\u302ncia tributa\u301ria dos Munici\u301pios;
b) o ICMS e\u301 um imposto na\u303o cumulativo, o que significa que o contribuinte podera\u301 se creditar do montante do ICMS pago no momento da aquisic\u327a\u303o das mercadorias que sera\u303o tributadas nas operac\u327o\u303es de vendas;
c) na\u303o incide ICMS sobre o fornecimento de mercadorias com prestac\u327a\u303o de servic\u327os su- jeitos ao imposto sobre servic\u327os, de compete\u302ncia dos Munici\u301pios, quando a lei comple- mentar aplica\u301vel expressamente o sujeitar a\u300 incide\u302ncia do imposto estadual;
d) o ICMS incide tambe\u301m sobre a entrada de mercadoria ou bem importados do exterior, por pessoa fi\u301sica ou juri\u301dica, ainda que na\u303o seja contribuinte habitual do imposto, qual- quer que seja a sua finalidade;
e) compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir o imposto sobre operac\u327o\u303es relativas a\u300 circulac\u327a\u303o de mercadorias e sobre prestac\u327o\u303es de servic\u327os de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicac\u327a\u303o, ainda que as operac\u327o\u303es e as prestac\u327o\u303es se iniciem no exterior.
9. Um lanc\u327amento conta\u301bil feito corretamente na conta ICMS a Recuperar pode registrar apropriac\u327a\u303o de ICMS incidente sobre mercadorias:
a) vendidas a revendedores;
b) adquiridas para posterior revenda;
c) recebidas para industrializac\u327a\u303o;
d) adquiridas para consumo do escrito\u301rio admi- nistrativo;
e) enviadas para demonstrac\u327a\u303o.
10. O ICMS e\u301 regulamentado, em suas normas gerais, pela Lei Complementar no 87/96 e pelos Conve\u302nios firmados entre os diversos Estados. Com relac\u327a\u303o a\u300 incide\u302ncia deste imposto, assinale a alternativa falsa:
a) fornecimento de mercadorias com prestac\u327a\u303o de servic\u327os, mesmo que compreendidos na compete\u302ncia tributa\u301ria dos Munici\u301pios;
b) prestac\u327o\u303es de servic\u327os de transporte interestadual e intermunicipal, por qualquer via, de pessoas, bens, mercadorias ou valores;
c) prestac\u327o\u303es onerosas de servic\u327os de comunicac\u327a\u303o, por qualquer meio, inclusive a gera- c\u327a\u303o, a emissa\u303o, a recepc\u327a\u303o, a transmissa\u303o, a retransmissa\u303o,