trabalho de espaço não escolares  e gestão educacional
13 pág.

trabalho de espaço não escolares e gestão educacional


DisciplinaGestão Educacional3.125 materiais11.016 seguidores
Pré-visualização2 páginas
CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER
DANIELE AMÉRICO \u2013 RU: 1137704
PORTFÓLIO \u2013 PESQUISA E PRÁTICA PROFISSIONAL- ESPAÇO NÃO ESCOLARES
JACAREZINHO
2015
CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER
 DANIELE AMÉRICO \u2013 RU: 1137704
PORTFÓLIO \u2013PESQUISA E PRÁTICA PROFISSIONAL- ESPAÇO NÃO ESCOLARES
Portfólio \u2013 UTA Gestão educacional \u2013 fase II. Pesquisa e Prática Profissional- Espaço não Escolares
Curso de Pedagogia.
Tutora: Maria Fernanda Ferreira Gonçalves Silva
JACAREZINHO	
2015
Introdução
 A formação do Pedagogo é foco da presente pesquisa, na qual se procura investigar e produzir conhecimentos sobre a atuação do mesmo em espaços educacionais não escolares. As transformações na sociedade contemporânea contribuíram para consolidar o entendimento da educação.
 Com as novas possibilidades de atuação dos profissionais da educação - nas organizações não-governamentais, nos meios de comunicação, nos sindicatos e nos vários espaços que têm sido abertos no setor de serviços - foram trazidas para o campo de trabalho da Pedagogia, para atender as demandas sociais, assim surge a atuação do pedagogo em diferentes ambiente educacionais localizados fora da escola.
 Para o pedagogo exercer sua função de forma satisfatória, é preciso trabalhar de maneira determinada, para que possa identificar a realidade e os problemas solucionando de forma favorável. Nesse sentido o pedagogo é aquele que estuda, conhece e se ocupa da educação tendo um papel central de organizar e sistematizar os diversos conhecimentos de ensino aprendizagem e ter responsabilidade de acompanha todas as questões educacionais e conhecer a legislação educacional e ter capacidade aguçada de planejamento. 
 Além disso, o pedagogo precisa trabalhar em equipe, da instituição onde trabalha.
Espaço educativo dentro da instituição de ensino.
 
 Para um espaço escolar é essencial é que seus componentes se articulem como o projeto político pedagógico, que contribuam para se alcançar o objetivo educacional. 
 Em uma escola democrática, é fundamental haver auditório ou até mesmo uma quadra para reunir a assembléia escolar. Na sala de aula de uma escola democrática as carteiras podem ser dispostas em círculos, o que favorece o diálogo.
 Na escola tradicional, as bancadas eram umas atrás das outras, o professor ficava na cátedra, num estrado acima dos alunos. Assim cultivava o valor da hierarquia, da obediência. 
 Para um espaço escolar se tornar educativo, faz se necessário que seus componentes materiais sejam adequados á proposta pedagógica.
Diferenciação entre a educação formal, a não formal e a informal
 A aprendizagem é um processo amplo que pode ocorrer-nos mais diversos lugares, não só dentro da escola; mais nos espaços não escolares como as: igrejas, sede das comunidades, hospitais e organizações não governamentais, entre outras instituições.
 O local onde desenvolvemos a educação formal é nas escolas, nessa concepção de educação, os conteúdos são demarcados, especificados, formando um conjunto de disciplinas que serão trabalhadas em períodos predeterminados, portanto, trata-se de um modelo tradicional.
 A educação é entendida como um processo de desenvolvimento da capacidade intelectual da criança e do ser humano tem um significado amplo e abrangente quase sempre único, associado quase sempre a escola.
 Já a educação informal possui uma característica bastante marcante, é aquela desenvolvida no processo de socialização do individuo. Não há lugar, horários nem currículo.
 Essas duas formas de educação formal e informal, facilmente conhecidas por características bem distintas e definidas. Há educação não formal definida por vários pesquisadores, tem também disciplinas, currículos e programas, mas não oferecem graus ou diplomas oficiais. A educação não formal inclui línguas estrangeiras e de especialidade técnicas, artísticas e semelhantes oferecidos em escolar com horários e período letivos bem definidos, ou à distância. 
 A educação informal ocorre em espaços específicos, em centros culturais, jardins botânicos, zoológicos, museus de artes ou de ciências, ainda pode ocorrer em ar livre, feira praças e outros lugares onde as pessoas podem partilhar saber e arte com os seus semelhantes.
Resumo do filme escola de Rock \u2013 com Jack Black
 
 O filme conta a história de um músico que se passa por um professor substituto em uma escola bastante tradicional. Na escola, ele descobre que as crianças têm talento para a música, e monta uma banda sem o conhecimento dos pais e da equipe escolar, envolvendo todos da turma.
 Dizendo às crianças que participarão de uma competição entre escolas em troca de boas notas. Ele convence a diretora em deixar levar as crianças a uma suposta excursão. No final, a diretora e os pais descobrem tudo e para a surpresa deles, o show é um sucesso.
 Podemos perceber que mesmo o músico não tendo formação pedagógica consegue atingir todos os alunos através de sua sensibilidade, conquista e carisma que adquire através da confiança e do diálogo nos mais variados assuntos que as crianças traziam através de suas vivências fora do ambiente escolar.
 A escola apresenta disciplina rígida, formato de classe tradicional, não há democracia, nem envolvimento dos pais e comunidade na elaboração das propostas pedagógicas, muito menos deixava o aluno aprender, construir e criar através de suas próprias estratégias. Tudo se norteava baseado na autoridade da diretora.
 O professor deve explorar ao máximo todo o conhecimento prévio do aluno, valorizando toda a bagagem que traz e que com certeza contribui bastante para o dia - dia na escola. O envolvimento de trabalhos em grupos também é outra estratégia muito significativa escolhida pelo professor, que consegue envolver todos da turma, ajustando seus gostos e aptidões.
 Outro conceito bastante forte é o referente as notas, as crianças se preocupavam com a nota que iriam tirar nas disciplinas envolvidas e as tratavam de modo isolado, não havia a interdisciplinaridade. Com a entrada do professor, ele consegue envolver diversas disciplinas num único trabalho através do tema gerador: o Rock. 
 Assim o falso professor mostrou que o rock é uma cultura uma arte, ele ensinou os alunos a trabalhar em equipe, descobrir talentos, criar projetos, desenvolveu a confiança dos alunos.
 
Esquema sobre as partes principais do filme.
	
 A história
	Um roqueiro, que foi demitido de sua própria banda e tenta trabalhar em uma rígida escolar particular como professor de música.
	
Criatividade do Professor
	Mesmo de forma cômica, esse filme nos mostra que o professor pode e deve utilizar todos os recursos necessários para a aprendizagem dos alunos, estabelecendo uma comunicação, incentivando-os a aprender.
	
Qual exemplo tirar do filme
 
	A motivação criada pelo professor desperta habilidades e produz resultados fantásticos na aprendizagem.
Referências:
Filme: Escola de rock
http://www.cinemadebuteco.com.br/criticas/critica-escola-de-rock/
http://blackboard.grupoa.com.br/3-coisas-que-o-filme-escola-de-rock-pode-ensinar-aos-professores/
Grochoska, M, A. Organização escolar: Perspectivas e Enfoques. 
Liblik. Ana Maria Petraitis: Contexto Educacionais e Integradora de saberes/ Ana Maria Petraitis Liblik, Rosa Artini Petraitis, Laima Irene Liblik Regina - Cuitiba: Inter saberes, 2012.
CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER
DANIELE AMÉRICO \u2013 RU: 1137704
PORTFÓLIO \u2013 GESTÃO EDUCACIONAL 
JACAREZINHO
2015
CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER
 DANIELE AMÉRICO \u2013 RU: 1137704
PORTFÓLIO \u2013 GESTÃO EDUCACIONAL
Portfólio \u2013 UTA Gestão Educacional Disciplina de Desenvolvimento Humano