Noções de administração farmácia hospitalar
28 pág.

Noções de administração farmácia hospitalar


DisciplinaAdministração Hospitalar83 materiais1.099 seguidores
Pré-visualização1 página
Noções de 
Administração 
Hospitalar
Prof(a): Danielle Rocha
Recife \u2013 PE
UNIBRAUNIBRA
CURSO DE FARMÁCIACURSO DE FARMÁCIA
DISCIPLINA DE ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA DE ADMINISTRAÇÃO 
FARMACÊUTICAFARMACÊUTICA
\uf09e Todos os estabelecimentos com pelo menos 
cinco leitos para a internação de pacientes que 
garantam um atendimento básico de diagnóstico 
e tratamento, com equipe clínica organizada e 
com prova de admissão e assistência 
permanente prestada por médicos.
\uf09e Prática\u2192 organizações mais complexas do setor 
Saúde.
OMS, 2011
HOSPITAL
Hospital é parte integrante de uma organização 
médica e social, cuja função básica consiste em 
proporcionar a população assistência médica 
sanitária completa, tanto curativa como preventiva 
sob qualquer regime de atendimento
\uf0a7 Serviço domiciliar
\uf0a7 Centro de Educação
\uf0a7 Capacitação de Recursos Humanos
\uf0a7 Pesquisas em Saúde
\uf0a7 Encaminhamento de Pacientes
\uf0a7 Supervisão e Orientação de 
serviços de saúde a ele vinculado
\uf09e Preventiva
\uf09e Educativa \u2013 prática da saúde pública
\uf09e Pesquisa
\uf09e Reabilitação
\uf09e Curativa
CLASSIFICAÇÃO DOS HOSPITAIS
Geral Especializado
TIPOS DE HOSPITAIS
Quanto à 
Administração: 
Público ou Particular 
(Privado)
Quanto à Estrutura Física: 
Pavilhonar , monobloco, 
multibloco, horizontal e 
vertical
Quanto ao Porte: Pequeno, 
médio, grande e porte 
especial ou extra
Quanto ao Corpo Clínico: 
Aberto e Fechado
Quanto ao Tempo de 
Permanência: Longa e Curta
Quanto à 
Manutenção: 
Municipal, Estadual, 
Federal, Filantrópico
Quanto a estrutura física ....
Hospital Monobloco Hospital Multibloco
Hospital Horizontal Hospital Vertical
Quanto ao porte....
\uf0d8 Hospital de Pequeno Porte: Com capacidade para até 
50 leitos
\uf0d8 Hospital de Médio Porte: De 51 a 150 Leitos
\uf0d8 Hospital de Grande Porte: 151 a 500 Leitos
\uf0d8 Hospital de Porte Especial ou Extra: Superior a 500 
Leitos
 
-Aurélio(do lat. Gestione) = Ato de gerir; 
gerência, administração
PERFIL DA ADMINISTRAÇÃO 
HOSPITALAR
Recursos Financeiros Recursos Humanos
Recursos MateriaisRecursos MateriaisRecursos Materiais
- Legal
 - Ética
- Política
- Financeira
- Administrativa
- Operacional
Esferas de abrangência
\uf09e Conselho diretor / diretor 
\u203a Responsável pelo hospital
\u203a Aprovar planos
\u203a Estabelecer metas e objetivos (indicadores)
\u203a Exercer liderança
\uf09e Corpo clínico
\uf09e Departamento de enfermagem
\uf09e Almoxarifado
\uf09e Serviço de nutrição e dietética
\uf09e Laboratórios
\uf09e Central de material esterilizado
\uf09e Banco de sangue
\uf09e Compras/Faturamento
\uf09e Diagnóstico por imagem
\uf09e Patologia
\uf09e Unidade técnico administrativa que reúne o 2º 
insumo mais caro do hospital
\uf09e 20% dos custos (Medicamento e MMH)
\uf09e Como gerir? \u2013 compra, armazenagem e 
preparação
\uf09e Controle de RAMs e PRMs
Segundo Drucker (2002), existem 3 tarefas de igual 
importância que as instituições devem cuidar para 
que se tornem capazes de funcionar e de dar a sua 
contribuição para a sociedade, em todos os níveis:
1. Atingir a finalidade e a 
missão específicas da 
instituição.
2. Tornar o trabalho produtivo e 
transformá-lo em realizador.
3. Administrar os impactos e as 
responsabilidades sociais 
(sustentabilidade).
FARMÁCIA 
HOSPITALAR
FARMÁCIA HOPITALAR
Unidade técnico-científica e administrativa, dirigida por um 
farmacêutico, ligada funcional e hierarquicamente a todas 
as atividades hospitalares ( Resolução CFF nº492/08)
FARMÁCIA HOSPITALAR
Unidade de abrangência assistencial, técnico-
científica e administrativa, em que se desenvolvem 
atividades relacionadas à produção, armazenamento, 
controle, dispensação e distribuição de 
medicamentos e materiais médico-hospitalares
FARMÁCIA HOPITALAR
\uf0d8 Resolução CFF nº492/08
FARMÁCIA 
HOSPITALAR
FARMACOTÉCNICA CENTRAL DE 
NUTRIÇÃO 
PARENTERAL
CENTRAL DE 
MANIPULAÇÃO DE 
ANTINEOPLÁSICOS
CENTRAL DE 
ABASTECIMENTO 
FARMACÊUTICO 
(CAF) 
FARMÁCIA CLÍNICA
CENTRAL DE 
MANIPULAÇÃO DE 
NÃO ESTÉREIS
GERENCIAR UMA FARMÁCIA 
HOSPITALAR É....
\uf0d8\u201cA gestão de uma farmácia é algo de grande 
importância, e requer domínio dos 
mecanismos de gerenciamento de estoque e 
conhecimentos técnicos não apenas sobre 
medicamentos, mas também dos produtos 
para a saúde\u201d (Revista do Farmacêutico/ CRF-
SP, 2012);
PAPEL DO FARMACÊUTICO 
HOSPITALAR É....
\uf0d8 Controlar a aquisição, produção e qualidade dos 
medicamentos utilizados no hospital;
\uf0d8 Atuar em comissão internas como Comissão de 
Farmácia e Terapêutica (CFT), Comissão de Controle de 
Infecção Hospitalar (CCIH), Terapia Nutricional, Terapia 
Antineoplásica;
\uf0d8 Interagir com o prescritor e promover a prescrição e o 
uso racional de medicamentos;
\uf0d8 Participar de atividades de educação continuada 
fornecendo informações sobre medicamentos;
PAPEL DO FARMACÊUTICO 
HOSPITALAR É....
\uf0d8 Participar de estudos e pesquisas clínicas;
\uf0d8 Acessar prontuários médicos dos pacientes, 
acompanhando, influenciando e monitorando a 
farmacoterapia do paciente, identificando e anotando 
reações adversas aos medicamentos;
\uf0d8 Realizar atividades de farmacovigilância
PORTARIA Nº 4.283, DE 
30 DE DEZEMBRO DE 
2010
\u201cAprova as diretrizes e estratégias para 
organização, fortalecimento e 
aprimoramento das ações e serviços de 
farmácia no âmbito dos hospitais\u201d
Farmacêutico
PORTARIA Nº 4.283, DE 30 DE 
DEZEMBRO DE 2010
DESENVOLVIMENTO DE AÇÕES INSERIDAS NA 
ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE
\uf0d8 GERENCIAMENTO DE TECNOLOGIAS;
\uf0d8 DISTRIBUIÇÃO E DISPENSAÇÃO;
\uf0d8 MANIPULAÇÃO;
\uf0d8 CUIDADO AO PACIENTE;
\uf0d8 GESTÃO DA INFORMAÇÃO, INFRAESTRUTURA FÍSICA E 
TECNOLÓGICA;
\uf0d8 RECURSOS HUMANOS
Noções de 
Administração 
Hospitalar
Obrigada
UNIBRAUNIBRA
CURSO DE FARMÁCIACURSO DE FARMÁCIA
DISCIPLINA DE ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA DE ADMINISTRAÇÃO 
FARMACÊUTICAFARMACÊUTICA
	Slide 1
	Slide 2
	Slide 3
	Slide 4
	Slide 5
	Slide 6
	Slide 7
	Slide 8
	Slide 9
	Slide 10
	Slide 11
	Slide 12
	Slide 13
	Slide 14
	Slide 15
	Slide 16
	Slide 17
	Slide 18
	Slide 19
	Slide 20
	Slide 21
	Slide 22
	Slide 23
	Slide 24
	Slide 25
	Slide 26
	Slide 27
	Slide 28