A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
47 pág.
Apostila Agrobusiness

Pré-visualização | Página 9 de 12

Contabilidade Agribusiness 
_________________________________________________________________________ 
31
 
 
3.3 Durante o ano X3 
Ocorreram os seguintes fatos: 
• nasceram 80 bezerros: 40 machos e 40 fêmeas; 
• morreram 10 bezerros, no início de 19X3, referentes ao lote de bezerros de O a 12 
meses; 
• o custo do rebanho em formação foi de $ 276.000; 
Com referência à morte de 10 bezerros 
Para fins de avaliação, o custo dos bezerros de zero a 12 meses (nascidos em 19X2) é de $ 
30.000, ou seja, $ 750 cada um ($ 30.000/40 bezerros). Dessa forma, o custo dos bezerros 
mortos é de $ 7.500,00 (10 x $ 750). Nesse exemplo, o custo mortas será tratado como 
perda do período e não incorporado ao rebanho, evitando-se com isso onerar os animais 
vivos. 
Observe-se que as mortes foram acidentais, aleatórias e involuntárias, por isso serão 
tratadas como perda do período, indo diretamente como resultado (não operacional). 
Todavia, tratando-se de mortes normais, inerentes ao processo de criação, previsível 
estatisticamente, serão tratadas como custos normais, permanecendo como "Custo do 
Rebanho" (não sendo baixado corno perdas extraordinárias) diluindo-se por todo o rebanho. 
. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Contabilidade Agribusiness 
_________________________________________________________________________ 
32
Rateio do custo do rebanho em formação 
 Custo anual $ 276.000 
 Nº de cabeças que receberão custos: 
 [80] cabeças nascidas em Xl 
 --------------------------------------------------------- 
 80 cabeças nascidas em X2 
 (10) mortes em 19X3 
 [70] 
 -------------------------------------------------------- 
 [80] cabeças nascidas em X3 
 230 cabeças – Total 
 
 $ 276.000 = $ 1.200 por cabeça 
 230 cabeças 
 
Resumo. 
 80 nascidos x $ 1.200 = 96.000 
 70 (l9X2) x $ 1.200 = 84.000 
 80 (19Xl) x $ 1.200 = 96.000 
 276.000 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Contabilidade Agribusiness 
_________________________________________________________________________ 
33
 
UNIDADE VI – CONTABILIDADE DA PECUÁRIA – MÉTODO DE 
AVALIAÇÃO PELO PREÇO DE MERCADO 
Para favorecer o entendimento deste método, são apresentados, a seguir, alguns conceitos 
básicos 
1- Princípio da realização da receita e da confrontação da despesa 
Por meio do confronto da Receita com as Despesas que contribuem para a aquisição 
daquela Receita, obtém-se o Resultado (Lucro ou Prejuízo) de determinado período. 
Dessa forma, após o reconhecimento da Receita, procura-se associar a ela toda despesa 
incorrida para a sua consecução, mesmo que parte dessa despesa seja apenas uma 
estimativa, como é o caso de Devedores Duvidosos. 
Portanto, este item destaca, em primeiro lugar, o reconhecimento da Receita e, em seguida, 
aborda a despesa incorrida. 
 
1.1 Receita realizada antes da venda 
Em algumas situações, todavia, é aceitável e útil o reconhecimento da Receita antes do 
ponto de venda (de transferência). 
Para produtos de ciclo operacional relativamente longo (superior a um ano), cujo processo 
de produção depende de crescimento natural e há possibilidade de uma avaliação de 
mercado objetiva e estável, pode-se reconhecer a receita antes do ponto de venda. 
O procedimento contábil consiste em avaliar, ao final de determinados períodos ou em 
estágios distintos de crescimento, o Estoque a valor de realização; para atingir o valor de 
mercado, a parcela debitada ao Estoque seria creditada como uma receita (aqui denominada 
Variação Patrimonial) na apuração do resultado. Daí a formação de lucro econômico 
(ganho, mas não realizado financeiramente). 
Na contabilização do Estoque a valores de mercado deve-se fazer um provisionamento das 
despesas de vendas que ocorrerão na venda do produto (imposto, transportes etc.). 
Na realização financeira daquele lucro, por ocasião da venda do produto, dá-se baixa no 
Estoque e debita-se o resultado de Contas a Receber ou do Disponível. Se o valor da venda 
for maior que o valor do Estoque, contabiliza-se a diferença como Receita. Se a Receita for 
menor que o Estoque, contabiliza-se a diferença como prejuízo. Nesse momento devem ser 
feitos todos os ajustes necessários. 
Portanto, o Estoque estará avaliado a preço de mercado, que, normalmente, é mais elevado 
que o de custo. 
 
2 Reconhecimento da receita na pecuária 
2.1 Crescimento natural 
O processo de produção da pecuária consiste no crescimento natural do gado e conseqüente 
aumento de valor do Ativo da empresa, particularmente do Estoque, uma 'vez que o gado 
ganha peso e valor com o passar do tempo. 
O gado ganha acréscimo de valor econômico não apenas pelo fato de serem agregados 
fatores de produção para sua formação, mas também por causa do seu crescimento natural, 
variável esta fundamental na avaliação do estoque vivo. 
A não consideração do incremento do item Estoque pelo crescimento natural do gado 
distanciaria o Ativo do seu verdadeiro potencial de benefícios para a empresa e ocasionaria 
 Contabilidade Agribusiness 
_________________________________________________________________________ 
34
um Patrimônio Líquido subavaliado; conseqüentemente, um Valor Patrimonial de ação 
desatualizado. 
2.2 Avaliação de mercado objetiva e estável 
Ao contrário dos estoques em elaboração das empresas industriais, o gado, a qualquer 
momento, mesmo sem atingir a semelhança de produtos acabados (bezerros, novilhos etc.), 
tem um preço definido de mercado. 
Uma avaliação objetiva de mercado, em estágios distintos de maturação dos produtos, é 
condição básica para reconhecer a receita antes da venda dos produtos em crescimento 
natural. 
 
3 - Momento da avaliação 
Um dos problemas encontrados é quanto ao momento em que se deve avaliar o estoque 
vivo a valores de saída. O ideal seria, no encerramento do Balanço Patrimonial, evidenciar 
patrimônio (estoque) corrente compatível com a data desse relatório. A prática, porém, é 
um pouco complicada, pois se têm bezerros e novilhos com idades diferentes naquela data, 
uma vez que os nascimentos acontecem durante todo o ano. 
 
3.1 Nascimentos planejados 
Já se observam empresas pecuárias que planejam lotes de nascimento em determinados 
períodos do ano por meio da inseminação artificial e outros. Nesse caso, O processo 
contábil é simplificado, pois o balanço será encerrado logo após os nascimentos e 
ocorrerão, a partir daí, coincidências nos aniversários do rebanho (um ano, dois anos, três 
anos...) para as sucessivas avaliações. Mesmo que se quisesse dividir o rebanho em 
categorias de idade semestral, o processo seria simples. Todavia, quando os nascimentos 
são distribuídos durante o ano, vários critérios podem ser utilizados. 
 
3.2 Avaliação na mudança de categoria (anual) 
O bezerro seria avaliado por ocasião do seu nascimento e, nos anos seguintes, no mês do 
seu aniversário. No encerramento do balanço, seria relacionado no estoque, conforme a 
avaliação recebida na mudança de